A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Diagnóstico e Entrevista Diagnóstica Síndromes psiquiátricas (Cap. 1 e 2)- Cristiano Nabuco.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Diagnóstico e Entrevista Diagnóstica Síndromes psiquiátricas (Cap. 1 e 2)- Cristiano Nabuco."— Transcrição da apresentação:

1 O Diagnóstico e Entrevista Diagnóstica Síndromes psiquiátricas (Cap. 1 e 2)- Cristiano Nabuco

2 A entrevista Diagnóstica - Ana Meneses (Do grego: remontar memórias) e outras técnicas de entrevista Coleta de dados Coleta de dados 1. Validade: qualidade do instrumento em reconhecer com máximo de acerto os sujeitos que têm um problema 2. Confiabilidade: entre avaliadores e com o passar do tempo

3 Aspectos relevantes durante o diagnóstico Estágios Aspectos relevantes A entrevista - Formação técnica - Destreza para detecção de alterações psicopatológicas - Capacidade de estabelecer uma boa relação - Capacidade de expressão da queixa Percepção do psiquiatra a partir da anamnese subjetiva - Necessidade de mais entrevistas? - Necessidade de fontes externas? - Efeito halo (influência da 1ª impressão)

4 Aspectos relevantes durante o diagnóstico Estágios Aspectos relevantes Categorização das informações - Antecedentes pessoais - Antecedentes familiares - Traços pré-morbidos - Sinais e sintomas (o exame psíquico) - Problemas psi e sociais - Exames complementares O diagnóstico - Varia conforme a finalidade

5 O que não pode faltar na anamnese? 1. História Inicial: 1.Dados sociodemográficos 2.Queixa principal e sua história 3.Antecedentes mórbidos (pessoal e familiar) 4.Aspectos psicológicos da vida do paciente Falar livremente: alívio da angústia e dados para o psicólogo! Falar livremente: alívio da angústia e dados para o psicólogo!

6 O que não pode faltar na anamnese? 1.1 Antecedentes pessoais psiquiátricos: - tentativas de suicídio - auto e hetero agressividade - uso de substâncias - episódios psiquiátricos anteriores - abuso físico e sexual - problemas legais

7 O que não pode faltar na anamnese? 1.2 Antecedentes pessoais não- psiquiátricos: - hipertensão - diabetes - traumatismos - tireóide/AIDS

8 O que não pode faltar na anamnese? 1.2 Aspectos Psicológicos - comportamento na infância - relacionamento com os pais - sexualidade - rendimento escolar - aceitação de responsabilidades - relacionamentos pessoais/conjugais - profissão - perda parental precoce ou recente - separação

9 Fatores etiológicos envolvidos - Tipos: -Biológicos (doenças no SNC, patologias em órgãos...) -Psicológicos (conflitos, desejos, necessidades, traços de personalidade disfuncionais) -Sociais (dinâmica familiar e papel na sociedade)

10 Fatores etiológicos envolvidos 1. Predisponentes (presentes antes do início do quadro) 2. Precipitantes (aparecem imediatamente antes do início do quadro) 3. Mantenedores (presentes após o início do quadro e ajudam a mantê- lo) Um mesmo fator pode ser de mais de um tipo Um mesmo fator pode ser de mais de um tipo

11 O que não pode faltar na anamnese? Perguntas que não podem faltar: -Há quanto tempo apresenta determinada queixa? Já apresentou algo parecido antes? -Alguém na família já apresentou quadro parecido? -Faz uso de drogas/medicação? -Apresentou traumatismo anteriormente? -Já foi submetido a internação psiquiátrica?


Carregar ppt "O Diagnóstico e Entrevista Diagnóstica Síndromes psiquiátricas (Cap. 1 e 2)- Cristiano Nabuco."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google