A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A SENHORA DE NAZARÉ, MÃE DE DEUS 1 PESCA EM ÁGUAS PROFUNDAS XLVI EVANGELIZAÇÃO NO TERCEIRO MILÊNIO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A SENHORA DE NAZARÉ, MÃE DE DEUS 1 PESCA EM ÁGUAS PROFUNDAS XLVI EVANGELIZAÇÃO NO TERCEIRO MILÊNIO."— Transcrição da apresentação:

1 A SENHORA DE NAZARÉ, MÃE DE DEUS 1 PESCA EM ÁGUAS PROFUNDAS XLVI EVANGELIZAÇÃO NO TERCEIRO MILÊNIO

2 A MÃE DO FILHO DE DEUS, CONFORME A PROFECIA DE ISAÍAS (Is 7,14) Por isso, o próprio Senhor vos dará um sinal: uma virgem conceberá e dará à luz um filho, e o chamará Deus Conosco

3 A MÃE DO FILHO DE DEUS, CONFORME O EVANGELISTA LUCAS ( Lc 1, ) No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi; e o nome da virgem era Maria. Entrando, o anjo disse-lhe: Ave cheia de graça, o Senhor é contigo. Perturbou-se ela com estas palavras e pôs-se a pensar no que significaria semelhante saudação. O anjo disse-lhe: Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus. Eis que conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus. Ele será grande e chamar-se-á Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi; e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim. Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, pois não conheço homem? Respondeu-lhe o anjo: O Espírito Santo descerá sobre ti, e a força do Altíssimo te envolverá com a sua sombra. Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus Então disse Maria: Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo afastou-se dela.

4 A MÃE DO FILHO DE DEUS, CONFORME O EVANGELISTA MATEUS (Mt 1,18) Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, aconteceu que ela concebeu por virtude do Espírito Santo (Mt 1,18)

5 O FILHO DE DEUS, CONFORME O EVANGELISTA JOÃO (Jo 1,1-4.14) No princípio era o Verbo, e o Verbo estava junto de Deus e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio junto de Deus. Tudo foi feio por ele, e sem ele nada foi feito. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos sua glória, a glória que o Filho único recebe do seu pai, cheio de graça e esplendor.

6 É só o mês de outubro se aproximar e a caixa de entrada do meu outlook começa a receber s sobre a Senhora de Nazaré. Alguns provocativos. Sobre estes, pergunto-me, por que tanta ironia sobre essa mulher tão bela e cheia de graça, que chegou a cativar o Criador ao ponto de fazê-la mãe de seu Filho? Acredito que este comportamento é fruto de má educação ou, então, de má índole. O respeito é essencial para o bom relacionamento humano, principalmente entre cristãos!...

7 O Criador, Fonte de pureza e perfeição, vai escolher uma mulher qualquer para ser a mãe do seu Filho? Se assim proceder, o Criador não está sendo negligente ao deixar ao acaso a escolha daquela que irá conceber seu Filho, o Messias, para conduzir todos os homens de volta ao seu Reino, que estão perdidos no mundo? Agindo assim, o Criador não se comporta como uma sua criatura qualquer? Seu diz que sim. Para mim, sem sombra de dúvida, para o Messias chegar até nós, o Criador vai escolher, sim, entre todas as mulheres, uma que seja perfeita, imaculada, repito i-ma-cu-la-da, sem qualquer traço impuro na alma. Uma mulher livre das negatividades do mundo!...

8 Encontra Maria cheia de sua graça! Essa mulher é imaculada tal qual Eva, mulher de Adão, antes de ser atraída e traída pela serpente. A pureza dessa primeira mulher, que Deus encontra em Maria, é o ideal para o seu Plano de salvação humana. Maria é apta para conceber em seu ventre o Messias e assim dar continuidade ao processo de desenvolvimento sadio da Criação que a serpente interrompeu. A salvação está na perspectiva de vida eterna que Jesus vai proclamar aos homens.

9 Se Jesus tivesse nascido de uma mulher qualquer, ele seria tal como um de nós, inclusive no pecado. Seria também um hipócrita, corrupto, viciado, trapalhão, ambicioso... Não suportaria os quarenta dias de solidão no deserto sob tentações demoníacas... Não teria forças para vencer a agonia no Monte das Oliveiras e nem amor para suplicar do alto da cruz: Pai, perdoa-os porque não sabem o que fazem! Não teria estrutura espiritual, consequentemente preparo físico, para sustentar-se responsavelmente, pois era também um homem qualquer.

10 Jesus foi sempre um homem puro, porque foi concebido por um corpo sempre puro, por obra de um Espírito puríssimo, o Criador de todas as coisas!... Deus quis assim, afinal é o Criador de todas as coisas e pode tudo. Ele, depois de aprontar a Criação, para administrá- la, não criou o Adão do barro combinado com seu Sopro de Vida e da costela do Adão fez a Eva?...

11 C onsiderando não haver nenhum homem e nenhuma mulher puros na face da terra, devido à queda de Adão e Eva no abismo da serpente, que maculou o status humano original, somente Deus pode fazer possível o impossível humano, isto é, achar no meio de todas as mulheres uma imaculada. Não pode? Claro que pode. Deus é o Criador de todas as coisas puras, portanto, é a própria Pureza. A Virgem Maria é uma mulher pura, perfeita para conceber e alimentar em seu ventre o Filho de Deus entre nós.

12 Pureza e impureza são situações opostas. A primeira é origem e a segunda é efeito. Pureza flui de fonte divina e impureza de coisa mundana. A primeira tem origem em Deus e a segunda tem origem na serpente. Por isso, era necessário que Jesus nascesse de uma mulher pura para poder proclamar a Verdade para nós e a Verdade é de Deus, está em Deus, é o próprio Deus. Dá para entender, porque Maria Santíssima, nossa mãe também, não é uma mulher qualquer?

