A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ano II Dezembro de 2009 Balanço Brasil - Estoque inicial, produção, importação, suprimento, consumo e exportação brasileira (Milhões de t). Balanço Mundial.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ano II Dezembro de 2009 Balanço Brasil - Estoque inicial, produção, importação, suprimento, consumo e exportação brasileira (Milhões de t). Balanço Mundial."— Transcrição da apresentação:

1 Ano II Dezembro de 2009 Balanço Brasil - Estoque inicial, produção, importação, suprimento, consumo e exportação brasileira (Milhões de t). Balanço Mundial - Exportação, consumo mundial, estoques finais, exportações e importações (Milhões de t). Custos de Produção - Custo variável, custo operacional e custo total – (R$/ha) e (R$/sc 60 Kg). Exportações brasileiras Evolução nas Regiões – Área (Mil ha), produção (Mil t) e participação dos estados produtores. Valor Bruto da Produção – (Milhões de R$). Relação Estoque/Uso mundial - %. Fonte: USDA. Fonte: CONAB. Fonte: MDIC. Fonte: Conab e CMA. Fonte: MAPA. Fonte: USDA. Período de calculo da taxa média de crescimento: 2005/06 a 2009/10.

2 CBOT - Fechamento dos preços futuros (cents US$/bushel). Indicador OCB - Preço no Mercado Físico (R$/sc 60 Kg). Ano II Julho de 2009 Indicador CEPEA - Preço no mercado Físico (R$/sc 60 Kg). Brasil – Previsão 2009/10. Brasil Produção: 50,4 milhões t, redução de 1,01% ante a safra anterior (51,0 milhões de t). Área: 13,18 milhões de ha, queda de 6,97% ante a safra anterior (14,1 milhões de ha). Paraná: produção de 11,84 milhões de t ( +6,7% ). Espera-se uma significativa redução na área plantada ( 12,6% ) e na produtividade acréscimos de ( 22,11% ) em relação à safra passada, o 2º maior acréscimo, perdendo apenas para o estado do Rio Grande do Sul, onde projeta-se aumentos na produtividade de 31,5%. O Paraná representará 23,5% em 09/10 contra 21,76% em 08/09 da produção nacional. Mato Grosso: produção de 6,93 milhões de t ( -14,2% ), uma das maiores reduções previstas, perdendo apenas para o estado de Goiás, que reduzirá sua produção em ( 17,9% ). Cotações: as cotações caíram significativamente nas principais regiões produtoras. A conformação da curva, embora apresente períodos de elevações, em regra, apresenta uma tendência de queda nos estados brasileiros. As cotações de atingiram R$20,14/saca de 60 kg. As quedas mais bruscas concentraram-se a partir de dezembro de 2007 (média de R$27,5/sc em Rio Verde e R$31,0/sc em Uberlândia). Produção: Produção: 790,17 milhões de t ( -0,13% ) ante a safra 2008/09. EUA: 328,2 milhões de t, +6,70% em relação a safra 2008/09. Prevê-se uma participação de 41,5% da produção mundial. China: 155 milhões de t ( -6,57% em relação a safra passada). Prevê-se uma participação de 19,6% da produção mundial. UE: 56,1 milhões de t ( -10,52% em relação a safra passada). Brasil: 4º player do mercado mundial com 51,0 milhões de t ( 1,96% em relação a safra passada), representando 6,5% de toda produção mundial. Consumo: Consumo: 803,1 milhões de t ( +3,69% ante a safra 2008/09). EUA: 276,4 milhões de t, representando em 2009/10 cerca de 34,4% de todo o consumo mundial. China: 159,0 milhões de t, 07 milhões de t a mais que do ano safra anterior. Prevê-se uma participação de 19,8% do consumo mundial. Estoques: Estoques: 132,3 milhões de t ( -9,87% ante a safra 2008/09). China: 48,7 milhões de t. Prevê-se uma participação de 32,1% dos estoques mundiais. Estado Unidos: 42,5 milhões de t. Mundo Safra 2009/10 Exportação: houve uma retração de 4,59%. Exportou-se US$ 1,30 bilhão em 2009, contra US$ 1,36 bilhão em Valor Bruto da Produção: representa toda a receita bruta gerada na agropecuária. houve uma retração muito significativa de 31,69%, ou seja, o VBP atingiu R$ 16,17 bilhões em 2009, contra 23,68 bilhões em Participa com 10,57% do VBP em relação a outras culturas no cenário agrícola brasileiro. Responsáveis Técnicos: Evandro Scheid Ninaut: Economista, Especialista em Gestão de Cooperativas. Gerente de Mercados da OCB. Paulo César Dias Júnior: Eng. Agrônomo, Mestre em Economia Aplicada. Assessor Econômico da Gerência de Mercados da OCB, Marco Olívio Morato de Oliveira: Engenheiro Agrônomo. Mestre em Engenharia Hidráulica e Saneamento. Assessor Econômico da Gerência de Mercados da OCB. Stephanie Ruiter: Engenheira Agrônoma. Assessor Econômico da Gerência de Mercados da OCB.


Carregar ppt "Ano II Dezembro de 2009 Balanço Brasil - Estoque inicial, produção, importação, suprimento, consumo e exportação brasileira (Milhões de t). Balanço Mundial."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google