A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Goiânia, 23 de novembro de 2011. O Produto Interno Bruto (PIB) corresponde ao valor, a preços de mercado, de todos os bens e serviços finais produzidos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Goiânia, 23 de novembro de 2011. O Produto Interno Bruto (PIB) corresponde ao valor, a preços de mercado, de todos os bens e serviços finais produzidos."— Transcrição da apresentação:

1 Goiânia, 23 de novembro de 2011

2 O Produto Interno Bruto (PIB) corresponde ao valor, a preços de mercado, de todos os bens e serviços finais produzidos no Estado. Agregado macroeconômico que mede o fluxo de produção da economia.

3 A Segplan participa juntamente com o IBGE e os órgãos de estatística dos estados, de um projeto em rede - cálculo das Contas Regionais - PIB. Metodologia uniforme para todas as UFs, atrelada aos procedimentos implementados em âmbito nacional. Resultados comparáveis entre os diversos estados e seu total representa o total do país. Defasagem temporal Em 2007, a metodologia de cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) sofreu profundas alterações. O ano base passou a ser o de 2002.

4 PIB – Atividades (17) AGROPECUÁRIA Agricultura, silvicultura e exploração florestal Pecuária e pesca INDÚSTRIA Indústria extrativa mineral Indústria de transformação Construção civil Produção e distribuição de eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana SERVIÇOS Comércio e serviços de manutenção e reparação Serviços de alojamento e alimentação Transportes, armazenagem e correio Serviços de informação Intermediação financeira, seguros e previdência complementar Serviços prestados às famílias e associativos Serviços prestados às empresas Atividades imobiliárias e aluguel Administração, saúde e educação públicas Saúde e educação mercantis Serviços domésticos

5 O ano de 2009 foi marcado pela crise financeira internacional. No Brasil, a crise traduziu-se na perda do dinamismo do setor industrial e dos fluxos do comércio externo. Em 2009 houve queda de 22,7% nas exportações brasileiras. A indústria de transformação retraiu 8,7% A agricultura brasileira foi também muito afetada, retraiu 5,0%, O setor de transporte/armazenagem apresentou recuo de 3,6% Economia brasileira em Agropecuária6,3%-3,1% Indústria4,1%-5,6% Serviços4,9%2,1% PIB5,2%-0,3% Crescimento do PIB e grandes setores de atividade :

6 Produto Interno Bruto Goiano – 2009Resultados

7 Ano Valores Correntes (R$ milhão)Tx. Crescimento (%) GoiásBrasilGoiásBrasil ,21, ,25, ,23, ,14, ,56, ,05, ,9-0,3 Produto Interno Bruto Goiás e Brasil Goiás se manteve na 9ª posição entre as UFs Crescimento acumulado do PIB 2002/2009: Goiás 35,4% Brasil 27,5% Tx.média anual de cresc. do PIB 2002/2009: Goiás 4,4% Brasil 3,5%

8 (R$ bilhões) Valor do Produto Interno Bruto Goiano

9 R$ (Milhão) Ano Produto Interno Bruto Montante agregado à economia Participação no PIB nacional (%) , , , , , , , ,64 Produto Interno Bruto Goiano A participação do PIB goiano no PIB nacional de 2,64% também é recorde histórico Em 2009 foram adicionados à economia goiana R$ 10,344 bilhões, maior incremento anual da série histórica do PIB.

10 Produto Interno Bruto – Estrutura Setores de atividades Estrutura Agropecuária 18,7212,8414,0 Agricultura, silvicultura e exploração florestal 12,427,229,0 Pecuária e pesca 6,305,625,0 Indústria 23,9026,2127,0 Indústria extrativa mineral 1,011,071,3 Indústria de transformação 11,8613,8015,3 Construção Civil 5,966,136,4 Produção e distribuição de eletricidade, gás, água, esgoto e limpeza urbana 5,085,214,1 Serviços 57,3860,9559,0 Comércio e serviços de manutenção e reparação 12,6116,3416,5 Serviços de alojamento e alimentação 2,052,211,8 Transportes, armazenagem e correio 4,464,244,0 Serviços de informação 3,162,762,7 Intermediação financeira, seguros e previdência complementar 4,334,164,3 Serviços prestados às famílias e associativos 2,08 1,9 Serviços prestados às empresas 2,293,123,3 Atividades imobiliárias e aluguel 9,608,318,0 Administração, saúde e educação públicas 13,1414,2512,9 Saúde e educação mercantis 2,021,691,7 Serviços domésticos 1,641,801,9 Valor Adicionado 100,00

11 Participação das Principais Atividades no PIB (Ranking) Setores de atividades Participação (%) Comércio e serviços de manutenção e reparação 16,316,5 Indústria de transformação 13,815,3 Administração, saúde e educação públicas 14,212,9 Agricultura 7,29,0 Atividades imobiliárias e aluguel 8,38,0 Construção Civil 6,16,4 Pecuária 5,65,0 Intermediação financeira, seguros e previdência 4,24,3 Produção e distribuição de eletricidade, água, esgoto e limpeza urbana 5,24,1 Transportes, armazenagem e correio 4,24,0 De onde vem a riqueza de Goiás?

12 Crescimento Acumulado GoiásBrasil Agropecuária19,1 6,943,322,6 Indústria 5,7-2,732,218,0 Serviços 6,5 1,333,330,0 PIB total 8,0 0,935,427,5 PIB goiano 2009 Grandes Setores - Crescimento (em %) Em Goiás, os efeitos da crise foram menos acentuados devido ao perfil produtivo voltado em grande parte para o consumo interno. Embora tenha apresentado baixo crescimento, houve recuperação nos preços principalmente na atividade agropecuária, maior destaque entre os grandes setores.