13 A SENHORA DE NAZARÉ, MÃE DE DEUS 2

14 DOGMAS Verdades absolutas e imutáveis. Luzes no caminho da fé católica que o iluminam e tornam seguro. Se a vida for pura, a inteligência e o coração estarão abertos para acolher as luzes dos dogmas da fé (CIC $89) A Constituição Apostólica Inefabilis Deus (Deus Inefável) define o dogma da Imaculada Conceição da Virgem Maria. Foi escrita e promulgada pelo papa Pio IX em 8 de dezembro de Festa litúrgica: 8 de dezembro A Constituição Apostólica Munificentissimus Deus (O mais generoso Deus) define o dogma da Assunção da Virgem de corpo e alma ao céu e foi proclamado pelo papa Pio XII em 1 de novembro de Festa litúrgica: 15 de agosto

15 OS FILHOS DA SENHORA DE NAZARÉ Seu diz que a Virgem Maria teve vários filhos. Discordo. O Criador não permitiria que o corpo imaculado da Mãe de seu Filho unigênito fosse partilhado com uma criatura impura e de mentalidade híbrida, mesmo criada à sua imagem e semelhança, para gerar outros filhos. Minha inteligência diz que é aberração a impureza esposar a pureza ou vice-versa. Entre todos os seres humanos, Maria é a única mulher imaculada nascida na terra! Ora, a pureza é dom de Deus e a impureza é coisa da serpente. Logo, é impossível que a Virgem Maria, mãe de Jesus Cristo, filho do Criador, o Emanuel, o Eu Sou, a Pureza em si mesma, tenha gerado outros filhos consangüíneos. Gerou, sim, e continua gerando milhões e milhões de filhos por obra do Espírito Santo. A Igreja está aí para comprovar essa família espiritual!

16 O CORPO DO FILHO E O CORPO DA MÃE Avancemos um pouco mais para as águas profundas. Vejamos o caso da assunção da Senhora de Nazaré ao céu de corpo e alma. Bem, Jesus já ascendeu aos céus, está junto do Pai, e sua Mãe permanece na terra seguindo as orientações do Filho dadas aos discípulos(Mt 28,16-29). Do alto, Pai e Filho acompanham a performance cristã da Mãe sob a luz do Espírito Santo que a fortalece e protege. Os Três e Ela, um só em comunhão! Depois que morreu, o Criador deixaria na terra o corpo da Mãe do seu Filho para ser consumido pelos vermes assim como os nossos são consumidos por causa das impurezas do mundo?

17 DEUS É AMOR E JUSTIÇA Você acredita que Jesus ascendeu ao Pai de corpo e alma. Também acredito. Acredita que Jesus, mesmo sendo o Filho, era também o Pai, o Eu Sou, o Deus Conosco, o próprio Criador encarnado no meio de nós. Também acredito. A carne do filho é a mesma da mãe? Acredito. O corpo de Jesus é da mesma carne de sua mãe, isto é, da carne de Maria Santíssima. Ambos imaculados e cheios de graça, um só. Não seria leviandade de Deus ascender de corpo e alma ao céu e largar na terra a Mãe? Seria Deus um mero aproveitador de mulher? O seu deixa transparecer essa anormalidade, que até lembra os deuses devassos da mitologia grega! Ora, nós, que somos humanos, queremos o melhor para nossos entes queridos, imagine o Criador, que é só Amor e Justiça, para a mulher que carregou no ventre o corpo do seu Filho unigênito, amamentou, criou!...

18 Não, não estou tentando lhe convencer de nada. Você é livre para pensar e escrever o que quiser. Apenas expresso o que senti quando tomei conhecimento do que você pensa sobre a Senhora de Nazaré. No seu você escreveu o que pensou e acredita. Li-o, não gostei, achei-o desrespeitoso, atingia minha crença, pois a Senhora de Nazaré é minha mãe também!...

19 Se amo essa Senhora é porque amo também seu Filho, meu Senhor. Acho um tremendo disparate dizer que ama o Filho, mas despreza a Mãe, como é o seu caso. Por isso, tento contradizer-lhe mostrando a grandiosidade dessa Senhora que, quer queira ou não os céticos como você, está de corpo e alma no céu juntamente com os anjos, os santos, diante da Trindade Santa intercedendo por nós, seus filhos na terra..

20 E se Maria tivesse dado um sonoro Não ao anjo Gabriel, o que seria de você, de mim, de nossa família, enfim, da humanidade? Será que a terra ainda estaria inteira ou só em pedaços espalhados no espaço sideral? Já pensou nisso? Deus iria procurar outra mulher qualquer? Claro que não! Se Deus fizesse isso ele quebraria sua promessa para nossa salvação, pois o mal na Criação está na impureza de nosso coração(Is 7, 14s). Só alguém puro gerado por alguém puro para nos salvar!

21 Meu querido irmão, desfaça-se dessa carga de preconceito que lhe aflige e grite bem alto, liberto, para todo mundo ouvir: Amo a Senhora de Nazaré, mãe de meu Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, porque é minha mãe também, e peça-lhe que interceda junto à Trindade Santa no céu por todos os cancerosos da terra. Amém Eliezer de Oliveira Martins Obs: O autor é diácono da Arquidiocese de Santa Maria de Belém do Grão Pará, Amazônia do Brasil. Esses fatos são uma adaptação dos narrados em link FONTE DE VIDA. Musical: Only A Memory, Yanni, e Eyes Of Eternity, Era


Carregar ppt "A SENHORA DE NAZARÉ, MÃE DE DEUS 1 PESCA EM ÁGUAS PROFUNDAS XLVI EVANGELIZAÇÃO NO TERCEIRO MILÊNIO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google