A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Prentice HallMicrocontroladores 8051 Capítulo 5 Sub-rotinas e Estruturação da Linguagem de Programação Assembly aplicadas a família de microcontroladores.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Prentice HallMicrocontroladores 8051 Capítulo 5 Sub-rotinas e Estruturação da Linguagem de Programação Assembly aplicadas a família de microcontroladores."— Transcrição da apresentação:

1 1 Prentice HallMicrocontroladores 8051 Capítulo 5 Sub-rotinas e Estruturação da Linguagem de Programação Assembly aplicadas a família de microcontroladores MCS-51 da Intel

2 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 z Definição de sub-rotina Programa Principal: instrução 1 : instrução N rotina que calcula uma expressão matemática(tamanho de 60 bytes, por exemplo) instrução N+1 : instrução M rotina que calcula uma expressão matemática(tamanho de 60 bytes, por exemplo) instrução M+1 : instrução O rotina que calcula uma expressão matemática(tamanho de 60 bytes, por exemplo) etc… END

3 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 Sub-rotina: End1: sub-rotina que calcula uma expressão matemática (tamanho de 60 bytes, por exemplo) RET Programa Principal: ProgP: instrução 1 : instrução N Chamada a sub-rotina que calcula uma expressão matemática (ACALL end1/LCALL end1 – 2 ou 3 bytes) instrução N+1 : instrução M Chamada a sub-rotina que calcula uma expressão matemática (ACALL end1/LCALL end1 – 2 ou 3 bytes) instrução M+1 : instrução O Chamada a sub-rotina que calcula uma expressão matemática (ACALL end1/LCALL end1 – 2 ou 3 bytes) etc… END

4 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 Área de memória de programa 1; Área de Memória de Programa das "Sub-rotinas" ; Sub-rotina 1: endereço inicial da sub-rotina 1: instrução 1 : instrução N RET ; Sub-rotina M: endereço inicial da sub-rotina M: instrução 1 : instrução N RET Área de memória de programa 2; Área de Memória de Programa do Programa Principal endereço inicial do programa principal: instrução 1 : ;chamada a "sub-rotina 1" ACALL/LCALL endereço inicial da sub-rotina 1 ;chamada a "sub-rotina 2" ACALL/LCALL endereço inicial da sub-rotina 2 : ;chamada a "sub-rotina M" ACALL/LCALL endereço inicial da sub-rotina M ; instrução K END

5 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 z Vantagens da utilização de sub-rotinas: z Princípio de funcionamento de uma sub-rotina: z Mas, como uma sub-rotina fisicamente é executada pelo microprocessador ? z Pilha (LIFO – Last-In, First-Out) RAM EndereçoConteúdo 07h((SP)) (SP) = 07h 08h : Cresce Decresce : 7Fh Figura 4: Representação esquemática da pilha (LIFO) após um sinal de reset.

6 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5

7 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5

8 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5

9 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 Estruturação da Linguagem Assembly Descrição e Definição das Sub-rotinas Início do programa: Inicialização das variáveis e programação do hardware Loop do programa principal: - processamento/instruções de chamadas a sub-rotinas; - instrução de "jumper" incondicional para o início do Loop do programa principal (gerenciamento e controle de 24 horas por dia).

10 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5

11 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 z Metodologia sistemática de implementação de projeto de programa; z Para um projeto completo constituído de muitas funções ou tarefas, a solução é facilmente implementada através da divisão do projeto completo em pequenos módulos (simples sub-rotinas) que são responsáveis por tarefas específicas e bem definidas; z Tempo de implementação é extremamente reduzido, pois somente é necessário definir as diferentes tarefas (sub-rotinas) que o projeto deve executar e essas tarefas devem ser chamadas no loop do programa principal de forma organizada e seqüencial; z Alta confiabilidade na implementação das sub-rotinas; z Tempo de desenvolvimento reduzido; z Tempo de simulação reduzido; z Tempo de emulação reduzido; z Tempo de manutenção reduzido; z Projeto modular; z Flexibilidade na implementação de novas características ao produto final através da inserção e retiradas dos módulos que compõem o projeto do programa; z Inserção dos módulos já implementados em bibliotecas de sub-rotinas. Na implementação de novos projetos as mesmas podem ser utilizadas imediatamente; z Fácil manutenção pois quando ocorrer um problema, o mesmo pode ser diretamente analisado na sua respectiva sub-rotina.

12 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5 SUB1: Qte de Nums = FFh (R0) #60h (R1) #05h (65h) #00h (C) #0b (A) ((R0)) (A) (A)-(C)-#0FFh (A) 0 ? [(A) #0FFh ?] (65h) (65h)+1 (R1) (R1)-1 (R1) 0 ? N S S RET N (R0) (R0)+1 Programa Principal (PSW) #00h (SP) #70h Chama sub-rotina SUB1 Fim

13 Prentice HallMicrocontroladores Capítulo 5


Carregar ppt "1 Prentice HallMicrocontroladores 8051 Capítulo 5 Sub-rotinas e Estruturação da Linguagem de Programação Assembly aplicadas a família de microcontroladores."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google