A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Planejamento: Produzindo Valor Estratégico Planejamento e Administração Estratégica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Planejamento: Produzindo Valor Estratégico Planejamento e Administração Estratégica."— Transcrição da apresentação:

1 Planejamento: Produzindo Valor Estratégico Planejamento e Administração Estratégica

2 Planejamento é uma expressão formal da intenção gerencial. Ele descreve o que os gerentes decidiram fazer e como eles vão fazê-lo. O plano fornece a estrutura básica, o foco e a orientação dos principais esforços necessários. Sem planejamento qualquer avanço em termos de inovação, velocidade, qualidade e custos ocorre ao acaso, se ocorrer.

3 1. Visão geral dos fundamentos básicos de planejamento

4 Planejamento é o processo sistemático e consciente de tomada de decisões a respeito das metas e atividades a serem cumpridas no futuro por um indivíduo, um grupo, uma unidade de trabalho ou uma organização.

5 Planejamento não é uma resposta informal ou casual a uma crise; é um esforço proposital, dirigido e controlado pelos gerentes e baseado no conhecimento e na experiência de todos os funcionários da organização.

6 Planejamento proporciona a indivíduos e unidades de trabalho diretrizes claras a serem seguidas nas atividades futuras, incluindo circunstâncias individuais e condições de mudanças.

7 1.1 Processo básico de planejamento: análise situacional, metas e planos alternativos, avaliação do plano e da meta, escolha do plano e da meta, implementação, e monitoramento e controle.

8 1.1.1 Análise situacional – é o processo adotado pelos planejadores, dentro das restrições de tempo e recursos, para coletar, interpretar e resumir toda informação relevante para a questão de planejamento analisada.

9 1.1.2 Metas e planos alternativos – (1) metas – são alvos ou objetivos que a alta administração deseja atingir e (2) planos - são ações ou meios que os gerentes pretendem adotar para atingir as metas organizacionais.

10 1.1.3 Avaliação do plano e da meta – quais as vantagens, desvantagens e os efeitos potenciais de cada plano ou meta?

11 1.1.4 Escolha do plano e da meta – qual o mais adequado e viável? Análise de cenários (narrativa que descreve um conjunto específico de situações futuras).

12 1.1.5 Implementação – depois de se selecionar as metas e os planos, os gerentes devem implementar os planos elaborados para cumprir as metas. De nada valem os melhores planos se eles não forem implementados corretamente. Os gerentes e os funcionários precisam entender o plano, ter os recursos necessários para sua implementação e estar motivados para implementá-lo.

13 1.1.6 Monitoramento e controle – sem monitoramento e controle não haveria meios de saber se o plano está tendo êxito. Ações corretivas deverão ser adotadas sempre que os planos forem implementados de forma inadequada ou quando a situação mudar.

14 2. Níveis de planejamento

15 2.1 Planejamento estratégico – conjunto de procedimentos da organização para tomar decisões dobre metas e estratégias de longo prazo.

16 Metas estratégicas – principais alvos ou resultados finais relacionados com a sobrevivência, o valor e o crescimento de longo prazo da organização.

17 Estratégia – padrão de ações e alocação de recursos projetado para atingir as metas da organização.

18 2.2 Planejamento tático e operacional

19 Planejamento tático – conjunto de procedimentos para converter as metas e os planos estratégicos mais abrangentes em metas e planos específicos relevantes para uma parte distinta da organização, por exemplo, alguma área funcional como a de marketing.

20 Planejamento operacional – processo de identificação dos procedimentos e processos específicos necessários nos níveis inferiores da organização.

21 2.3 Alinhamento entre planejamento estratégico, tático e operacional – os três planejamentos precisam ser coerentes, mutuamente sustentáveis e focados no alcance de um objetivo tendo um propósito comum.

22 3. Planejamento estratégico – novas idéias vindas dos gerentes de toda a organização podem contribuir para a eficácia do plano.

23 Gestão/administração estratégica – processo envolvendo gerentes de todas as partes da organização na formulação e implementação das estratégias e metas estratégicas.

