A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MENTES PERIGOSAS O PSICOPATA MORA AO LADO Autora: Ana Beatriz Barbosa Silva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MENTES PERIGOSAS O PSICOPATA MORA AO LADO Autora: Ana Beatriz Barbosa Silva."— Transcrição da apresentação:

1 MENTES PERIGOSAS O PSICOPATA MORA AO LADO Autora: Ana Beatriz Barbosa Silva

2 Sobre a autora: Ana Beatriz Barbosa Silva Carioca. Médica Graduada pela UERJ. Pós-Graduada em Psiquiatria pela mesma faculdade. Presidente da Associação dos Estudos do Distúrbio do Déficit de Atenção e também diretora das clínicas Medicina do Comportamento no Rio de Janeiro e em São Paulo. Escritora e palestrante sobre os temas do comportamento humano.

3 Introdução O escorpião aproximou-se do sapo que estava à beira do rio. Como não sabia nadar, pediu uma carona para chegar à outra margem. Desconfiado, o sapo respondeu: Ora, escorpião, só se eu fosse tolo demais! Você é traiçoeiro, vai me picar, soltar o seu veneno e eu vou morrer.

4 Mesmo assim o escorpião insistiu, com o argumento lógico de que se picasse o sapo ambos morreriam. Com promessas de que poderia ficar tranquilo, o sapo cedeu, acomodou o escorpião em suas costas e começou a nadar. Ao fim da travessia, o escorpião cravou o seu ferrão mortal no sapo e saltou ileso em terra firme. Atingido pelo veneno e já começando a afundar, o sapo desesperado quis saber o porquê de tamanha crueldade. E o escorpião respondeu friamente: Porque essa é a minha natureza

5 O que é consciência? Estar consciente e fazer uso da razão ou da capacidade de raciocinar e de processar os fatos que vivenciamos. Estar consciente é ser capaz de pensar e ter ciência das nossas ações. Níveis de Consciência: Lúcido, vigil, hipovigil, hipervigil, confuso, coma profundo, etc.

6 Ser consciente não é um estado momentâneo em nossa existência. Ser consciente refere-se à nossa maneira de existir no mundo. Ser dotado de consciência é ser capaz de amar. Consciência é um senso de responsabilidade e generosidade baseado em vínculos emocionais de extrema nobreza com outras criaturas. É uma espécie de entidade da nossa razão. É uma voz secreta da alma que habita em nosso interior e nos orienta para o caminho do bem.

7 O mundo é um lugar perigoso para se viver. Não exatamente por causa das pessoas que são más, mas por causa das pessoas que não fazem nada quanto a isso. (Albert Einstein)

8 - Psicopata: doente da mente. (do grego - psyche = mente + pathos = doença). - Apesar disso, psicopatia não se encaixa entre as doenças mentais. Indivíduos assim não são considerados loucos. Seus atos criminosos provêm de um raciocínio frio e calculista.

9 - Quando falamos em psicopatas, que tipo de indivíduo vem à sua cabeça? - Eles enganam e representam muito bem: - São pessoas frias, insensíveis, manipuladoras, perversas, impiedosas, imorais, sem consciência e desprovidas de sentimento de compaixão, culpa e remorso. - São pessoas que estão misturadas conosco: - São charmosos, eloquentes, inteligentes, envolventes e sedutores.

10 - Visam apenas seu benefício próprio. - Níveis de gravidade: leve, moderado e grave. - Possuem a parte racional perfeita, mas com ausência de sentimentos, afeto e emoção. - Saber identificá-los pode ser um antídoto. Os psicopatas entendem a letra de uma canção, mas são incapazes de compreender a melodia.

11 Identificar psicopatas é uma missão difícil. Estão por toda a parte e em diversas profissões. Podem arruinar empresas e famílias.

12 De onde veio isso tudo? Os psicopatas são seres sem coração mental. Seus cérebros são gelados. Senso moral: aprendizado social + DNA + cultura; Seleção Natural; Teoria da Mente; Teoria do cérebro social (RMf). Eu sei o que você sente.

