A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A História da Soka Gakkai Uma organização que herdou a ordem e o desejo de Nitiren Daishonin de concretizar a paz, visando o bem-estar da humanidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A História da Soka Gakkai Uma organização que herdou a ordem e o desejo de Nitiren Daishonin de concretizar a paz, visando o bem-estar da humanidade."— Transcrição da apresentação:

1 A História da Soka Gakkai Uma organização que herdou a ordem e o desejo de Nitiren Daishonin de concretizar a paz, visando o bem-estar da humanidade.

2 A Soka Gakkai Surgiu com a missão de propagar o Budismo de Nitiren Daishonin. Tornou esse ensino conhecido em 192 países e territórios. Promove diversas atividades com o propósito de contribuir para o desenvolvimento da cultura humana e da paz mundial com base no ideal humanístico exposto por Nitiren.

3 A época de Tsunessaburo Makiguti Makiguti nasceu em 6 de junho de 1871, na província de Niigata. Na adolescência, mudou-se sozinho para Hokkaido, para trabalhar e estudar. Aos 18 anos, matriculou-se na Escola Normal de Hokkaido (atual Faculdade de Pedagogia) e após formado atuou como professor de ensino fundamental.

4 A época de Tsunessaburo Makiguti Geografia da Vida Humana foi sua primeira obra, pela vocação pelo estudo em Geografia. Em 1901, mudou-se para Tóquio, para publicá-la e lá permaneceu, exercendo a função de diretor em diversas escolas de ensino fundamental.

5 A época de Tsunessaburo Makiguti Seu discípulo, Jossei Toda, nasceu em 11 de fevereiro de 1900, na província de Ishikawa. Por volta de 1902, sua família migrou para a Vila Atsuta, em Hokkaido. Toda trilhou pelo caminho da educação e tornou-se também professor de ensino fundamental.

6 A época de Tsunessaburo Makiguti Em 1920, Toda deixou a Vila Atsuta e foi para Tóquio. Ao ser contratado como professor substituto na Escola de Ensino Fundamental de Nishimati, conheceu Tsunessaburo Makiguti, diretor dessa escola.

7 A época de Tsunessaburo Makiguti Pouco tempo depois, percebendo a grandiosidade de Makiguti,Toda tornou-se seu discípulo. Em meio à atuação na área educacional, Makiguti procurava uma religião que pudesse servir de base para a sua vida. Em 1928, converteu-se ao Budismo Nitiren, sendo seguido logo depois por Toda.

8 Fundação da Soka Kyoiku Gakkai 18 de novembro de 1930: – Makiguti publicou a obra Teoria do Sistema Educacional de Criação de Valores, na qual consta o nome Soka Kyoiku Gakkai (Sociedade Educacional de Criação de Valores). –Considerado como a data de fundação da Soka Gakkai.

9 Fundação da Soka Kyoiku Gakkai Tsunessaburo Makiguti baseava sua filosofia educacional naquilo que chamava de teoria da criação de valor. O propósito da vida era a felicidade, que ele definia como sendo o estado em que a pessoa pode plenamente criar valor.

10 A Soka Kyoiku Gakkai começou a atuar efetivamente em 1937, como uma organização composta de educadores que simpatizavam com o sistema educacional Soka (criação de valores). Mais tarde, passou a incorporar pessoas de outras áreas e se tornou uma organização de leigos praticantes do Budismo Nitiren. Fundação da Soka Kyoiku Gakkai

11 A Soka Kyoiku Gakkai foi se desenvolvendo por meio da promoção de reuniões de palestras e campanhas de conversão por todo o Japão. Desde a sua fundação, a Soka Kyoiku Gakkai se estabeleceu como instituição independente da Nitiren Shoshu (entidade religiosa formada por clérigos). Fundação da Soka Kyoiku Gakkai

12 Em torno do presidente Makiguti e do diretor-geral Toda, a organização permaneceu como uma entidade leiga autônoma e seus integrantes receberam orientações sobre a prática do budismo por intermédio de sua liderança, sem se subordinarem ao clero da Nitiren Shoshu. Fundação da Soka Kyoiku Gakkai

13 A prática religiosa desenvolvida na Soka Kyoiku Gakkai objetivava a comprovação da felicidade na vida diária de seus membros, incentivando-os a se fortalecerem na fé e na prática como também a atuarem pela paz e pela prosperidade social, sem se prenderem a rituais religiosos nos templos ou nas ocasiões de casamentos e funerais – A mais correta forma de prática religiosa baseada no espírito original do Budismo Nitiren. Fundação da Soka Kyoiku Gakkai

