A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A TERRA NÃO A HERDAMOS DOS NOSSOS PAIS..... FORAM OS NOSSOS FILHOS QUE NO-LA CONFIARAM. É o ano de 2053, acabo de completar 40 anos mas a minha aparência.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A TERRA NÃO A HERDAMOS DOS NOSSOS PAIS..... FORAM OS NOSSOS FILHOS QUE NO-LA CONFIARAM. É o ano de 2053, acabo de completar 40 anos mas a minha aparência."— Transcrição da apresentação:

1

2 A TERRA NÃO A HERDAMOS DOS NOSSOS PAIS..... FORAM OS NOSSOS FILHOS QUE NO-LA CONFIARAM. É o ano de 2053, acabo de completar 40 anos mas a minha aparência é a do meu avô que quando morreu tinha 95, tenho sérios problemas de rins porque quase não bebo água, já me resta pouco tempo de vida sou um dos mais idosos da cidade. Recordo que quando tinha cinco anos, tudo era muito diferente,, havia muitas árvores, todas as casas tinham um jardim, até recordo que foi nessa altura que andaram a remodelar o centro da cidade e fizeram alguns parques e jardins, recordo que além de poder ir tomar banho de verão á Ribeira, á Pedreira e á Barragem de Queimadela, podia em casa desfrutar de um bom duche de meia hora e até de vez enquanto ir á Piscina Municipal, agora nada disto existe, usamos toalhetes para limpar a pele, a água já não corre nem na Ribeira nem na Pedreira, os rios e a Barragem de Queimadela, estão irreversivelmente contaminados, a Piscina fechou, antigamente, recordo que em qualquer sitio havia uma fonte de água cristalina que se podia beber, cada pessoa podia beber 8 copos de água que era o indicado para o nosso corpo por dia, hoje só posso beber meio copo e mesmo a que bebo é demasiado cara para que a possa beber todos os dias.

3 A roupa é descartável, porque não há água como antigamente para a lavar, assim aumenta ainda mais a quantidade de lixo, tivemos de voltar a usar as fossas, porque as redes de esgotos que passam por baixo da estrada deixaram de ter qualquer funcionalidade porque não há água. Recordo quando andava nos Escuteiros e um dos Pólos Educativos nessa altura era a Natureza e o meio Ambiente, a verdade é que com os meus chefes fizemos muitas campanhas para as pessoas cuidarem do meio ambiente, não deitarem medicamentos para o lixo, separar os resíduos etc. quantas vezes andamos a recolher cartão, papel e plástico pelas casas e algumas pessoas nos chamavam estúpidos, mas pouco valeu, ainda tenho a minha farda em casa mas a verdade é que aquilo que no meu tempo de jovem era maravilhoso Acampar hoje não se pratica porque nem árvores há, já não há Escuteiros porque ao fim ao cabo já não são precisos, ninguém ligou ao que eles faziam e ensinavam. A aparência da população é horrorosa, corpos desfalecidos, enrugados pela desidratação da falta de água, os corpos cheios de feridas na pele pelos raios ultra violetas que já não tem a capa de ozono que os filtrava na atmosfera, as paisagens que antes eram maravilhosamente verdes hoje não passam de amontoados de pedras e paisagens áridas desérticas, até aquelas árvores que plantamos numa campanha ambiental em 2000, não passam de troncos sem vida, não há árvores porque nunca chove, e quando chega a registar-se alguma precipitação é de chuva ácida, as estações do ano estão transformadas pelos ensaios atómicos e pela indústria contaminante do séc. XX.

4 No meu tempo de criança recordo que se advertiu que era necessário cuidar do meio ambiente, poupar água, separar o lixo, até nos Escuteiros não nos deixavam cortar ramos nem árvores, os Governantes pouco ou nada faziam quando os incêndios de Verão dizimavam as florestas e a vegetação, os condutores de automóveis pouco ou nada se incomodavam quando deitavam as pontas de cigarros pelo vidro fora, de pouco valeu alertar para os perigos que corríamos e agora estamos a pagar todo o mal que fizemos ao meio ambiente. Quando a minha filha de apenas 8 anos me pede que lhe fale de quando era jovem, descrevo o bonito que eram os bosques, falo-lhe da chuva, das flores, da água que corria nos rios e ribeiros, falo-lhe do que era agradável tomar banho na Ribeira, na Pedreira e na Barragem de Queimadela, do quanto era bom poder pescar nos rios e barragens beber toda a água que quisesse e em qualquer sítio, quão saudável era toda a gente..... Ela pergunta-me: Papá! Porque se acabou a água? Porque já não há árvores e flores? Então eu sinto um nó na garganta; não posso deixar de me sentir culpado, porque apesar de tantas advertências, tantos avisos, tantas campanhas..... Eu pertenço á geração que acabou por destruir o meio ambiente. Como eu gostaria de voltar atrás e fazer com que toda a humanidade compreendesse isto quando ainda podíamos fazer algo, como eu gostava de poder empenhar-me ainda mais e obrigar os outros a fazer tudo para salvar o nosso planeta Terra.