13 Sistema límbico amígdala Lobos pré-frontais razão

14 Os psicopatas no mundo profissional ** Os psicopatas não vão ao trabalho, vão à caça. Fase 1: Ingresso na empresa. Fase 2: Estudo do território. Fase 3: Manipulação de pessoas e fatos. Fase 4: Confrontação. Fase 5: Ascensão.

15 Psicopata de colarinho branco. Política. Pedófilos.

16 Aspectos ligados aos sentimentos e relacionamentos interpessoais de um psicopata Superficialidade e eloquência: Conversas divertidas e agradáveis com conteúdos estranhos, mas convincentes. São sempre os mocinhos das histórias que contam. Charmosos e atraentes no exercício de suas mentiras. Hábeis em se informar sobre diversos assuntos. Tentam demonstrar conhecimento em áreas como: filosofia, arte, literatura, poesia, sociologia, medicina, psiquiatria, psicologia, administração, legislação – usam termos técnicos que passam credibilidade aos menos avisados. Quando desmascarados, não demonstram nenhuma preocupação ou constrangimento e mudam de assunto facilmente.

17 Veem-se como o centro do universo. São vistos como arrogantes, metidos e autoconfiantes. Vivem de acordo com as próprias regras. Não existe gravidade em matar, roubar, estuprar, fraudar. Culpam os outros pelos seus atos e sempre se isentam de qualquer responsabilidade. Não se embaraçam diante de dívidas ou qualquer problema de ordem legal. Não acham necessário seguir uma carreira, pois possuem habilidades diversas. Como empreendedores, costumam arriscar alto com o dinheiro de suas vítimas. Egocentrismo e megalomania

18 Ausência de sentimento de culpa Não lamentam pelo sofrimento dos outros e não veem razão para se preocuparem com isso. Verbalizam remorso, mas suas ações os contradizem rapidamente. A culpa não passa de uma ilusão utilizada pelo sistema para controlar as pessoas. As desculpas são tão bem elaboradas que tocam as vítimas e as fazem sentir pena de seres tão maquiavélicos.

19 Ausência de empatia Colocar-se na posição do outro e respeitar os sentimentos alheios são atos que não fazem parte da vida de um psicopata. Para eles, as pessoas são meros objetos e coisas usadas para satisfazer o seu bel-prazer. Zombam dos mais sensíveis e generosos e os consideram pessoas fracas e vulneráveis – alvos preferidos. Relacionam-se com o mundo e com as pessoas através do sentimento de posse. Em razão desse sentimento de posse, os psicopatas graves (minoria) são capazes de cometer atos horripilantes – ex.: torturas e mutilação de suas vítimas.

20 Mentiras, trapaças e manipulação Para o psicopata, a mentira é um instrumento de trabalho e motivo de grande orgulho. Mentir, trapacear e manipular – talentos inatos. Mentem com competência – olhando nos olhos de suas vítimas. Indiferentes à possibilidade de serem descobertos em suas farsas – não sentem vergonha ou perplexidade. Os mais experientes se utilizam de pequenas verdades para ganhar credibilidade em seus discursos.

21 Pobreza de emoções Incapazes de sentir amor, compaixão e respeito pelo outro. Quando demonstram uma emoção por um acontecimento dramático, na verdade, estão encenando. Confundem : amor – c/ pura excitação sexual; tristeza – c/ frustração; raiva - c/ irritabilidade. O medo para o psicopata é algo incompleto, superficial (sem alteração corporal); Enfim, são muito mais racionais do que emocionais. Os psicopatas sabem exatamente as consequências das suas atitudes transgressoras. No entanto, não dão a mínima importância para isso.

22 O psicopata cometendo BULLING nas escolas

23 ESCRITORA FALA SOBRE PSICOPATIA E BULLYING EM PROGRAMA DA TV ALERJ * O bullying é um tipo de agressão intencional que ridiculariza, humilha e intimida suas vítimas. Algumas crianças, por serem diferentes de seus colegas, sofrem intimidações constantes. Segundo ela, as consequências podem ser desastrosas, desde a repetência e a evasão escolar até o isolamento, a depressão e, em casos extremos, o suicídio e o homicídio. *Vítimas de bullying costumam virar psicopatas quando crescem?