14 O governo japonês, militarista com forte tendência para a expansão da guerra, adotou o xintoísmo como religião oficial e como suporte espiritual da nação. Quando eclodiu a Segunda Guerra Mundial, o governo impôs a unificação de religiões e a adoração do talismã xintoísta. Enfrentando o regime militar japonês

15 Em junho de 1943, o clero da Nitiren Shoshu, temendo a repressão do governo militar, instruiu a Gakkai a aceitar o talismã xintoísta – Atitude que era uma heresia que contrariava os ensinos de Nitiren. A Gakkai rejeitou e manteve-se fiel aos ensinos budistas. Enfrentando o regime militar japonês

16 Em 6 de julho, Makiguti, Toda e mais 21 líderes da Gakkai foram detidos. Diante do rigor dos interrogatórios, somente Makiguti e Toda se mantiveram firmes em suas convicções, enquanto os demais abandonaram a fé.

17 A percepção alcançada na prisão Na prisão, Jossei Toda empenhou-se na recitação do Daimoku e na leitura do Sutra de Lótus e chegou à percepção de que Buda é a própria vida. Percebeu também que era um Bodhisattva da Terra que participara da Cerimônia do Ar descrita no Sutra de Lótus. Isso ocorreu em novembro de 1944.

18 A percepção alcançada na prisão No dia 18 de novembro de 1944, o presidente Makiguti veio a falecer na prisão, em Tóquio, apresentando senilidade e desnutrição. Assim, Makiguti faleceu como um mártir, aos 73 anos de idade, no mesmo dia da fundação da Soka Gakkai. Ele reviveu, de forma pioneira para a época, o espírito de Nitiren Daishonin de propagar a Lei Mística e de salvar o povo dos sofrimentos – Uma nobre existência de não poupar a própria vida.

19 A percepção alcançada na prisão Jossei Toda, a partir da percepção alcançada, criou uma inabalável convicção no Budismo de Nitiren e a plena consciência da própria missão como um líder do Kossen-rufu. A percepção de Toda na prisão se tornou o ponto primordial do progresso da Soka Gakkai de pós-guerra.

20 A percepção alcançada na prisão Após o término da guerra, durante uma cerimônia em memória a Makiguti, Toda disse: Com sua vasta e ilimitada benevolência, o senhor deixou-me acompanhá-lo até mesmo na prisão. Graças a isso, puder ler com minha própria vida a passagem do Sutra de Lótus – [eles] habitaram aqui e lá em várias terras do Buda, renascendo constantemente em companhia de seus mestres. Como resultado desse benefício, entendi o verdadeiro significado do ensino dos Bodhisattvas da Terra e pude, embora apenas superficialmente, compreender o significado do Sutra de Lótus com minha própria vida. Como é grande essa felicidade!

21 A época de Jossei Toda Libertado em 3 de julho de 1945, Toda iniciou imediatamente a reconstrução da Soka Gakkai. –Alterou o nome de Soka Kyoiku Gakkai para Soka Gakkai (Sociedade de Criação de Valores), com o propósito de atuar em prol da paz mundial e da felicidade da humanidade, transcendendo o objetivo inicial de promover a reforma educacional. –Retomou a realização de reuniões de palestra e de campanhas de propagação em várias localidades do interior do Japão.

22 A época de Jossei Toda Daisaku Ikeda nasceu no bairro de Ota, Tóquio, no dia 2 de janeiro de Quando estava com 13 anos, eclodiu a Segunda Guerra Mundial e seus quatro irmãos maiores foram convocados. Ikeda passou então a trabalhar numa indústria de armamentos para ajudar no sustento da família.

23 A época de Jossei Toda Ikeda vivia imerso no questionamento sobre a vida e a morte por estar acometido de tuberculose. Vivenciou os horrores da guerra com os bombardeios e sofreu com a tristeza da mãe diante da morte do filho mais velho no campo de batalha. Passada a guerra, estudou inúmeras obras literárias e filosóficas em busca de uma visão correta sobre a vida.

24 O encontro com o verdadeiro discípulo Em meio à reconstrução da Soka Gakkai, o jovem Ikeda participou de uma reunião de palestra no dia 14 de agosto de 1947, encontrando-se pela primeira vez com Toda. Naquele dia, o presidente Toda explanou a Tese sobre o estabelecimento do ensino correto para a paz da nação. Ao final da explanação, o jovem Ikeda fez uma série de perguntas e diante das respostas claras e coerentes de Toda, Ikeda sentiu que poderia confia em suas palavras.

