A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Oficina para a Universalização da Inclusão de Famílias de Baixa Renda no Cadastro Único no Estado do Rio Grande do Sul.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Oficina para a Universalização da Inclusão de Famílias de Baixa Renda no Cadastro Único no Estado do Rio Grande do Sul."— Transcrição da apresentação:

1 Oficina para a Universalização da Inclusão de Famílias de Baixa Renda no Cadastro Único no Estado do Rio Grande do Sul

2 492 Escritórios Municipais

3 Missão Promover o desenvolvimento sustentável,por meio de ações de assistência técnica e extensão rural, mediante processos educativos e participativos, visando o fortalecimento da agricultura familiar e suas organizações e criando condições para o pleno exercício da cidadania e melhoria da qualidade de vida da população gaúcha.

4 Resultados causados pelo modelo de desenvolvimento agropecuário Envelhecimento e masculinização do meio rural Esvaziamento do mundo rural – migração campo/cidade.A população favelada corresponde a 36,6% da população urbana População rural em 1950 – 63% do total da população 2000 – 18,8%

5 POVOS E COMUNIDADES TRADICIONAIS – Quilombolas Indígenas As desigualdades raciais manifestas em todos os indicadores analisados expressam a recorrente exclusão social à qual homens e, principalmente, mulheres, identificados como pretos ou pardos, são submetidos ao longo de suas vidas. Sistematicamente desfavorecidos quanto às condições de moradia, assistência médico-sanitária, escolaridade, emprego e renda, para mencionar os mais importantes fatores de exclusão, este segmento populacional de ascendência africana e indígena também apresenta maiores níveis de mortalidade infantil, menores valores de esperança de vida ao nascer, maiores índices de mortalidade de jovens e maiores proporções de mortalidade de gestantes.

6 TABELA 13 Distribuição das pessoas conforme categorias de pobreza e situação do domicílio Brasil, (número de indivíduos e %)

7 Agricultores familiares Pecuaristas familiares Comunidades Tradicionais Indígenas: Kaigang, Guarani e Charrua (107 aldeias/ fam./ pessoas) Quilombolas: 174 comunidades Assentados da reforma agrária Pescadores artesanais e profissionais Público

8 A Agricultura Familiar Produz 75% dos alimentos da cesta básica Produz 75% dos alimentos da cesta básica Gera 70% do emprego nas atividades no meio rural Gera 70% do emprego nas atividades no meio rural Sustentabilidade e diversificação de culturas Sustentabilidade e diversificação de culturas A possibilidade pluriatividade pelas famílias A possibilidade pluriatividade pelas famílias

9 Promoção da Cidadania e Organização Social Segurança e Soberania Alimentar Educação e Promoção em Saúde Geração de Renda Gestão Ambiental Ações Socioassistenciais

10 Promoção da Cidadania e Organização Social Direitos Ações Sociais Participação Comunitária

11 Educação e Promoção em Saúde Educação em Saúde Políticas Públicas Plantas Bioativas

12 Educação e Promoção em Saúde Educação em Saúde Políticas Públicas Plantas Bioativas

13 Segurança e Soberania Alimentar Acesso e Qualidade dos Alimentos Educação Alimentar Cidadania Alimentar

14 Geração de Renda Turismo rural Artesanato Agroindústria

15 Gestão Ambiental Preservação e Conservação Educação Ambiental Saneamento Básico Uso do Solo e da Água

16 BOM TRABALHO A TODOS!

17

18

19 Fonte: FNDE

20


Carregar ppt "Oficina para a Universalização da Inclusão de Famílias de Baixa Renda no Cadastro Único no Estado do Rio Grande do Sul."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google