24 Leis e penalidades O Brasil faz parte de um cruel panorama de crimes cometidos por crianças e adolescentes. É estarrecedor observar que crianças que deveriam estar brincando ou folheando livros nas escolas traficam drogas, empunham armas e apertam gatilhos sem qualquer vestígio de piedade. Lógico que não podemos negar o fato de muitas delas serem influenciadas pelo meio social ao redor. No entanto, outras crianças possuem uma inclinação voraz e inata ao crime. Assim como adultos psicopatas, crianças com essa natureza são desprovidas de sentimento de culpa ou remorso, características inerentes às pessoas de bem. São más em suas essências.

25 Para exemplificar, temos a história de João Hélio. Dos cinco criminosos, um era menor de 16 anos. Com essa barbárie foi criada a PEC.171/1983, cujo teor almeja a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos. Essa proposta está pronta para pauta de votação. Projeto de Lei nº 2.847/00 que altera o ECA. Seu objetivo é aumentar o tempo máximo de internação de adolescentes que entram em conflito com a lei penal. O prazo, atualmente de três anos, passaria para oito quando se tratasse dos seguintes crimes: tráfico de drogas e grave ameaça ou violência contra a pessoa (homicídios e crimes hediondos como sequestro, latrocínio e estupro). O projeto já foi aprovado pela Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados, mas ainda está em tramitação e divide opiniões.

26 Para que tenhamos uma ideia da dimensão do problema, podemos observar as diversas idades mínimas para responsabilidade criminal em diferentes países: Austrália e Suíça- 7 anos; Equador- 12 anos; Dinamarca, Finlândia e Noruega- 15 anos; Argentina, Chile e Cuba- 16 anos; Polônia- 17 anos; Colômbia, Luxemburgo e Brasil- 18 anos; EUA – em alguns estados, a partir dos 6 anos de idade. Cabe ao juiz decidir se o jovem infrator deverá ser julgado como adulto ou não; Inglaterra- desde 1967 não há idade mínima preestabelecida. Uma criança de 10 anos (ou menos) pode ser julgada como adulto dependendo da gravidade do crime e de acordo com os costumes do próprio país.

27 FOI MANCHETE NOS JORNAIS!

28 Sílvia Calabrese Lima. Sílvia foi presa em flagrante por maltratar uma menina de 12 anos que morava com ela havia mais ou menos dois anos. (p. 107)

29 Manchetes. A Revista Veja faz, no mesmo ano da divulgação do caso, uma reportagem sobre a origem do Mal. Como se forma o mal em uma pessoa? E como gancho usa o caso de Sílvia.

30 Champinha Roberto Aparecido Alves Cardoso (Champinha) foi condenado pelo sequestro e assassinato brutal do casal de namorados Felipe Caffé e Liana Friedenbach. O rapaz foi morto com um tiro na cabeça e a moça foi abusada sexualmente e morta a facadas. Por ser menor de idade na época, Champinha foi encaminhado à FEBEM. Deveria cumprir pena durante três anos. Apesar de ser menor de idade, Champinha foi considerado um criminoso extremamente perigoso e com altíssima possibilidade de reincidir no crime. Portanto, sem condições de convívio social. (p. 111).

31 Suzane Von Richthofen Em 31 de outubro de 2002, Suzane deu carta branca para seu namorado Daniel Cravinhos e o irmão dele, Cristian, matarem Marísia e Albert Von Richthofen, pais de Suzane, com pancadas de barras de ferro na cabeça.

32 Manchetes A Revista Veja (2002) falou com o advogado de Suzane. Durante todo o tempo, Mário Sérgio de Oliveira jogava a culpa nos irmãos Cravinhos. Ele também tentou rotular Suzane como alguém fraco da cabeça ou facilmente influenciável. No programa Fantástico, da Rede Globo, no mesmo ano, foi exibida uma gravação da conversa entre os dois advogados e a acusada. Um dos defensores diz: Chora Começa a chorar e fala: Não quero falar mais! Suzane foi desmascarada e sua prisão foi decretada.

