A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Silêncio. 5º Domingo Quaresma Leituras desta Missa 1ª Leitura Ezequiel 37, 12-14 2ª Leitura Romanos 8, 8-11 Evangelho João 11, 1-45.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Silêncio. 5º Domingo Quaresma Leituras desta Missa 1ª Leitura Ezequiel 37, 12-14 2ª Leitura Romanos 8, 8-11 Evangelho João 11, 1-45."— Transcrição da apresentação:

1 Silêncio

2 5º Domingo Quaresma

3 Leituras desta Missa 1ª Leitura Ezequiel 37, ª Leitura Romanos 8, 8-11 Evangelho João 11, 1-45

4 Canto de Entrada

5 Acolhida

6 Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo. Todos

7 Ato Penitencial

8 Oremos

9 Senhor nosso Deus, dai-nos, por vossa graça, caminhar com alegriaOração

10 na mesma caridade que levou o vosso Filho a entregar-se à morte no seu amor pelo mundo.Oração

11 Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.Oração

12 Amém!Todos

13 Liturgia da Palavra

14 Ezequiel Capítulo 37 Versículos ª Leitura

15 Leitura da Profecia de Ezequiel 1ª Leitura

16 Assim fala o Senhor Deus: 1ª Leitura

17 Ó meu povo, vou abrir as vossas sepulturas e conduzir-vos para a terra de Israel; 1ª Leitura

18 e quando eu abrir as vossas sepulturas e vos fizer sair delas, sabereis que eu sou o Senhor. 1ª Leitura

19 Porei em vós o meu espírito, para que vivais e vos colocarei em vossa terra. 1ª Leitura

20 Então sabereis que eu, o Senhor, digo e faço - oráculo do Senhor. 1ª Leitura

21 Palavra do Senhor. Graças a Deus ! 1ª Leitura

22 Salmo de Resposta

23 No Senhor, toda graça e redenção! TODOS

24 Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Salmo 129

25 Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece! R. Salmo 129

26 No Senhor, toda graça e redenção! TODOS

27 Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir? Salmo 129

28 Mas em vós se encontra o perdão, eu vos temo e em vós espero. R. Salmo 129

29 No Senhor, toda graça e redenção! TODOS

30 No Senhor ponho a minha esperança, espero em sua palavra. Salmo 129

31 A minh'alma espera no Senhor mais que o vigia pela aurora. R. Salmo 129

32 No Senhor, toda graça e redenção! TODOS

33 Espere Israel pelo Senhor, mais que o vigia pela aurora! Pois no Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção. Salmo 129

34 Ele vem libertar a Israel de toda a sua culpa. R. Salmo 129

35 No Senhor, toda graça e redenção! TODOS

36 Romanos Capítulo 8 Versículos ª Leitura

37 Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos 2ª Leitura

38 Irmãos: Os que vivem segundo a carne não podem agradar a Deus. 2ª Leitura

39 Vós não viveis segundo a carne, mas segundo o Espírito, 2ª Leitura

40 se realmente o Espírito de Deus mora em vós. 2ª Leitura

41 Se alguém não tem o Espírito de Cristo, não pertence a Cristo. 2ª Leitura

42 Se, porém, Cristo está em vós, 2ª Leitura

43 embora vosso corpo esteja ferido de morte por causa do pecado, 2ª Leitura

44 vosso espírito está cheio de vida, graças à justiça. 2ª Leitura

45 E, se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos mora em vós, 2ª Leitura

46 então aquele que ressuscitou Jesus Cristo dentre os mortos 2ª Leitura

47 vivificará também vossos corpos mortais por meio do seu Espírito que mora em vós. 2ª Leitura

48 Palavra do Senhor. Graças a Deus ! 2ª Leitura

49 Aclamação ao Evangelho

50 O Senhor esteja convosco! Evangelho Ele está no meio de nós!

51 Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João Evangelho Glória a vós, Senhor!

