A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Disruption-Tolerant Networking Uma breve explanação Felipe Lima.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Disruption-Tolerant Networking Uma breve explanação Felipe Lima."— Transcrição da apresentação:

1 Disruption-Tolerant Networking Uma breve explanação Felipe Lima

2 Tópicos O que é DTN Onde é usada Objetivo Store and forward Exemplos de sistemas onde é usada Exemplo de uma subdivisão do espaço File Delivery Protocol Disruption-Tolerant Networking 2

3 O que é DTN Delay-Tolerant Networking ou Disruption-Tolerant Networking; Rede onde a conexão não é garantida durante todo o tempo; Emergiu em 1998 para estender a Internet para o espaço; Arquitetura sobre os padrões atuais usados na Internet. Disruption-Tolerant Networking 3

4 Onde é usada Onde há conexão intermitente; Onde há atraso longo ou variável; Vazão do tráfego de forma assimétrica; Altas taxas de erros. Disruption-Tolerant Networking 4

5 Store and forward Uma forma de resolver os problemas citados; Pacotes de informação são passados de um nodo para outro; Sistema postal e o sistema de . Disruption-Tolerant Networking 5

6 Exemplos de sistemas intermitentes Disruption-Tolerant Networking 6

7 Pilha DTN Camada Bundle situa-se entre a Aplicação e o Transporte. Disruption-Tolerant Networking 7

8 Regiões e nodos Um nodo é uma entidade que possui Camada de Bundle; As regiões no espaço são caracterizadas por um único identificador ou nome; Cada interface de um nodo dentro da mesma região possui um identificador único. Disruption-Tolerant Networking 8

9 Regiões e nodos {ID da região; ID da entidade} Disruption-Tolerant Networking 9

10 Exemplo de subdivisão do espaço Disruption-Tolerant Networking 10

11 Bundling Unidade de transmissão denominada bundle; Camada responsável pelo endereçamento dos bundles para as regiões corretas; Custodial retransmission; Controle por reservas de recursos e não por contenção; Protocolo fim-a-fim. Disruption-Tolerant Networking 11

12 Elementos de uma rede Host: envia e recebe bundles; Router: roteia os bundles dentro de sua região; Gateway: roteia os bundles entre duas regiões diferentes; Disruption-Tolerant Networking 12

13 CFDP - File Delivery Protocol Uma proposta para a camada de transporte em sistema intermitente; Dados corrompidos são retransmitidos; Opera num ambiente com reconhecimento e confiável (acknowledged) e em um ambiente não- confiável (unacknowledged); Protocolo nodo-a-nodo. Disruption-Tolerant Networking 13

14 CFDP - File Delivery Protocol Conexão Os tempos de retransmissão são longos, logo, os buffers de retransmissão devem ser guardados em uma área não-volátil; Uma troca de arquivo não pode iniciar uma negociação como em FTP. Todos os dados são enviados no bundle. Disruption-Tolerant Networking 14

15 CFDP - File Delivery Protocol Envio Gerencia transações; Identificador para cada mensagem pertencentes a cada transação; Como o tempo para fazer conexão pode ser extremamente longo, não há um protocolo de conexão; Como o round-trip time de um ack pode ser muito longo, o CFDP nunca espera por uma resposta para transmitir outro dado. Disruption-Tolerant Networking 15

16 Um pouco sobre latência Disruption-Tolerant Networking 16

17 Links interessantes n/science/experiments/DTN.html Disruption-Tolerant Networking 17


Carregar ppt "Disruption-Tolerant Networking Uma breve explanação Felipe Lima."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google