33 Guilherme de Pádua X Daniella Perez Daniella e Guilherme faziam um par na novela De corpo e alma, de Glória Perez, mãe da vítima. Segundo reportagens da época, o ator queria mais espaço na trama e chegou ao ponto de pedir para a amiga falar com a mãe para colocar seus personagens como os principais. Guilherme assassinou Daniella com várias facadas direcionadas ao coração.

34 Manchetes Em 2010, Guilherme foi solto e concedeu uma entrevista ao Programa do Ratinho, no SBT. No Brasil, não há exames psicológicos para detectar a psicopatia dos criminosos. Muitos são soltos mesmo sem condições de convívio com a sociedade. Além disso, os indultos são grandes motivadores de condenados voltarem a cometer crimes.

35 Entrevistas de Guilherme de Pádua No livro, a autora cita a entrevista dada pelo ator para o Fantástico, da Rede Globo. Essa é vista em: https://www.youtube.com/watch?v=hNJF7zMb1as https://www.youtube.com/watch?v=hNJF7zMb1as Há outras entrevistas: https://www.youtube.com/watch?v=xDWQdk8I9-4 https://www.youtube.com/watch?v=IgY0D5gnqF0 https://www.youtube.com/watch?v=ivB46BIVZcU

36 COMO LIDAR COM FILHOS PSICOPATAS IDENTIFICANDO UMA CRIANÇA PSICOPATA Mentiras frequentes (às vezes o tempo todo); Crueldade com animais, coleguinhas, irmãos, etc; Condutas desafiadoras às figuras de autoridade (pais, professores, etc); Impulsividade e irresponsabilidade; Baixíssima tolerância à frustração, com acessos de irritabilidade ou fúria quando são contrariados; Tendência a culpar os outros por erros cometidos por si mesmos; Preocupação excessiva com seus próprios interesses; Insensibilidade ou frieza emocional (ausência de culpa ou remorso); Falta de empatia ou preocupação pelos sentimentos alheios; Falta de constrangimento ou vergonha quando pegos mentindo ou em flagrante;

37 Dificuldades em manter amizades; Permanência fora de casa até tarde da noite, mesmo com a proibição dos pais; Faltas constantes sem justificativas na escola ou no trabalho (quando mais velhos); Violação às regras sociais que se constituem em atos de vandalismo, como destruição de propriedades alheias ou danos ao patrimônio público; Participação em fraudes (falsificação de documentos), roubos ou assaltos; Sexualidade exacerbada, muitas vezes levando outras crianças ao sexo forçado; Introdução precoce no mundo das drogas ou do álcool; Nos casos mais graves, podem cometer homicídio

38 O QUE PODEMOS FAZER? Procure conhecer bem o seu filho; Busque ajuda profissional; Não permita que seu filho controle a situação; As aparências enganam!; Saiba com quem você está lidando; Não se esqueça de considerar a voz da sua intuição; Abra os olhos com pessoas maravilhosas ou excessivamente bajuladoras; Certas situações merecem atenção redobrada; Não entre no jogo das intrigas; Cuidado com o jogo da pena e da culpa; Não tente mudar o que não pode ser mudado. "Deus, conceda-me serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, coragem para mudar aquelas que posso e sabedoria para reconhecer a diferença entre elas." Nunca seja cúmplice de um psicopata.

39 Balada do Louco Arnaldo Baptista e Rita Lee Dizem que sou louco por pensar assim Se eu sou muito louco por eu ser feliz Mas louco é quem me diz E não é feliz, não é feliz Se eles são bonitos, sou Alain Delon Se eles são famosos, sou Napoleão Mas louco é quem me diz E não é feliz, não é feliz Eu juro que é melhor Não ser o normal Se eu posso pensar que Deus sou eu Se eles têm três carros, eu posso voar Se eles rezam muito, eu já estou no céu Mas louco é quem me diz E não é feliz, não é feliz Eu juro que é melhor Não ser o normal Se eu posso pensar que Deus sou eu Sim sou muito louco, não vou me curar Já não sou o único que encontrou a paz Mais louco é quem me diz E não é feliz Eu sou feliz


Carregar ppt "MENTES PERIGOSAS O PSICOPATA MORA AO LADO Autora: Ana Beatriz Barbosa Silva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google