52 EvangelhoJoão Capítulo 11 Versículos

53 Naquele tempo: Havia um doente, Lázaro, que era de Betânia, Evangelho

54 o povoado de Maria e de Marta, sua irmã. Evangelho

55 Maria era aquela que ungira o Senhor com perfume Evangelho

56 e enxugara os pés dele com seus cabelos. Evangelho

57 O irmão dela, Lázaro, é que estava doente. Evangelho

58 As irmãs mandaram então dizer a Jesus: Senhor, aquele que amas está doente. Evangelho

59 Ouvindo isto, Jesus disse: Esta doença não leva à morte; Evangelho

60 ela serve para a glória de Deus, para que o Filho de Deus seja glorifica- do por ela. Evangelho

61 Jesus era muito amigo de Marta, de sua irmã Maria e de Lázaro. Evangelho

62 Quando ouviu que este estava doente, Jesus ficou ainda dois dias no lugar onde se encontrava. Evangelho

63 Então, disse aos discípulos: Vamos de novo à Judéia. Evangelho

64 Os discípulos disseram-lhe: Evangelho

65 Mestre, ainda há pouco os judeus queriam apedrejar- te, e agora vais outra vez para lá? Evangelho

66 Jesus respondeu: O dia não tem doze horas? Evangelho

67 Se alguém caminha de dia, não tropeça, porque vê a luz deste mundo. Evangelho

68 Mas se alguém caminha de noite, tropeça, porque lhe falta a luz. Evangelho

69 Depois acrescentou: O nosso amigo Lázaro dorme. Mas eu vou acordá-lo. Evangelho

70 Os discípulos disseram: Senhor, se ele dorme, vai ficar bom. Evangelho

71 Jesus falava da morte de Lázaro, mas os discípulos pensaram que falasse do sono mesmo. Evangelho

72 Então Jesus disse abertamente: Lázaro está morto. Evangelho

73 Mas por causa de vós, alegro-me por não ter estado lá, para que creiais. Mas vamos para junto dele. Evangelho

74 Então Tomé, cujo nome significa Gêmeo, disse aos companheiros: Evangelho

75 Vamos nós também para morrermos com ele. Evangelho

76 Quando Jesus chegou, encontrou Lázaro sepultado havia quatro dias. Evangelho

77 Betânia ficava a uns três quilômetros de Jerusalém. Evangelho

78 Muitos judeus tinham vindo à casa de Marta e Maria para as consolar por causa do irmão. Evangelho

79 Quando Marta soube que Jesus tinha chegado, foi ao encontro dele. Maria ficou sentada em casa. Evangelho

80 Então Marta disse a Jesus: Senhor, se tivesses estado aqui, meu irmão não teria morrido. Evangelho

81 Mas mesmo assim, eu sei que o que pedires a Deus, ele to concederá. Evangelho

82 Respondeu-lhe Jesus: Teu irmão ressuscitará. Evangelho

83 Disse Marta: Eu sei que ele ressuscitará na ressurreição, no último dia. Evangelho

84 Então Jesus disse: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, mesmo que morra, viverá. Evangelho

85 E todo aquele que vive e crê em mim, não morrerá jamais. Crês isto? Evangelho

86 Respondeu ela: Sim, Senhor, eu creio firmemente que tu és o Messias, Evangelho

87 o Filho de Deus, que devia vir ao mundo. Evangelho

88 Depois de ter dito isto, ela foi chamar a sua irmã, Maria, dizendo baixinho: O Mestre está aí e te chama. Evangelho

89 Quando Maria ouviu isso, levantou-se depressa e foi ao encontro de Jesus. Evangelho

90 Jesus estava ainda fora do povoado, no mesmo lugar onde Marta se tinha encontrado com ele. Evangelho

91 Os judeus que estavam em casa consolando-a, quando a viram levantar-se depressa e sair, Evangelho

92 foram atrás dela, pensando que fosse ao túmulo para ali chorar. Evangelho

93 Indo para o lugar onde estava Jesus, quando o viu, caiu de joelhos diante dele e disse-lhe: Evangelho

94 Senhor, se tivesses estado aqui, o meu irmão não teria morrido. Evangelho

95 Quando Jesus a viu chorar, e também os que estavam com ela, Evangelho

96 estremeceu interiormente, ficou profundamente comovido, Evangelho

97 e perguntou: Onde o colocastes? Responderam: Vem ver, Senhor. Evangelho