24 3.1 Etapa 1: Definição da missão, da visão e das metas

25 Missão – propósito básico e escopo das operações de uma organização.

26 Visão estratégica – direcionamento de longo prazo e intenção estratégica de uma companhia.

27 Metas estratégicas (termos chave: estabelecer, pensar, atuar, exceder, aumentar, construir, cumprir e etc) – evoluem baseadas na missão e na visão da organização.

28 3.2 Etapa 2: Análise das oportunidades e ameaças externas – o êxito da gestão estratégica depende de uma avaliação completa e precisa do seu ambiente externo.

29 Stakeholders – grupos e indivíduos que afetam o – ou são afetados pelo – cumprimento da missão, das metas e das estratégias da organização.

30 A análise ambiental proporciona um mapa desses grupos e indivíduos e da influência exercida por eles na organização.

31 3.3 Etapa 3: Análise das forças e fraquezas internas – exemplos: a situação financeira da empresa é suficientemente sólida para suportar investimentos extensos e custosos em novos projetos? O quadro funcional da empresa conta com funcionários qualificados para cumprir a parte que lhes cabe do plano ou serão necessários mais treinamento e contratação de pessoal? A imagem da empresa é compatível com a estratégia, ou ela terá de convencer os principais stakeholders sobre a necessidade das mudanças?

32 Recursos – insumos que podem melhorar o desempenho de um sistema.

33 Competências essenciais – qualificações e/ou conhecimento únicos de uma organização, que proporcionam uma margem de superioridade sobre os concorrentes.

34 Benchmarking – é uma análise comparativa entre as funções e qualificações básicas de uma companhia e de outras companhias. O objetivo é conhecer as melhores práticas de cada empresa e implementar ações para atingir um desempenho melhor com custos menores.

35 3.4 Etapa 4: Análise SWOT e formulação estratégica

36 3.4.1 Análise SWOT – comparação entre forças (strengths), fraquezas (weaknesses), oportunidades (opportunities) e ameaças (threats) da empresa cujo conhecimento ajudam o executivo a elaborar a estratégia.

37 3.4.2 Estratégia corporativa – conjunto de negócios, mercados ou setores de atuação da organização e a distribuição de recursos entre essas entidades.

38 Estratégia de concentração – estratégia empregada por uma organização que opera um único negócio e concorre em um único setor de atividade.

39 Estratégia de integração vertical – aquisição ou desenvolvimento de um novo negócio que produza partes ou componentes do produto da organização.

40 Estratégia de diversificação concêntrica – estratégia utilizada para acrescentar novos negócios que produzam produtos relacionados ou que estejam envolvidos em atividades e mercados relacionados.

41 Estratégia de diversificação conglomerada – estratégia adotada para acrescentar novos negócios que produzam produtos não- relacionados ou que estejam envolvidos em atividades e mercados não-relacionados. E.g.: o principal negócio do McDonalds é o imobiliário.

42 3.4.3 Estratégia de negócios – principais ações por meio das quais uma empresa concorre em determinado setor de atividade ou mercado.

43 Estratégia de baixo custo – estratégia utilizada pela organização para criar vantagem competitiva, sendo eficiente e oferecendo produtos simples e padronizados.

44 Estratégia de diferenciação – estratégia adotada por uma organização para adquirir vantagem competitiva, sendo única em seu setor de atividade ou segmento de mercado em uma ou mais dimensões.

45 3.4.4 Estratégia funcional – estratégia implementada por área funcional da organização para apoiar a estratégia de negócios da empresa.

46 3.5 Etapa 5: Implementação da estratégia

47 (1) Definição de tarefas estratégicas, (2) Avaliação da capacidade organizacional de implementação de tarefas estratégicas, (3) Elaboração de uma agenda de implementação e (4) Criação de um plano de implementação.

48 3.6 Etapa 6: Controle estratégico

49 O sistema de controle estratégico é destinado a auxiliar os gerentes a avaliar o progresso da organização relativamente à sua estratégia e, quando houver discrepâncias, a providenciar as medidas corretivas.


Carregar ppt "Planejamento: Produzindo Valor Estratégico Planejamento e Administração Estratégica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google