25 A época de Jossei Toda Em 24 de agosto de 1947, dez dias depois, Ikeda converteu-se ao Budismo Nitiren. A partir de então, o jovem Ikeda estudou o budismo, participando das explanações de Toda sobre o Sutra de Lótus, além de frequentar um curso noturno no Instituto Educacional Taisei (atual Faculdade Fuji e Tóquio). Em janeiro de 1949, passou a trabalhar na editora de Toda.

26 A época de Jossei Toda Devido à caótica situação econômica do pós-guerra, as empresas de Toda faliram e ele renunciou ao cargo de diretor geral da Soka Gakkai. Enquanto a maioria dos funcionários o abandonava, somente Ikeda permaneceu ao lado de seu mestre.

27 A época de Jossei Toda Deixou de frequentar seu curso noturno para apoiar seu mestre integralmente. Por isso, Toda passou a ministrar aulas particulares sobre as mais variadas matérias com qualidade superior a de qualquer curso superior, o qual ficou conhecido como Universidade Toda.

28 A posse do segundo presidente Em 3 de maio de 1951, Jossei Toda tomou posse como segundo presidente e lançou o objetivo de concretizar 750 mil conversões – Era um número quase impossível considerando que haviam apenas três mil membros. Toda planejou diversas estratégias visando a ampliação do movimento pelo Kossen-rufu, e assim, no dia 20 de abril, um pouco antes de sua posse, foi publicada a primeira edição do jornal Seikyo Shimbun.

29 A posse do segundo presidente Foi também a ocasião em que começou a escrever a série do romance Revolução Humana, que significa a transformação da condição de vida de cada pessoa com base na prática da fé. Toda reavivou o Budismo de Nitiren Daishonin na época contemporânea por meio da filosofia de vida inserida na revolução humana. Logo após sua posse, fundou as Divisões Feminina, Masculina de Jovens e Feminina de Jovens.

30 A posse do segundo presidente Em janeiro de 1952, indicado por Toda, Daisaku Ikeda assumiu a função de secretário do Distrito Kamata, onde, em fevereiro, alcançou o inédito resultado de 201 conversões. Tal feito acelerou o ritmo da propagação em toda a Soka Gakkai. Em abril de 1952, em comemoração aos 700 anos de fundação do Budismo Nitiren, Toda publicou a Coletânea dos Escritos de Nitiren Daishonin (Nichiren Daishonin Gosho Zenshu), paralelamente à expansão.

31 A manifestação da natureza maligna do poder Em 1956, o jovem Ikeda desenvolveu uma campanha de propagação na região de Kansai, alcançando no mês de maio o inédito resultado de conversões no Distrito de Osaka. Em julho daquele ano, como responsável da campanha eleitoral em Osaka, alcançou uma vitória até então impossível.

32 A manifestação da natureza maligna do poder A partir dessa conquista, a Soka Gakkai passou a ser o foco das atenções como uma organização influente na sociedade. Ao mesmo tempo, começou a sofrer pressões injustas por parte do governo. Daisaku Ikeda enfrentou de forma corajosa tais pressões com o propósito de proteger os membros da Soka Gakkai.

33 A manifestação da natureza maligna do poder Em 3 de julho de 1957, Ikeda foi detido injustamente sob falsa acusação de fraude eleitoral. Durante as duas semanas de interrogatório, foi ameaçado de que prenderiam o presidente Toda caso não assumisse a culpa. A fim de preservar a saúde de seu mestre, que se encontrava debilitada, Ikeda viu-se obrigado a assumir a responsabilidade e foi libertado no dia 17 de julho. O processo judicial desse Incidente de Osaka se arrastou até 25 de janeiro 1962, quando a justiça japonesa o declarou inocente.

34 Confiando a herança do Kossen-rufu Em o se setembro de 1957, Toda proferiu a Declaração pela Abolição das Armas Nucleares que se tornou diretriz do movimento da Soka Gakkai em prol da paz, condenando o uso de armas nucleares e considerando-as como grande mal a despojar o direito à vida. Em dezembro daquele ano, concluiu o maior empreendimento de sua vida: concretizou as 750 mil conversões.

35 Confiando a herança do Kossen-rufu No dia 16 de março de 1958, foi realizada a cerimônia de transmissão do bastão do Kossen-rufu a seis mil membros da Divisão dos Jovens. Esse dia ficou conhecido como Dia do Kossen-rufu. Duas semanas depois, no dia 2 de abril, Jossei Toda encerrou sua nobre existência aos 58 anos, após concluir todos os seus empreendimentos.

36 A época de Daisaku Ikeda Após o falecimento de Jossei Toda, Ikeda tornou-se o principal líder da Soka Gakkai e assumiu a terceira presidência da organização em 3 de maio de 1960, com apenas 32 anos.

