A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Segurança Privada e a Forma de Contribuição para a Prevenção, Redução e Controle da Violência e da Criminalidade no RS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Segurança Privada e a Forma de Contribuição para a Prevenção, Redução e Controle da Violência e da Criminalidade no RS."— Transcrição da apresentação:

1 Segurança Privada e a Forma de Contribuição para a Prevenção, Redução e Controle da Violência e da Criminalidade no RS.

2 O Setor está estruturado com um efetivo na ordem de de profissionais, formados pelas (EFV) fiscalizadas pelo DPF/DELESPs/MJ. Rio Grande do Sul: – 18 escolas de formação – 126 empresas especializadas – 46 empresas com segurança orgânica – vigilantes cadastrados – trabalhando regularmente

3 pessoas trabalhando irregularmente nos serviços de segurança privada no RS; Fonte: Sindivigilantes NH Um prejuízo de R$ 2,5 bilhões/ano por conta da ausência da arrecadação de encargos; No Brasil, esta cifra atinge 20 bilhões/ano. Fonte FEPESP/RS (2011) *Obs. Estes valores viabilizariam a PEC 300 por exemplo.

4 Crescimento de 2002 a 2011 = 114% 2002 = R$ 7 Bilhões 2011 = R$ 15 Bilhões A movimentação financeira em 2012 chegou aos 32 bi, não incluindo o setor eletrônico que sozinho, movimentou 3,6 bi Fontes: Revista SESVESP-mai/jun O Estado de São Paulo- 30/7/2012 II ESSEG–Estudo do Setor da Segurança Privada

5 Inclusão de Representante do Setor nos Gabinetes de Gestão Integrada (GGI) Criação de Estrutura (comitê permanente) e oficialização da condição de atividade complementar à Segurança Pública Hoje, 40% das pessoas residem em condomínios com algum aparato de segurança privada O SECOVI/RS, atendendo 409 cidades, um total de condomínios, sendo em P. Alegre O PL - Estatuto da Segurança Privada, que deverá vigorar antecedendo a COPA/FIFA 2014, prevê a criação do Conselho Superior da Segurança Privada

6 Em cada quadra da cidade existe um relativo contingente de trabalhadores (ASP) em serviços de controle de acessos (portarias), que, uma vez treinados conforme matriz a ser definida junto aos GGI, e/ou em estrutura criada para estas atribuições, poderão dar grande contribuição para o que estamos propondo Pode-se verificar o número de carros e motos, circulando 24 horas em serviços de fiscalização dos milhares de postos, tele alarmes e outras ocorrências

7 De acordo com a realidade apresentada, é fundamental que a segurança privada componha um sistema integrado para a segurança da sociedade

8 Enor Almeida Fone: (51)


Carregar ppt "Segurança Privada e a Forma de Contribuição para a Prevenção, Redução e Controle da Violência e da Criminalidade no RS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google