A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DA PROTEÇÃO (GERENC) 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DA PROTEÇÃO (GERENC) 1."— Transcrição da apresentação:

1 SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DA PROTEÇÃO (GERENC) 1

2 1-A VISÃO DA CONPROVE A Conprove Indústria e Comércio traz mais uma inovação, o software de Gerenciamento da Proteção, que tem por objetivo integrar as atividades das equipes de manutenção, estudos, ajustes e análise de distúrbios. Estruturado para trabalhar em rede o software GERENC permite concentrar em um único computador ("Servidor") o resultado de testes processados em uma empresa e com base neste histórico, analisa os resultados dos testes. Através de índices estatísticos o software traz ao usuário indicadores de desempenho dos diversos modelos de reles, fabricante, etc. A sua proposta é de integrar todas as atividades da área de Proteção, incluindo: ajustes, oscilografias, análises de distúrbios, testes, catálogos e manuais. É uma ferramenta moderna com o desafio de integrar os dados e assim os usuários tirarem proveito da integração. 2

3 NECESSIDADES DE ORGANIZAÇÃO E GERENCIAMENTO NOS TRABALHOS DE PROTEÇÃO OUTROS DADOS IMPORTANTES TC, TP, OSCILOGRAFO DISJUNTOR ANÁLISE DE DISTURBIOS INTEGRAR A BASE DE DADOS MANUTENÇÃO DE RELÉS AJUSTES DOS RELÉS CATÁLOGOS, MANUAIS E SOFTWARE DOS RELÉS 3

4 O DESAFIO DO SOFTWARE: O DESAFIO DO SOFTWARE: Integrar, automatizar e organizar as diferentes frentes de trabalho AJUSTES DOS RELÉS MANUTENÇÃO DE RELÉS ANÁLISE DE DISTURBIOS CATÁLOGOS, MANUAIS E SOFTWARE DOS RELÉS OUTROS DADOS IMPORTANTES TC, TP, OSCILOGRAFO DISJUNTOR BASE DE DADOS 4

5 2-PROPOSTAS DO SOFTWARE 1)Gerenciar e Organizar a manutenção da proteção; 2)Garantir agilidade na entrada de dados usando-se leitor de arquivos com os resultados de testes automáticos (CE600X e Doble); 3)Planejar a manutenção da proteção (preventiva) com base no histórico dos testes; 4)Apresentar dados estatísticos relacionados ao desempenho dos relés, fabricantes, funções de proteção, etc. 5)Organizar Arquivos de Oscilografia e Arquivos para testes transitórios nos relés; 6)Utilizar Oscilografias para análise de distúrbios e planejamento da manutenção; 7)Organizar Ajustes dos Relés, Transdutores, Disjuntores, TCs e TPs; 8)Operação em modo Cliente/Servidor. Acesso pela rede da empresa. 5

6 MANUTENÇÃO DE RELÉS O programa permite o gerenciamento e controle do processo de manutenção a partir de entradas de testes do tipo manual, automática (CE 600X / Doble) ou a partir de oscilografias. Os dados são organizados em um banco de dados. Além disso, ele também disponibiliza recursos para obtenção de relatórios técnicos e gerenciais das manutenções dos relés e um calendário capaz de prever possíveis manutenções atrasadas. É permitido o cadastramento de unidades de terra, fase e neutro de e todas as funções de proteção como: sobrecorrente, sobrecorrente direcional, diferencial, distância, sobretensão, subtensão trifásicas ou monofásicas. 3-ORGANIZAÇÃO PLANEJAMENTO E CONTROLE DA MANUTENÇÃO DA PROTEÇÃO 6

7 3.1-ENTRADA DE DADOS DO TESTE- FORMA MANUAL Foi trocado o firmware, etc… 7

8 Exemplo de inserção manual de um teste de sobrecorrente ENTRADA DE DADOS MANUAL 8

9 3.2-ENTRADA DE DADOS DO TESTE DEFINIDA POR OSCILOGRAFIA 9

10 Verificar Ajustes e Operação. Operou corretamente? Banco de Dados de resultados de testes Análise de Distúrbios Extrair I, V e Ø ENTRADA DE DADOS POR OSCILOGRAFIA Definição dos períodos de pré falta, falta e pós falta Arquivo COMTRADE 10

11 3.2.2-ENTRADA DE DADOS DEFINIDA POR OSCILOGRAFIA Identificação de canais e extração de dados da oscilografia. 11

12 Tela de resultados de testes empregando a oscilografia RESULTADO DA ANÁLISE DE UMA OSCILOGRAFIA 12

13 3.3-ENTRADA DE DADOS AUTOMÁTICA-LEITURA DE ARQUIVOS DE MALAS DE TESTE 13

14 Gráfico de Slope com pontos testados na mala de testes modelo CE 600X. Resultado do teste ENTRADA DE DADOS AUTOMÁTICA 14