37 A época de Daisaku Ikeda Cinco meses depois, em 2 de outubro, Ikeda marcou seu primeiro passo para a propagação mundial do Budismo Nitiren partindo para a sua primeira viagem para as Américas do Norte e do Sul. Em janeiro do ano seguinte, viajou para a Ásia e Índia; e em outubro, visitou a Europa. Assim se iniciou a propagação do Kossen- rufu mundial e o retorno do budismo para o oeste, conforme predito por Nitiren.

38 A época de Daisaku Ikeda Para realizar os ideais traçados por Toda, Ikeda expandiu o movimento em prol da paz, cultura e educação e fundou o Instituto de Filosofia Oriental, a Associação de Concertos Min-On, o Museu de Arte Fuji de Tóquio e o Sistema de Ensino Soka, que abrange do jardim de infância ao curso superior.

39 A época de Daisaku Ikeda Em 8 de setembro de 1968, Ikeda apresentou uma proposta para reatar as relações diplomáticas sino-japonesas e, em 1972, dialogou com o renomado historiador Arnold Toynbee. Numa época em que havia espessas barreiras criadas pela Guerra Fria, Ikeda abriu caminhos de paz e amizade visitando e dialogando com os líderes da China, da antiga União Soviética e dos Estados Unidos.

40 A época de Daisaku Ikeda Em 26 de janeiro de 1975, ele fundou a Soka Gakkai Internacional (SGI) na Ilha Guam, e foi indicado para presidente. Em abril de 1979, ele se torna presidente honorário da Soka Gakkai.

41 Homenagens e reconhecimentos Desde 1983, a cada dia 26 de janeiro, Dia da SGI, o Dr. Daisaku Ikeda envia à Organização das Nações Unidas sua Proposta de Paz. Os encontros com personalidades somam mais de sete mil. As obras literárias na forma de diálogo com intelectuais do mundo alcançaram 50 títulos.

42 Homenagens e reconhecimentos Em particular, o diálogo com Arnold Toynbee já foi publicado em 27 idiomas, e recebeu aprovação de um grande número de personalidades e líderes mundiais. Além disso, o presidente Ikeda realizou até hoje mais de 30 palestras e conferencias em renomadas universidades e entidades científicas.

43 Homenagens e reconhecimentos Em 1995, foi aprovada a Carta da SGI, que estabelece os princípios filosóficos e humanísticos da Organização. Em 1996, foi fundado o Instituto Toda para a Paz Global e Pesquisa Política cujo fundamento são os ideais do presidente Toda. Em 2001, foi inaugurado o campus Aliso Viejo da Universidade Soka da América, na Califórnia. Atualmente, portanto, o movimento em prol da paz, cultura e educação com base no Budismo expande-se em escala mundial.

44 Homenagens e reconhecimentos Hoje, os nomes dos três primeiros presidentes são reconhecidos em todo o mundo, na forma de denominação de logradouros públicos, bem como de homenagens e condecorações diversas. Até o inicio deste ano, o presidente Ikeda recebeu 27 condecorações estatais, mais de 300 títulos acadêmicos, cerca de 700 títulos de cidadania honorária e um grande número de diversas outras homenagens em reconhecimento à sua atuação em prol da paz, da cultura e da educação.

45 Homenagens e reconhecimentos Em paralelo a esse desenvolvimento, ocorreu um incidente em 1991 e o clero da Nitiren Shoshu excomungou mais de 10 milhões de adeptos que faziam parte da Soka Gakkai. Esse ato arbitrário foi considerado heresia por opor-se ao espírito do Buda Nitiren Daishonin. Apesar de diversas tentativas de destruir a Organização, a Soka Gakkai conseguiu superar essa problemática e promoveu ampla campanha de propagação no mundo inteiro.

46 Homenagens e reconhecimentos Atualmente, os membros da SGI atuam em 192 países e territórios e têm comprovado a veracidade do Budismo Nitiren em sua vida, desenvolvendo, ao mesmo tempo, a formação de jovens como herdeiros do Kossen-rufu e como discípulos do presidente Ikeda.

47 Homenagens e reconhecimentos Por outro lado, com base no humanismo, os integrantes da SGI procuram contribuir para a prosperidade social em seus respectivos países, promovendo diversos eventos nas áreas de cultura, educação, meio ambiente, os quais têm sido alvo de reconhecimento público.

48 Homenagens e reconhecimentos Dessa forma, por meio da atuação dos membros da SGI, o Budismo Nitiren tem se tornado uma luz de esperança para toda a eternidade.


Carregar ppt "A História da Soka Gakkai Uma organização que herdou a ordem e o desejo de Nitiren Daishonin de concretizar a paz, visando o bem-estar da humanidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google