A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REALIZAÇÃOCONVÊNIO Diagnóstico Cultural. 22 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Valorização crescente da cultura e diversidade local, mas pequena presença na gestão e.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REALIZAÇÃOCONVÊNIO Diagnóstico Cultural. 22 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Valorização crescente da cultura e diversidade local, mas pequena presença na gestão e."— Transcrição da apresentação:

1 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Diagnóstico Cultural

2 22 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Valorização crescente da cultura e diversidade local, mas pequena presença na gestão e nas políticas públicas; Identidade marcada pelo litoral, expressões da diversidade, população migrante, presença comunidades tradicionais - indígenas, caiçaras, quilombolas, culturas populares, história regional etc; Muitos migrantes, pessoas de fora dificultam a construção da identidade cultural do município; Cultura nordestina se faz presente; Manifestações da cultura negra : capoeira, hip hop, grupos de cultura negra, congados, mestres etc; Expressões Culturais

3 33 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Identidade em processo Alguns atores perguntam qual a identidade do município e da região : a questão da vida litorânea e do turismo é forte; pouca expressão da diversidade; Manifestações da Cultura Popular: Festa do Divino Espirito Santo, Folia de Reis, Festa dos migrantes, samba, chorinho, festas típicas; O turismo é destacado como oportunidade cultural, com pouca estrutura e reduzido conceito de sustentabilidade e turismo sócio cultural. Compreensão da importância de políticas públicas de cultura para o desenvolvimento.

4 44 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Consciência crescente da importância para além shows de verão, divertimento, etc; Pontos de Cultura desenvolvem importante papel na manutenção e divulgação da cultura local. Poderia haver maior ativação do trabalho com a integração constante destes pontos, que em sua maioria trabalham isoladamente. Patrimônios materiais e imateriais, expressões culturais, grupos e trabalhos culturais. Maioria dos municípios com patrimônio histórico e arquitetônico tombados e patrimônio imaterial não inventariado; Caracterização Geral

5 55 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Tabela 1 - Pontos de Cultura Litoral Norte MunicípioPonto de CulturaÁrea Cultural de AtuaçãoEntidade Responsável São Sebastião Cultura Viva na Arte dos Povos do MarCultura Popular e artesanato Centro Cultural São Sebastião tem Alma LudocriarteLiteratura e produção de textosAssociação Ludocriarte Congo NyaCultura afro-brasileiraInstituto Cultural Congo Nya - ICCN BertiogaRefinar Visuais, Patrimonio, dança, música e teatroOSCIP Boraceia Viva Caraguatatuba Nkisi na Diáspora: Raízes Religiosas Bantu no Brasil Música e Dança Associação de Cultura do Litoral Norte ACUBALIN Ilha Bela Azimuth - Ponto de Cultura e Sustentabilidade* Cultura Popular e MúsicaAssociação Elementos da Natureza Ponto de Cultura Pés no ChãoMúsica, dança, teatro, artes circensesEspaço Cultural Pés no Chão Ubatuba Ponto de Cultura Quilombola Escolinha Jambeiro Audiovisual Associação dos Remanescentes de Quilombo de Cambury Olhares de Dentro - Valorizando a Memória e Fortalecendo as Raízes Tatro e Circo Associação da Comunidade doa Remanescentes de Quilombo da Fazenda