13 Crescimento Acumulado no Período Setores de atividadesGoiásBrasil Comércio 38,833,8 Indústria de transformação 39,612,1 Indústria extrativa mineral 52,529,5 Agricultura 74,525,3 Pecuária e pesca 5,117,5 Atividades imobiliárias e aluguel 30,726,9 Construção Civil 35,623,4 Transportes e armazenagem 13,217,5 Intermediação financeira, seguros e previdência 71,857,4 Produção e distribuição de eletricidade, e água 3,533,6 Serviços de informação 70,137,2 Alojamento e alimentação 31,639,1 Administração, saúde e educação públicas 15,818,7 PIB 35,427,5 Quais setores econômicos mais cresceram nos últimos anos?

14 PIB goiano A agricultura, mesmo em ano de crise apresentou um bom desempenho – incremento de 11,7% Foi atingido um novo recorde na produção de grãos - 13,3 milhões de toneladas, que representaram 10% da produção nacional. O bom desempenho da agricultara é creditado em parte ao crescimento de 34,3% da produção de cana de açúcar, além do tomate, feijão e arroz. A pecuária permaneceu praticamente estável.

15 A indústria ganhou participação em 2009, liderada pela indústria de transformação. Houve crescimento expressivo da extrativa mineral (7,8%) - aumento da produção principalmente de cobre, níquel e fosfato. Eletricidade e Água – Queda na geração de energia PIB goiano

16 Indústria de Transformação Goiana Ramos da Indústria de Transformação goiana Peso na indústria de transformação goiana (%) Alimentos e Bebidas 45,1 35,3 Indústria da mineração (beneficiamento de minérios) 19,5 17,9 Indústria do vestuário e calçados 13,3 10,8 Indústria automotiva/máq. agrícolas 0,9 10,6 Indústria química (adubos e fertilizantes) 2,4 4,6 Indústria alcooleira 2,9 4,3 Indústria farmacêutica 3,3 4,2 Demais ramos 12,6 12,3 Total 100,00

17 PIB goiano O setor Serviços perdeu participação Aumento do volume de crédito Serviço de informação – aumento da demanda interna influenciada pela consumo das famílias Serviços domésticos – formalização da atividade Setores de atividades Estrutura Taxa de crescimento Serviços 61,059,06,51,3 Comércio e serviços de manutenção e reparação 16,316,58,8-2,0 Serviços de alojamento e alimentação 2,21,87,82,8 Transportes, armazenagem e correio 4,24,013,5-4,7 Serviços de informação 2,82,710,87,1 Intermediação financeira, seguros e previdência 4,24,316,49,9 Serviços prestados às famílias e associativos 2,11,99,10,3 Serviços prestados às empresas 3,13,39,73,6 Atividades imobiliárias e aluguel 8,38,02,71,1 Administração, saúde e educação públicas 14,212,90,12,4 Saúde e educação mercantis 1,7 4,0-0,7 Serviços domésticos 1,81,9-2,38,4

18 Ranking brasileiro do PIB Ranking 2009 Unidades da Federação PIB (R$ Milhão) Taxa cresc. Partic.(%) PIB Brasil 1º São Paulo ,833,5 2º Rio de Janeiro ,010,9 3º Minas Gerais ,08,9 4º Rio Grande do Sul ,46,7 5º Paraná ,35,9 6º Bahia ,64,2 7º Distrito Federal ,04,1 8º Santa Catarina ,14,0 9º Goiás ,92,6 10º Pernambuco ,82,4 Em 2009 Goiás obteve a 2ª melhor taxa em termos nominais: 13,5%

19 Ranking brasileiro do PIB 2009

20 PIB do Centro-Oeste Goiás é responsável por 27,5% da produção gerada no Centro-Oeste. O Centro-Oeste representou 9,6% do PIB nacional, atingindo valor de R$ 310,765 bilhões. Valores Corrente (R$ milhão) Tx. Cresc. % Partic.(%) no PIB do C.Oeste Partic.(%) no PIB nacional Posição no ranking nacional Distr. Federal ,042,34,17º Goiás ,927,52,69º Mato Grosso ,418,41,814º M.Grosso Sul ,411,71,117º Centro-Oeste ,5100,09,6 Goiás participa com 48% da indústria do Centro-Oeste, 34,5% da agropecuária e 22,1% dos serviços. O Mato Grosso participa com 48% da agropecuária do Centro-Oeste O Distrito Federal participa com 54% dos Serviços do Centro-Oeste

21 PIB per capita: PIB/população Goiás: R$ / hab: R$ ,68 Entre , foram agregados à renda per capita goiana: R$ 7.368,27 Tx. anual de crescimento da População ( ): Goiás: 1,6% Brasil: 1,2% Produto Interno Bruto per capita Valores Correntes (R$) PIB per capita goiano/PIB per capita do Brasil AnoGoiásBrasil , , , , , ,39

22 Rank. Unidades da FederaçãoPopulaçãoPIB per capita (R$) Brasil º Distrito Federal º São Paulo º Rio de Janeiro º Santa Catarina º Rio Grande do Sul º Espírito Santo º Mato Grosso º Paraná º Mato Grosso do Sul º Amazonas º Goiás º Minas Gerais Ranking brasileiro do PIB per capita 2009 Goiás continua sendo o 12º estado mais populoso de País

23 Av. República do Líbano nº 1945 – 3º and - Goiânia - GO. CEP: Fone: (62) / Fax: (62) Secretaria de Gestão e Planejamento Superintendência de Estatísticas, Pesquisa e Informações Socioeconômicas


Carregar ppt "Goiânia, 23 de novembro de 2011. O Produto Interno Bruto (PIB) corresponde ao valor, a preços de mercado, de todos os bens e serviços finais produzidos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google