A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

D. Filipa de Vilhena. Perspectiva Histórica A ESFV tem a sua origem em 3 de Setembro de 1898, com a publicação do decreto que organiza, no Instituto Industrial.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "D. Filipa de Vilhena. Perspectiva Histórica A ESFV tem a sua origem em 3 de Setembro de 1898, com a publicação do decreto que organiza, no Instituto Industrial."— Transcrição da apresentação:

1 D. Filipa de Vilhena

2 Perspectiva Histórica A ESFV tem a sua origem em 3 de Setembro de 1898, com a publicação do decreto que organiza, no Instituto Industrial e Comercial do Porto, o curso preparatório para o referido instituto. São desse ano de 1898 os registos mais antigos que se encontram guardados nos arquivos da escola. O seu primeiro director interino, que assina documentos em 1899, era José Guilherme de Parada da Silva Leitão.

3 A partir do Decreto , de 4 de Junho de 1930, que reorganizou o ensino profissional, a Escola recebia a designação de Escola Comercial Mouzinho da Silveira. Figura 1 – Escola Comercial Mouzinho da Silveira Perspectiva Histórica

4 Em 1948, com a publicação do Decreto , a Escola Comercial Mouzinho da Silveira, que era mista, passou a designar-se Escola Comercial Filipa de Vilhena, porque passou a ser uma escola feminina. E daí a mudança de nome. Figura 2 – Corpo docente da Escola Comercial Mouzinho da Silveira

5 O actual edifício da escola foi inaugurado em 28 de Maio de 1958, correspondendo ao crescimento populacional da freguesia de Paranhos, progressivamente a substituir as grandes quintas de paranheiros por blocos de habitação e pelo pólo da Asprela da Universidade do Porto. Até ao ano lectivo de 1975/76 a Escola ministrou o Curso Geral de Administração e Comercio e os Cursos Complementares de Contabilidade e Administração e Secretariado, em regimes diurno e nocturno. Figura 3 – Inauguração da Escola Filipa de Vilhena Perspectiva Histórica

6 A partir de 1975/1976 a Escola passou a ser frequentada por alunos de ambos os sexos e em 1979/1980, com a Reforma de Ensino que terminou com a distinção entre ensino liceal e ensino técnico, passa a designar-se por Escola Secundária Filipa de Vilhena. O ensino técnico (cursos gerais e complementares) manteve-se apenas no ensino nocturno, até à generalização do Ensino Recorrente em 1996/1997. Figura 4 – Escola Filipa de Vilhena


Carregar ppt "D. Filipa de Vilhena. Perspectiva Histórica A ESFV tem a sua origem em 3 de Setembro de 1898, com a publicação do decreto que organiza, no Instituto Industrial."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google