98 E Jesus chorou. Evangelho

99 Então os judeus disseram: Vede como ele o amava! Evangelho

100 Alguns deles, porém, diziam: Este, que abriu os olhos ao cego, Evangelho

101 não podia também ter feito com que Lázaro não morresse? Evangelho

102 De novo, Jesus ficou interiormente comovido. Chegou ao túmulo. Era uma caverna, fechada com uma pedra. Evangelho

103 Disse Jesus: Tirai a pedra! Marta, a irmã do morto, interveio: Evangelho

104 Senhor, já cheira mal. Está morto há quatro dias. Evangelho

105 Jesus lhe respondeu: Não te disse que, se creres, verás a glória de Deus? Evangelho

106 Tiraram então a pedra. Jesus levantou os olhos para o alto e disse: Evangelho

107 Pai, eu te dou graças porque me ouviste. Evangelho

108 Eu sei que sempre me escutas. Evangelho

109 Mas digo isto por causa do povo que me rodeia, para que creia que tu me enviaste. Evangelho

110 Tendo dito isso, exclamou com voz forte: Lázaro, vem para fora!! Evangelho

111 O morto saiu, atado de mãos e pés com os lençóis mortuários e o rosto coberto com um pano. Evangelho

112 Então Jesus lhes disse: Desatai-o e deixai- o caminhar! Evangelho

113 Então, muitos dos judeus que tinham ido à casa de Maria e viram o que Jesus fizera, creram nele. Evangelho

114 Palavra da Salvação. Glória a vós, Senhor ! Evangelho

115 HOMILIA

116 Creio em Deus Pai todo- poderoso, criador do céu e da terra; Profissão de Fé

117 e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, Profissão de Fé

118 que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; Profissão de Fé

119 nasceu da virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, Profissão de Fé

120 foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos; Profissão de Fé

121 ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos céus; Profissão de Fé

122 está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, Profissão de Fé

123 donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Profissão de Fé

124 Creio no Espírito Santo, na santa Igreja católica, Profissão de Fé

125 na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, Profissão de Fé

126 na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém ! Profissão de Fé

127 Oração da Assembléia

128 Senhor, nós confiamos em Ti! Resposta:TODOS

129 Ó Deus, sempre ouvis o clamor do vosso povo e vos compadeceis dos oprimidos e escravizados. Oração CF 2014

130 Fazei que experimentem a libertação da cruz e a ressurreição de Jesus. Oração CF 2014

131 Nós vos pedimos pelos que sofrem o flagelo do tráfico humano. Oração CF 2014

132 Convertei-nos pela força do vosso Espírito, e tornai-nos sensíveis às dores destes nossos irmãos. Oração CF 2014

133 Comprometidos na superação deste mal, vivamos como vossos filhos e filhas, Oração CF 2014

134 na liberdade e na paz. Por Cristo nosso Senhor. Amém! Oração CF 2014

135 Oração da Assembléia

136 Liturgia Eucarística

137 Ofertório

138 Orai, irmãos e irmãs, para que, este sacrifício seja aceito por Deus Pai todo-poderoso.

139 Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, para nosso bem e de toda a santa Igreja!Todos

140 Oremos

141 Deus, todo-poderoso, concedei aos vossos filhos e filhas que, Oração

142 formados pelos ensinamentos da fé cristã, sejam purificados por este sacrifício. Oração

143 Por Cristo, nosso Senhor. Amém ! Oração

144 Oração Eucarística II

145 O Senhor esteja convosco! Ele está no meio de nós ! Oração Eucarística

146 Corações ao alto! O nosso coração está em Deus ! Oração Eucarística

147 Demos graças ao Senhor, nosso Deus ! É nosso dever e nossa salvação! Oração Eucarística

148 Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar- vos graças, sempre e em todo o lugar, Oração Eucarística