15 Clique para visualizar o resultado dos testes Aqui o usuário encontra todas as informações de como o relé estava parametrizado quando foi testado. Clique para continuar. Aqui o usuário encontra todas as informações de como o relé estava parametrizado quando foi testado. Clique para continuar. 4-ORGANIZAÇÃO DOS RESULTADOS DOS TESTES: DADOS DOS AJUSTES DO TESTE 15

16 Aqui estão os resultados de cada unidade do relé testada. Clique para continuar. Aqui estão os resultados de cada unidade do relé testada. Clique para continuar. Clique para visualizar o gráfico da curva temporizada 4.1-ORGANIZAÇÃO DOS RESULTADOS DO TESTE – UNIDADE TEMPORIZADA. 16

17 Nesta tela está apresentada a curva da unidade temporizada do relé, onde os pontos testados são comparados com os valores definidos pela norma que o relé foi construído. Clique para continuar. Nesta tela está apresentada a curva da unidade temporizada do relé, onde os pontos testados são comparados com os valores definidos pela norma que o relé foi construído. Clique para continuar. Clique para voltar a tela principal. 4.2-ORGANIZAÇÃO DOS RESULTADOS DO TESTE DE SOBRECORRENTE- ANÁLISE GRAFICA. 17

18 5-TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS DOS AJUSTES DO RELÉ Foram criados templates para inserção de ajustes de relés de modo a contemplar todos os relés comerciais, incluindo as funções de: SOBRECORRENTE DIFERENCIAL DISTÂNCIA SUB TENSÃO SOBRETENSÃO DIRECIONAL 18

19 5.1-TEMPLATES PARA DADOS DE RELÉS DE SOBRECORRENTE Unidade de fase (Função sobrecorrente) As abas existentes na janela incluem a definição de ajustes tendo em vista unidades temporizadas e instantâneas de fase, neutro e de terra. A aba tolerâncias inclui os valores toleráveis além do padrão que são permitidos pelo usuário no teste. 19

20 5.2-TEMPLATES PARA DADOS DA FUNÇÃO DIFERENCIAL MONOFÁSICA Definição dos TAPS, Ajustes do diferencial,ajustes do instantâneo e ajustes do slope. 20

21 5.3-TEMPLATES PARA DADOS DA 5.3-TEMPLATES PARA DADOS DA FUNÇÃO DIFERENCIAL TRIFÁSICA Definição das características do elemento protegido (Grupo Vetor e potência). Definição das RTC e do grupo vetor dos TPs. 21

22 5.3.1-TEMPLATES PARA DADOS DA TEMPLATES PARA DADOS DA FUNÇÃO DIFERENCIAL TRIFÁSICA Definição das tolerâncias, ajustes do instantâneo e ajustes do diferencial. 22

23 5.4-TEMPLATES PARA DADOS DA 5.4-TEMPLATES PARA DADOS DA FUNÇÃO DIRECIONAL Definição das características da proteção de fase 23

24 5.5-TEMPLATES PARA DADOS DA 5.5-TEMPLATES PARA DADOS DA FUNÇÃO DISTÂNCIA Definição da sequência de fase, frequência e TAPs de tensão e de corrente. 24

25 Testes da Unidade de Partida TEMPLATES PARA DADOS DA UNIDADES DE PARTIDA DE RELÉS DE DISTÂNCIA 25

26 Testes da unidade de medição TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS DA UNIDADE DE MEDIÇAO DE RELÉS DE DISTÂNCIA 26

27 Teste de Power Swing TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS DA UNIDADE DE POWER SWING –RELE DE DISTÂNCIA 27

28 Compensação de Carga TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS DE COMPENSAÇÃO DE CARGA –RELÉ DE DISTÂNCIA 28

29 5.6-TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS NAS FUNÇÕES DE SOBRETENSÃO 29

30 5.7-TEMPLATES PARA INSERÇÃO DE DADOS NAS FUNÇÕES DE SUB TENSÃO 30

31 Anexar Arquivo Cadastro Manual 2 O software permite a definição de ordens de ajustes, porém tem flexibilidade para que os teste no relé sejam inseridos com dados diferentes do ajuste de trabalho. É tambem possível anexar arquivos do tipo.Doc,.pdf,etc. AJUSTES DOS RELÉS 6-ORGANIZAÇÃO DOS AJUSTES E ORDENS DE AJUSTE 31

32 6.1-TEMPLATE PARA DEFINIÇÃO DE ORDEM DE AJUSTE: DIFERENCIAL MONOFÁSICO 32

33 ANÁLISE DE DISTURBIOS O sistema auxilia na análise de um distúrbio através da extração de dados dos arquivos como: valores de pico das formas de onda de tensão e corrente, valores RMS, potência ativa, potência reativa, potência aparente, impedância total, reatância e resistência ao longo do tempo. Os dados extraídos são levados na característica do relé de modo a verificar a operação. Corrente e tensão instantânea Potência Aparente 7-ANÁLISE DE DISTÚRBIOS 33

