A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Proteção Radiológica Raphael de Oliveira Santos. Aula 03: Hábitos de trabalho Conhecimento da rotina básica de um serviço de Radiologia; Criar métodos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Proteção Radiológica Raphael de Oliveira Santos. Aula 03: Hábitos de trabalho Conhecimento da rotina básica de um serviço de Radiologia; Criar métodos."— Transcrição da apresentação:

1 Proteção Radiológica Raphael de Oliveira Santos

2 Aula 03: Hábitos de trabalho Conhecimento da rotina básica de um serviço de Radiologia; Criar métodos dentro deste protocolo para reduzir exposições e doses excessivas; Execução em sua ordem natural e correta para obter tais resultados.

3 Protocolo básico 1 -Analisar o pedido do exame (tipo de exame, técnica a usar, quantidade de filmes necessários para a rotina); 2 -Separar a quantidade quantidade de chassis e tamanhos tamanhos necessários, colocando-os no passa-chassis; 3 -Na sala de exames, alinhar alinhar o Raio Central (feixe central de raios-x) à linha central central da mesa e estativa vertical; 4 -Desinfetar equipamentos com álcool e alimentar o numerador com os dados do exame(nome do paciente, data, etc.); 5 - Alinhar Alinhar a DFF (Distância Foco-Filme) de acordo com o exame pedido.

4 Protocolo básico (cont.): 6 - Identificar no prontuário e anunciar o paciente. 7 - Explicar os procedimentos do exame ao paciente e as devidas instruções. 8 - Encaixar o chassi no porta-chassi da mesa/Bucky no sentido adequado. 9 - Medir, com o espessômetro, o local de interesse e acomodar o paciente na mesa Calcular a técnica radiológica (o Kv) com a espessura medida.

5 Protocolo básico (cont.): 11 - Fornecer vestimentas adequadas ao paciente e proteções de chumbo, se necessário for Posicionar o paciente conforme o exame a realizar e, atrás da cabine/biombo, efetuar a exposição, observando o paciente pelo vidro da cabine 13 - Informar o paciente da necessidade de revelar o filme 14 - Revelar as películas e, não sendo necessário repetir as exposições, liberar o exame para o paciente 15 - Higienizar a sala para o próximo exame

6 Pontos importantes para a RP Analisar o pedido do exame Analisar o pedido do exame – Ajuda a efetuar os exames corretos, evitando REPETIÇÕES Identificar o paciente Identificar o paciente – Evita que efetuemos o exame certo no paciente errado e, com isso, evitando doses DESNECESSÁRIAS. Alinhar os equipamentos Alinhar os equipamentos – Evita que exames saiam cortados, sem necessidade de REPETIÇÕES Identificar o exame corretamente Identificar o exame corretamente (numerador) – Previne entregar exame certo para o paciente errado ou errar região radiografada, evitando REPETIÇÕES

7 Pontos importantes para a RP Alinhar DFF incorreta Alinhar DFF incorreta – imagem fica ampliada (DFF maior) ou reduzida (DFF menor), necessitando REPETIÇÃO do exame. Instruções corretas ao paciente Instruções corretas ao paciente – proporcionam cooperatividade do paciente, o que evita borramentos e distorções na imagem, não sendo necessária REPETIÇÃO. Espessura correta do paciente = KV correto = dose correta = imagem ótima = sem REPETIÇÃO = sem dose EXCESSIVA Posicionamento correto Posicionamento correto – evita REPETIÇÕES, correta interpretação do médico radiologista e correto diagnóstico médico ao paciente

8 Hábitos de trabalho por tópicos: Usar técnicas radiológicas adequadas, evitando repetições de exames e radiação espalhada Profissional deve SEMPRE usar o dosímetro pessoal durante sua jornada de trabalho Profissional deve SEMPRE ficar atrás da cabine ou biombo durante a realização da exposição Usando aparelhos de raios-x móvel, aplicar método tempo/distância/blindagem, priorizando menor tempo, maior distância e toda blindagem possível Dosímetro, filmes ou canetas dosimétricas sempre na frente do avental plumbífero Durante a realização do exame, portas de acesso devem estar sempre fechadas com devida sinalização

9 Acessórios e EPIs em Radiologia Espessômetro Espessômetro: Medir a região de interesse Luva plumbífera Luva plumbífera: Proteger o profissional em casos de contenção do paciente durante a exposição Numerador Numerador: Identificação da radiografia com os dados do paciente

10 Acessórios e EPIs em Radiologia Avental plumbífero Avental plumbífero: Proteção de corpo inteiro para profissional ou paciente Protetor de tireóide Protetor de tireóide: Proteção profissional/paciente para exame localizado ou composição do avental.

11 Acessórios e EPIs em Radiologia Óculos plumbífero Óculos plumbífero: Proteção para o cristalino Protetor gonadal Protetor gonadal: Proteção para os testículos ou ovários durante exames na região.

12 Acessórios e EPIs em Radiologia Biombo/cabine Biombo/cabine: Proteção para o profissional durante a exposição. É obrigatório ficar atrás dele durante o exame

13 Sinalização de área Serve para alertar os indivíduos que permanecem no local da presença de radiação ionizante e de risco de exposição a elas. Alerta para profissionais ocupacionalmente expostos. Alerta para pacientes e acompanhantes. Prevenir exposições desnecessárias e acidentes radiológicos (emergências radiológicas) Manter a organização e funcionamento adequado do departamento, sem danos para ambas as partes.

14 Sinalização de área Isolamento de área Símbolo internacional de radiações ionizantes Restrição de acesso: (rejeitos radioativos ou sala de exames)

15 Sinalização: Avisos de porta Letreiro luminoso: Letreiro luminoso: Acende quando efetuado o aquecimento do catodo (preparação)

16 Sinalização: Avisos (Gravidez) É necessária a notificação da gravidez ao técnico/médico antes da entrada na sala de exames, pois dependendo do tempo de gestação e do tipo de exame a realizar, a realização da radiografia é suspendida e proibida. No entanto, não havendo riscos ao feto, a radiografia é efetuada com devida proteção plumbífera sobre o ventre. Este procedimento é para a proteção radiológica do feto, que está em fase de desenvolvimento, que pode ser prejudicado pelo contato com radiações ionizantes.

17 Sinalização: Avisos (Acompanhantes) A presença de acompanhantes é dispensável. Em exceções, é permitida a entrada somente com devida proteção. É aconselhável a presença de acompanhantes somente em casos de contenção (crianças, idosos ou pacientes não cooperativos)


Carregar ppt "Proteção Radiológica Raphael de Oliveira Santos. Aula 03: Hábitos de trabalho Conhecimento da rotina básica de um serviço de Radiologia; Criar métodos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google