5

6 ORAÇÃO DA ACTIVIDADE "Glorioso São Jorge! O malvado dragão que vós pisastes tenta erguer-se sempre de novo. É o dragão do paganismo moderno, que se arremete com furor contra a humanidade. Imploramos a vossa protecção. Conservai firme a nossa fé. Corrigi aqueles que usam o vosso nome para enganar o próximo com práticas de superstição, contrárias à fé que defendestes. Milagroso São Jorge! Ajudai-nos em todas as nossas dificuldades. Defendei- nos do dragão do pecado e livrai-nos de todo mal. Como Exploradores do Corpo Nacional de escutas, ajudai-nos e protegei-nos ao longo das nossas Actividades.. Amen".

7 ONDE ? Escola Padre Joaquim Flores Fornelos QUANDO ? 21e 22 de Abril 2007 LEMA ? Com S. Jorge Anos a Jogar QUEM ? 2ª Secção Agrupamento 966 Medelo

8 PARA QUEM ? 2ª Secção Agrupamento 966 Medelo Departamento Pedagógico da Segunda Secção Grupo Explorador Núcleo de Fafe Agrupamento de Creches de Revelhe IMAGINÁRIO : Bem Contra o Mal …. Salvar o Ambiente OBJECTIVOS : Amizade e Espírito de Patrulha Áreas Educativas do CNE Mística e Simbologia da IIª Secção Comemorar 100 anos de escutismo Mostrar aos mais pequenos o que é ser escuteiro

9 JOGO DURANTE A PREPARAÇÃO SOLIDARIEDADE * SERVIÇO * AMBIENTE Um dos desafios que lançamos aos Agrupamentos é que durante a fase de preparação junto das populações locais e inclusive ás creches que irão estar presentes na Actividade façam uma recolha de consumíveis de informática, telemóveis que serão entregues á Junta de Freguesia de Fafe, para de seguida reverter a favor da campanha da AMI, desta forma, não só estamos a ir de encontro ás directrizes da Junta Regional sobre programas ambientais, como igualmente estamos a dar uma mão a favor da solidariedade.

10 O Bem contra o mal…. Salvar o Ambiente ATELIERS Distribuir a cada Agrupamento uma Área Educativa, sendo este Agrupamento responsável por um Atelier a elaborar e demonstrar aos mais pequenos que vão participar nesta Actividade o que é, e como são os nossos Ateliers. - Pinturas - Nós / Construções - Semear árvores ou plantar - Como poupar água - Separação de resíduos - etc.……

11 Assalto ao Castelo … Salvar Cleolinda JOGO Também durante a preparação nos meses que antecedem a Actividade, os Agrupamentos teriam de preparar roupa de adereços para que todos os rapazes viessem vestidos de S. Jorge com um cavalo imaginário que poderá ser um pau com uma cabeça de cavalo ou até uma bicicleta, as raparigas de princesas, sendo o Dragão imaginário um obstáculo a transpor. - Os cavaleiros serão colocados num dos lados, e as princesas de outros depois terão de caminhar para junto dela nos seus cavalos e regressarem com a princesa, deverão trocar com os outros elementos de forma a que tragam o maior numero de princesas.

12 Com S. Jorge…100 anos a Jogar OS JOGOS DOS NOSSOS PAIS Cada Agrupamento seria igualmente responsável por pesquisar jogos do tempo dos seus Pais de forma a serem implementados a sua realização da parte de tarde de uma espécie de Jogos sem fronteiras - Passar por entre peneus - Saltar á Corda - Passar Teia de Cordas - Equilíbrio em tronco - etc.…..

13 PROGRAMA Dia 1 (21 de Abril) 08,00 h – Concentração na Tenda da Legião Romana (Escola Padre Joaquim Flores) 08,30 h - Oração da Aventura 08,45 h – Montagem dos Ateliers 09,15 h – Recepção dos Convidados (Jardins-de-Infância) 09,30 h - ATELIERS O Bem contra o Mal.. Salvar o Ambiente 11,30 h – GRANDE JOGO - Saída em Raide até ao local das Actividades (Fornelos) 12,30 h - Almoço Farnel 16,00 h – PEQUENO JOGO - Montagem de um Campo Escutista 18,00 h - Avaliação (campo montado, questionários e ateliers) 18,30 h – Preparação do jantar e fogo de conselho 20,00h - Jantar 21,30h - Fogo de Conselho 23,30h - Silêncio

14 PROGRAMA Dia 2 (22 de Abril) 08,00 h – Alvorada 08,30 h - Oração da manhã 08,45 h – Pequeno Almoço 10,00 h – Eucaristia 11,15 h – Preparação do Almoço e dos Jogos da Tarde 12,30 h – Almoço 14,30 h - OS JOGOS DOS NOSSOS PAIS Com S. Jorge….100 Anos a jogar 16,00 h – Desmontagem de Campo 16,45 h – Lanche (convívio), avaliação e entrega de prémios 18,00 h - Despedida


Carregar ppt "A TERRA NÃO A HERDAMOS DOS NOSSOS PAIS..... FORAM OS NOSSOS FILHOS QUE NO-LA CONFIARAM. É o ano de 2053, acabo de completar 40 anos mas a minha aparência."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google