149 Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo- poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Oração Eucarística

150 Verdadeiro homem, Jesus chorou o amigo Lázaro. Deus vivo e eterno, ele o ressuscitou, tirando- o do túmulo. Oração Eucarística

151 Compadecendo-se da humanidade, que jaz na morte do pecado, Oração Eucarística

152 por seus sagrados mistérios ele nos eleva ao reino a vida nova. Oração Eucarística

153 Enquanto esperamos a glória eterna, com os anjos e com todos os santos, Oração Eucarística

154 nós vos aclamamos, cantando (dizendo) a uma só voz... Oração Eucarística

155 Santo

156 Na verdade, ó Pai, vós sois santo e fonte de toda a santidade. Oração Eucarística II

157 Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o vosso Espírito, Oração Eucarística II

158 a fim de que se tornem para nós o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso. Oração Eucarística II

159 Santificai nossa oferenda, ó Senhor!Todos

160 Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, Oração Eucarística II

161 ele tomou o pão, deu graças e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo: Oração Eucarística II

162

163 Eis o mistério da fé ! Oração Eucarística II

164 Anunciamos, Senhor, a vossa morte, e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde Senhor Jesus!Todos

165 Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do vosso Filho, Oração Eucarística II

166 nós vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; Oração Eucarística II

167 e vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na vossa presença e vos servir. Oração Eucarística II

168 Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!Todos

169 E nós vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, Oração Eucarística II

170 sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo. Oração Eucarística II

171 Fazei de nós um só corpo e um só espírito!Todos

172 Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: Oração Eucarística II

173 que ela cresça na caridade, com o papa... Oração Eucarística II

174 com o nosso bispo... e todos os ministros do vosso povo. Oração Eucarística II

175 Lembrai-vos, ó Pai da vossa Igreja!Todos

176 Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição Oração Eucarística II

177 e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a vós na luz da vossa face. Oração Eucarística II

178 Lembrai-vos, ó Pai dos vossos filhos!Todos

179 Enfim, nós vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, Oração Eucarística II

180 com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo vos serviram, Oração Eucarística II

181 a fim de vos louvarmos e glorificarmos, por Jesus Cristo, vosso Filho. Oração Eucarística II

182 Concedei-nos o convívio dos eleitos!Todos

183 Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai todo-poderoso, Somente o Padre

184 na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre. Somente o Padre

185 Amém ! Todos

186 Pai Nosso

187 Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; Pai nosso

188 venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, Pai nosso

189 assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; Pai nosso

190 perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; Pai nosso

191 e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Pai nosso

192 Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa paz. Somente o Padre

193 Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, Somente o Padre

194 enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo Salvador. Somente o Padre

195 Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre! Todos

196 Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos Apóstolos: Somente o Padre

197 Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Somente o Padre

198 Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima vossa Igreja; Somente o Padre

199 dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Somente o Padre

200 Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. Somente o Padre

201 Amém !TODOS

202 A paz do Senhor esteja sempre convosco! Somente o Padre

203 O amor de Cristo nos uniu ! Todos

204 Abraço da Paz

205 Cordeiro de Deus

206 Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós! Todos

207 Todos

208 Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz! Todos

209 (...) Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! Somente o Padre

210 Senhor, eu não sou digno(a) de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo(a)! Todos

211 Comunhão

212 Ação de Graças

213 Oremos

214 Concedei, ó Deus todo-poderoso, que sejamos sempre contados entre os membros de Cristo, Oração

215 cujo Corpo e Sangue comungamos. Oração

216 Por Cristo Nosso Senhor. Amém ! Oração

217

218 Benção Final

219 Canto Final


Carregar ppt "Silêncio. 5º Domingo Quaresma Leituras desta Missa 1ª Leitura Ezequiel 37, 12-14 2ª Leitura Romanos 8, 8-11 Evangelho João 11, 1-45."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google