6 66 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Litoral Sul MunicípioPonto de CulturaÁrea Cultural de AtuaçãoEntidade Responsável Itanhaém Ponto de Cultura "Benedicto Calixto Cultura Ativa" Teatro, música, artes visuais e litertura Associação Amigos de Arte e Cultura Costa da Mata Atlântica PeruíbeNação Caiçara - Núcleo de Ação CaiçaraMúsica, dança e artesanato Instituto de Estudos e Conservação da Mata Atlântica / IECO Mata Atlântica Praia Grande Oficina de Artesanato - Construindo o Futuro ArtesanatoONG DCM - Defesa e Cidadania da Mulher Santos Projeto Parcel Associação Parcel Estação da Cidadania e CulturaLiteratura, Patrimônio, Música e ArtesanatoConsciência pela Cidadania Arte no Dique Formação Cultural, Empoderamento Comunitário Instituto Elos Brasil CubatãoGrupo AfrobrandaArtesanato, mídia, música, teatro e visuais Sociedade de São Vicente de Paulo - Conselho Particular de Cubatão Guarujá Vozes de Senzala Dança, literatura, meio ambiente, música e teatro Instituto Cultural, Artístico e Educacional Projeto Sócio Cultural Violodum Hip hop, capoeira, audiovisual,música, artes circenses e literatura Associação Sócio Cultural de Olho no Futuro São Vicente Orquestra de Cordas – Círculo de Amigos do Menor Patrulheiro do Jardim Rio Branco Mídia e teatro Círculo de Amigos do Menor Patrulheiro do Jardim Rio Branco São VicenteCultura Ativa CamaráDireitos humanos, dança, educação ambiental Centro Camará De Pesquisa E Apoio à Infância E Adolescência São VicenteRonda Culturas populares, patrimônio material, audiovisual, culturas digitais e gestão Associação de Desenvolvimento Econômico e Social às Famílias – ADESAF São Vicente Identidade e região: Laboratório Caiçara de Produção Audiovisual Culturas populares, grupos étnico-culturais, patrimônio material, audiovisual, cultura digital, audiovisual e gestão Centro de Aprendizagem Metódica e Profissional de São Vicente – CAMPSV

7 77 REALIZAÇÃOCONVÊNIO São VicenteArte Acesso Audiovisual, culturas digitais, teatro, dança, música, circo, artes visuais, literatura e performance Associação de Deficientes Físicos de São Vicente São VicenteBoa Música ao Alcance de TodosGestão e formação cultura, teatro e música Associação de Amigos da Corporação Musical de São Vicente São VicentePonto de Captação CulturalGestão e formação culturalAssociação Vida Esperança São VicenteAldeia das Artes Culturas populares, grupos étnico-culturais, patrimônio material, culturas digitais, gestão e formação cultural, teatro, dança, música, circo, artes visuais, literatura e performance Casa Crescer e Brilhar São VicenteAprendizagem e Fé Tocando a Vida Culturas populares, grupos étnico-culturais, patrimônio material, audiovisual, culturas digitais, gestão e formação cultural. Grêmio Recreativo Esportivo Cultural e Carnavalesco Banda Tia Bola São Vicente Jovens no Exercício do Programa de Orientação Municipal – JEPOM Culturas populares, grupos étnico-culturais, culturas digitais, dança, música, gestão e formação cultural Instituto Amigos da Guarda Municipal - IAGM São VicenteCentro Cultural do Surf Vicentino Culturas populares, patrimônio material, audiovisual, gestão e formação cultural, artes visuais, pintura e graffiti Sociedade Unida em Prol do Esporte e Meio Ambiente São Vicente Circuito de Festas Juninas: Resgate das Tradições Folclórica Culturas populares, patrimônio material, gestão e formação cultural, teatro, dança, música e performance Vitae Domini Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Pessoal Fonte: SCDC/MinC com pesquisa realizada em campo * A sede do Ponto de Cultura Azimuth fica em santos mas o ponto atua em Ilhabela

8 88 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Presença de principais equipamentos culturais; revelam desigualdade na distribuição; pouco descentralizados e equipados para demandas; A articulação cultural entre os municípios é pequena, relacionamento maior com a esfera estadual. Artesanato forte em todos os municípios; enfrentam dificuldades semelhantes. Santos, sua realidade assemelha-se as capitais brasileiras, contemplando dinâmicas culturais tradicionais e contemporâneas. Polo Cultural, assemelha-se a capitais em termos de expressão da diversidade e gestão; Caracterização Geral

