A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco.. Respiração de Cheyne-Stokes Intolerância ao exercício Distúrbios do sono.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco.. Respiração de Cheyne-Stokes Intolerância ao exercício Distúrbios do sono."— Transcrição da apresentação:

1 Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco.

2 Respiração de Cheyne-Stokes Intolerância ao exercício Distúrbios do sono

3 Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco. Respiração de Cheyne-Stokes: comum na IC avançada, pode ser percebida como uma dispnéia grave ou parada transitória da respiração.

4 Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco. Intolerância ao exercício: o fluxo sanguíneo para os músculos em exercício fica prejudicado em decorrência do baixo débito cardíaco.

5 Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco. Distúrbios do sono: períodos de dessaturação noturna de oxigênio menores que 80% a 85% são relativamente comuns e coincidem com episódios de apnéia.

6 Sinais e sintomas de hipertensão venosa pulmonar.

7 Sintomas: Dispnéia Ortopnéia Dispnéia paroxística noturna Sinais: Esterores Tosse e hemoptise

8 Sinais e sintomas de hipertensão venosa pulmonar. Dispnéia, na maioria, apenas com atividade ou esforço. Congestão pulmonar com líquido intersticial ou inta-alveolar que ativa os receptores J justacapilares estimulando um padrão rápido e superficial de respiração. Ortopnéia: resulta de um aumento no retorno venoso a partir das extremidades e da circulação esplâncnica para a circulação central em função das alterações na postura, com o consequente aumento nas pressões venosa pulmonar e na pressão hidrostática capilar.

9 Sinais e sintomas de hipertensão venosa pulmonar. Dispnéia paroxística noturna: episódio de falta de ar agudo e grave, que desperta o paciente do sono, geralmente 1 a 3 horas após se deitar. Os sintomas resolvem-se 10 a 30 minutos após o paciente levantar-se.

10 Sinais e sintomas de hipertensão venosa pulmonar. Edema Pulmonar Agudo: transudação do líquido para dentro dos espaços alveolares devido a elevações agudas nas pressões hidrostáticas capilares decorrente de uma depressão aguda da função cardíaca.

11 Sinais e sintomas de hipertensão venosa pulmonar Estertores: representam líquido alveolar são um marcador da insuficiência cardíaca. Tosse e hemoptise

12 Sinais e sintomas de hipertensão venosa sistêmica.

13 Edema de membros inferiores Ascite Sintomas Gastrointestinais Dor no quadrante superior direito e discreta icterícia Hepatomegalia Estase jugular

14 Sinais e sintomas de hipertensão venosa sistêmica. Ascite: ocorre como resultado de pressões elevadas, nas veias portais, hepáticas e sistêmicas que drenam o peritônio.

15 Sinais e sintomas de hipertensão venosa sistêmica. Edema de membros inferiores: a pressão atrial direita elevada aumentam as pressões hidrostáticas capilares na circulação sistêmica, com uma resultante transudação.

16 Sinais e sintomas de hipertensão venosa sistêmica. Sintomas Gastrointestinais: O edema de parede intestinal pode levar a uma saciedade precoce, náuseas, desconforto abdominal difuso, má absorção e enteropatia perdedora de proteínas. Dor no quadrante superior direito e discreta icterícia: ocorrem devido a congestão passiva do fígado. Hepatomegalia

17 Sinais e sintomas de hipertensão venosa sistêmica. Estase jugular: ocorre quando a pressão na veia jugular está mais alta que o normal, as suas paredes dilatam ou distendem.


Carregar ppt "Sinais e sintomas de baixo débito cardíaco.. Respiração de Cheyne-Stokes Intolerância ao exercício Distúrbios do sono."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google