34 Potência Ativa Potência Reativa RMS da tensão e da corrente 34

35 Impedância Resistência Reatância 35

36 CATÁLOGOS, MANUAIS E SOFTWARE DOS RELÉS 8-ORGANIZAÇÃO DE CATÁLOGOS O programa permite que se faça a inserção dos catálogos e manual de modo a organizar e disponibilizá-lo aos profissionais da área. 36

37 OUTROS DADOS IMPORTANTES TC, TP, Resultado do teste de magnetização 9-DADOS DE TC´S E TP´S 37

38 INTEGRAÇÃO DA BASE DE DADOS 10-INTEGRAÇÃO DA BASE DE DADOS 38

39 10.1-INTEGRAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DA BASE DE DADOS: Apresenta uma organização de dados em forma de árvore com possibilidade de escolha do País, Empresa, Regional, Cidade, Estado, Subestação/Usina e Barra ou Transformador para definir onde o relé se encontra alocado. 39

40 11-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE-FILTROS Os dados da tabela podem ser ordenados por data, nome do relé, modelo, local de instalação etc. O usuário pode configurar qualquer filtro que desejar utilizando o editor de filtros. Clique para abrir este editor. Esta é a tela principal do software de gerenciamento. A tabela mostra todo o histórico de testes enviados e cadastrados no banco de dados do software de gerenciamento Esta é a tela principal do software de gerenciamento. A tabela mostra todo o histórico de testes enviados e cadastrados no banco de dados do software de gerenciamento 40

41 11.1-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE-FILTROS Apresenta filtros e ordenação para melhor visualização dos resultados 41

42 12-RECURSOS ADICIONAIS DO SOFTWARE-SENHA Permite a inserção de usuários com senha definida, garantindo a segurança na armazenagem dos testes e identificando o autor dos testes. 42

43 13-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE- RELATÓRIOS Permite a impressão de relatórios com testes individuais e tabelas de testes 43

44 14-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE- CALENDÁRIO DE MANUTENÇÃO Apresenta calendários que informam ao usuário as manutenções atrasadas, as programadas e as já feitas. 44

45 15-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE- OPERAÇÃO EM REDE Comunicação do tipo Cliente/Servidor permitindo que o usuário em qualquer regional da empresa, envie o resultado dos testes, oscilografias e catálogos novos para o servidor global. 45

46 15.1-OPERAÇÃO EM REDE 1)NÍVEL SERVIDOR: Esta atribuição é dada ao computador que centraliza o banco de dados, de onde serão feitas as análises de desempenho do sistema como um todo. Neste nível, com a devida senha, todas as ações são possíveis tais como: cadastrar, alterar, inserir e excluir dados gravados no sistema. 2)NÍVEL CLIENTE: Similar aos recursos do Servidor mas com uma grande diferença, o banco de dados que ele pode alterar refere-se ao banco local, que se encontra alocado em seu computador, ou seja, do seu trabalho rotineiro. Quando o usuário realizar a sua conexão à rede da empresa, as informações são transferidas por um processo automático e os dados que já foram descarregados anteriormente não são aproveitados em uma nova transferência. 46

47 16-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE-ANÁLISE DOS ERROS Análisa a evolução dos erros de uma determinada função do relé, e através de cálculos matemáticos realiza a previsão da melhor data para uma possível manutenção no dispositivo. 47

48 17-OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE: ANÁLISE DE DESEMPENHO Gráficos de desempenho (pizza) informando ao usúario o desempenho caracterizado por : funções de proteção, modelos de relés e fabricantes. Esse método permite ao usuário ter um controle geral de todo o processo de manutenção. 48

49 Aqui o usuário pode imprimir as informações deste teste. Clique para continuar Aqui o usuário pode imprimir as informações deste teste. Clique para continuar Clique para visualizar os ajustes do teste Esta é a tela de resultado de teste para relés diferenciais. Inicialmente são mostrados os dados gerais do teste como: relé testado, sua localização, o funcionário responsável, etc. Clique para continuar. Esta é a tela de resultado de teste para relés diferenciais. Inicialmente são mostrados os dados gerais do teste como: relé testado, sua localização, o funcionário responsável, etc. Clique para continuar. Aqui o usuário visualiza os dados da manutenção como inspeções, verificações, ajustes encontrados e deixados e ajuste padrão. Clique para continuar Aqui o usuário visualiza os dados da manutenção como inspeções, verificações, ajustes encontrados e deixados e ajuste padrão. Clique para continuar 18- RECURSOS ADICIONAIS DO SOFTWARE 49

50 19- OUTROS RECURSOS DO SOFTWARE- ORGANIZAÇÃO DOS OSCILOGRAFOS e OSCILOGRAFIAS Permite o cadastramento de oscilógrafos e a associação de arquivos de oscilografia no formato Comtrade. 50

51 Esta foi uma pequena demonstração do software de gerenciamento. Para mais informações, entre em contato conosco: Agradecemos sua atenção. Conprove Indústria e Comércio Ltda. Home Page : Tel.: (34) Fax.: (34)


Carregar ppt "SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DA PROTEÇÃO (GERENC) 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google