9

10

11 11 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Gestão Cultural A gestão cultural, no âmbito das prefeituras, cresceu nos últimos anos; secretarias de cultura mais autônomas e exclusivas. Entretanto, há pequena presença da cultura na gestão e nas políticas públicas. Presença instituições de gestão: secretarias conjuntas (S. Sebastião, Bertioga, Itanhaém, Peruíbe, Praia Grande); secretarias exclusivas (Ilhabela, Santos, Guarujá, São Vicente e Cubatão); Fundação ( Caraguatatuba e Ubatuba); Mongaguá ( Diretoria de Cultura e Turismo) Gestão com estrutura limitada, com pequenos recursos; pequena integração entre secretarias; Articulação Regional – iniciativas tímidas; ex: Conferência Intermunicipal (Praia Grande, Mongaguá, Peruíbe e Itanhaém), Rede de articulação entre os museus da baixada santista. Sistema Nacional de Cultura – a maioria já aderiu ou está em processo (Conselhos, Conferência e Fundo – CPF)

12 12 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Municípios Tabela 3 - Gestão e Políticas Públicas em Cultura Litoral NorteOrgão GestorConferência Conselho Municipal Fundo Plano de Cultura¹ Adesão ao Sistema Nacional de Cultura Nº Pessoas que trabalham na Cult São Sebastião Secretaria de Cultura e Turismo de São Sebastião SECTUR Fundação Educacional e Cultural de São Sebastião SimEm Processo 65 pessoas Bertioga Secretaria de Educação e Desenvolvimento Cultural Casa de Cultura SimEm ProcessoNão 4 pessoas Caraguatatuba Fundação Cultural e Educacional de Caraguatatuba – FUNDACC simSimNão Em processo 108 pessoas Ilhabela Secretaria de Cultura Fundação de Arte e Cultura de Ilhabela (FUNDACI) Sim Sim Não ativo Em ProcessoSim pessoas Ubatuba Fundação de Arte e Cultura - Fundart SimEm Processo Em Processo25 pessoas

13 Litoral SulOrgão GestorConferênciaConselhoFundo Plano Municipal de Cultura Adesão ao Sistema Nacional de Cultura Nº Pessoas que trabalham na Cult Itanhaém Departamento de Cultura da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes NãoSim - não atuanteSimNão 80 pessoas Peruíbe Departamento de Cultura da Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura. SimNão Sim13 pessoas Praia Grande Secretaria de Cultura e Turismo SimEm processoSimEm processoEm Processo80 pessoas Santos Secretaria Municipal de Cultura Sim Não 300 pessoas CubatãoSecretaria de CulturaSim Em processoEm ProcessoSim pessoas Guarujá Secretaria Municipal de Cultura Em Processo Sim São Vicente A Secretaria de Cultura Secult SimEm ProcessoSim - Não AtivoEm Processo 80 pessoas Mongaguá Diretoria de Cultura e Turismo SimNão 40 pessoas 1 - Conforme Sistema Nacional de Cultura Fonte: Pesquisa de Campo Elaboração: Instituto Pólis, 2012

14 14 REALIZAÇÃOCONVÊNIO

15 Terra Indígena Ribeirão Silveira – Bertioga – SP Quilombo União dos Morros – Ubatuba – SP

16 16 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Por todo o litoral existem populações tradicionais – caiçaras (mais espalhados), indígenas (organizados em Terras Indígenas, algumas demarcadas outras em processo); quilombolas (organizados por associações de Remanescentes de Quilombos, e algumas comunidades desagregadas); Estas populações são afetadas pelo processo de desenvolvimento, turismo, urbanização desenfreada, abertura de estradas. Perderam neste processo território, identidade, valores. Comunidades Tradicionais

17 17 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Caiçaras existem por todo o Litoral, algumas mais localizadas e vivendo da pesca e subsistência, outras em empregos como marinas, prefeitura, venda de artesanato, casas de veraneio, etc. Quilombos – pouca integração; papel do ITESP facilita o trabalho regional; Indígenas articulam-se regionalmente; FUNAI facilita a demarcação de terras. Existe, por parte da maioria dos moradores, um desconhecimento sobre as culturas indígenas e quilombolas. Comunidades Tradicionais

