A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ricardo Halfeld R. Andrade Rafael Matouk Nassar Projeto de Sistemas Oceânicos II.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ricardo Halfeld R. Andrade Rafael Matouk Nassar Projeto de Sistemas Oceânicos II."— Transcrição da apresentação:

1 Ricardo Halfeld R. Andrade Rafael Matouk Nassar Projeto de Sistemas Oceânicos II

2 Forma

3 Resistência ao Avanço

4 Propulsão Principal

5 Velocidade de Serviço Condição de Free-running 15,0 nós 7,72 m/s Coeficientes de Avanço, Empuxo e Torque Velocidade de Avanço λ = 0,64Ks = 0,36Kd = 0,32 ω = 0,15 Va = 6,55 m/s Empuxo, Torque e Eficiência Rotação do Propulsor T = 147,47 kN Q = 199,38 kN*m N = 66 RPM n = 1,09 rps T = 15,03 tons η = 0,71 Diâmetro do Propulsor Altura das Lâminas Potência entregue ao Propulsor D = 3,0 m L = 2,5 m 1524,63 kW Velocidade CircumferencialRelação L/D Condição de Tração Estática (Ainda não funciona bem) u = 10,30 m/s 0,84 Força, Torque e Eficiência Relação c/D Eficiência Mecânica do Propulsor T = 316,25 kN Q = 312,54 kN*m 0,12 0,92 T = 32,24 tons 47,29 kW/ton Massa específica do fluido Potência entregue ao Propulsor 1025 kg/m³ (30R5/250-2) 2331,81 kW

6 Propulsão Principal

7

8 Propulsão Auxiliar API Recommended Practice 2P (American Petroleum Instititute) Requerido: 2x 1227 kW 21,2 tonf (Vento) 19,1 tonf (Corrente) 25,1 tonf (Ondas) 65,4 tonf (Total)

9 Propulsão Auxiliar

10 Compartimentação

11 Dimensionamento do Pique Tanque de Vante Lf78,45 m0,96*L PP B.B. Extr.79,60 mExtremidade do Bulbo p0,89 m(B.B. Extr. - PV) PV78,45 mPerpendicular de Vante Ref. Pt.78,26 mPonto de Referência de acordo com a Regra P.T.V. Max74,40 m(Caverna 124) P.T.V. Min72,00 m(Caverna 120) Frame Spc.600 mmEspaçamento de Cavernas

12 Compartimentação

13

14

15

16 Superestrutura

17

18

19 Total 33.0 kW cabines básicas 10 Iluminação0.1 kW Tomadas2.0 kW AC1.2 kW Total 22.0 kW cabines conforto 4 Iluminação0.5 kW Tomadas1.5 kW TV1.0 kW Som1.0 kW AC1.5 kW Total 17.6 kW cabines luxo 2 Iluminação1.0 kW Tomadas2.0 kW TV2.0 kW Som2.0 kW AC1.8 kW Passadiço Total 22.0 kW Iluminação3.0 kW Sistemas de Com2.0 kW Sistemas de Nav5.0 kW Sistemas de Controle3.0 kW Tomadas5.0 kW AC4.0 kW Ambientes Comuns Total 47.0 kW Cozinha10.0 kW Cinema5.0 kW Academia3.0 kW Refeitório5.0 kW Luzes de Deck3.0 kW Luzes de Navegação1.0 kW AC20.0 kW

20 Sistema de Bombas Massa específicaViscosidadeVazãoPressão Água Doce1000 kg/m³9,3e-7 Ns/m²250 m³/h9 bar Diesel kg/m³8,0e-6 Ns/m²250 m³/h9 bar Metanol791 kg/m³5,44e-4 Ns/m²250 m³/h9 bar

21 Sistema de Bombas

22

23

24 Praça de Máquinas

25 ItemQtd.Potência Bowthrusters21250,00 kW VSP21903,06 kW S.E.1417,76 kW Bombas6100,00 kW Total7323,78 kW Eventuais5% kW Modelo PotênciaRotaçãoConsumoPesoComprimento kWRPML/htonm 3516B ,816,2936,267

26 Praça de Máquinas

27 Convés de Carga

28 Área Requisitada: 500 m² Área disponível: 700 m²

29 Topologia Estrutural

30

31 CHAPEAMENTO Convés Principal13.49mm Costado10.32mm Fundo10.32mm Fundo Duplo10.32mm Costado no Castelo de Proa10.32mm Convés do Castelo9.5mm Convés Intermediário9.5mm Passadiço9.5mm Tijupá8mm Superestrutura8mm Antepara Estanque9.5mm REFORÇADORES Longarina Central10.32 mm Hastilhas Gigantes9.5 mm Hastilhas ComunsL 100x80x8 mm Cavernas GigantesT 200x100x8 mm Cavernas ComunsL 100x80x8 mm Vaus ComunsL 100x80x8 mm Vaus GigantesT 150x100x8 mm Longitudinais convésL 100x80x8 mm Longitudinais fundoL 100x80x8 mm Longitudinais fundo duploL 100x80x8 mm SicordaT 300x150x10.32 mm Prumos Comunsbarra 150x8 mm Prumos GigantesT 200x100x8 mm

32 Peso Leve

33 ItemPesoPorcentagens Peso de Aço % Acomodações % Tubulação % Outfitting % Equipamentos % Total % Centro de Gravidade LCG (m)VCG (m)TCG (m)

34 Equilíbrio

35

36

37

38

39 Estabilidade

40

41

42 Avaria Probabilística A = 1,03

43 Comportamento em Mar

44

45 Hs = 2,73 m Tz = 7,5 s

46 Aceleração

47 Emersão do Propulsor

48 Batida de Proa

49 Água no Convés de Proa

50 Análise Estrutural

51

52

53 Critério adotado: σp 80% σe = 188 N/mm²

54 Análise Estrutural

55

56 Custo Custo do otimizador: $ ,85 Custo calculado: $ ,37

57 Crítica ao método Elaboração do otimizador Modelo de equilíbrio Qualidade das estimativas O Otimizador, que foi foco de uma grande parte da energia dedicada a esse projeto, mostrou-se uma ferramenta suficientemente rica para tornar o desenrolar do projeto uma tarefa relativamente fácil, sem grandes intercorrências. Isso incentiva a geração de ferramentas similares em projetos futuros.

58 Fim


Carregar ppt "Ricardo Halfeld R. Andrade Rafael Matouk Nassar Projeto de Sistemas Oceânicos II."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google