18 Tabela 4 - Populações Tradicionais Nome aldeiaLocalização Nº pessoas Situação das Terras Indigenas Terra Indígena Ribeirào Silveira Bertioga e São Sebastião Reservada ou Homologada com Registro CRI e/ou SPU Terra Indígena Renascer - Aldeia Wiutu-Guaçu Ubatuba Em Identificação Terra Indígena Boa VistaUbatuba Reservada ou Homologada com Registro CRI e/ou SPU Terra Indígena TangaraItanhaém Terra Indígena Rio Branco Itanhaém, São vicente e São Paulo Reservada ou Homologada com Registro CRI e/ou SPU Terra Indígena Piaçaguera - Aldeia Nhamandu-Mirim Peruíbe Declarada Terra Indígena AldeinhaItanhahém Não Identificada Terra Indígena BananalPeruíbe Reservada ou Homologada com Registro CRI e/ou SPU Terra Indígena ParanapuãSão Vicente Não Identificada Terra Indígena ItaocaMongaguá Declarada Terra Indígena AguapeúMongaguá Reservada ou Homologada com Registro CRI e/ou SPU Quilombola s Quilombo de CaçandocaUbatuba32 famíliasReconhecida Quilombo União dos Morros Ubatuba28 famíliasReconhecida Quilombo da Fazenda Picinguaba Ubatuba45 famíliasEm fase de reconhecimento Quilombo Sertão de Itamambuca Ubatuba39 famíliasReconhecida Quilombo CamburiUbatuba50 famíliasReconhecida Caiçaras Praia da AlmadaUbatuba Sertão do UbatumirinUbatuba 180 famílias Limites com o Parque Estadual da Serra do Mar - PESM CamaroeiroCaraguatatuba50 famílias Porto NovoCaraguatatuba15 famílias São Francisco da PraiaSão Sebastião98 familias Prainha BrancaGuarujá90 familiasTombada pelo IPHAN Canto do FortePraia Grande12 famílias Ilha DianaSantos50 familias Ilha VitóriaIlha Bela17 famílias Baia de CastelhanosIlha Bela49 famílias ArpoadorPeruibe Estaçaõ Ecológica Juréia-Itatins Fonte: Comissão Pró-índio Caracterização Socio Ambiental – Empresa Walm Instituto Histórico Geográfico e Arqeuológico de Ilhabela – IHGAI Elaboração: Instituto Pólis

19

20 Praça histórica – Cubatão, SP Festa de São Benedito - Congada de Ilhabela, SP

21 21 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Desafios e Possibilidades importância de um maior conhecimento das culturas locais, sua presença e dinâmicas: mapeamentos socioculturais, inventário de patrimônios imateriais, arqueológicos, históricos etc; valorização das culturas locais: casas de cultura, museus, casas da memória etc; fortalecimento das expressões culturais locais: espaços, linhas de financiamento, pontos de cultura, fundos, qualificação do artesanato, intercâmbios e ações interculturais, capacitação de agentes e gestores culturais; inclusão das populações tradicionais nos conselhos, conferências, planos, políticas e fundos; transformar a diversidade em município e região; "metamorfose litorânea;

22 22 REALIZAÇÃOCONVÊNIO descentralização dos equipamentos culturais para os bairros, com participação local; integração cultura-educação-turismo-meio ambiente: exemplo: cultura indígena nas escolas, turismo com conceitos culturais, preservação meio ambiente - turismo cultural, turismo social, turismo ecológico, turismo de base comunitária etc: transformar o turismo em ganhos econômicos, ambientais, culturais, sociais para a região; transformar a cultura do turismo na região a partir de ações de caráter cultural.

23 23 REALIZAÇÃOCONVÊNIO


Carregar ppt "REALIZAÇÃOCONVÊNIO Diagnóstico Cultural. 22 REALIZAÇÃOCONVÊNIO Valorização crescente da cultura e diversidade local, mas pequena presença na gestão e."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google