A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Direito Civil III – Contratos CONTRATO COM PESSOA A DECLARAR.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Direito Civil III – Contratos CONTRATO COM PESSOA A DECLARAR."— Transcrição da apresentação:

1 Direito Civil III – Contratos CONTRATO COM PESSOA A DECLARAR

2 Direito Civil III – Contratos CONCEITO Contrato em que uma das partes se reserva a faculdade de designar uma outra pessoa que assuma a sua posição na relação contratual, como se o contrato for a celebrado com esta última.

3 Direito Civil III – Contratos PERSONAGENS Promitente -> Que assume o compromisso de reconhecer o amicus ou electus Estipulante -> Que pactua em seu favor a cláusula de substituição Electus -> Que, validamente nomeado, aceita a indicação, que é comunicada ao promitente.

4 Direito Civil III – Contratos NATUREZA JURÍDICA - TEORIAS ESTIPULAÇÃO EM FAVOR DE TERCEIRO Semelhança -> Exceção ao princípio da relatividade dos efeitos dos contratos. Diferença -> Na EFT o Estipulante e o Promitente permanecem vinculados ao contrato após a adesão de terceiro. No CPD um deles desaparece - Estipulante!

5 Direito Civil III – Contratos NATUREZA JURÍDICA - TEORIAS TEORIA DA CONDIÇÃO O contrato apresenta-se como contrato em nome próprio, sob condição resolutiva e como contrato em nome alheio sob condição suspensiva.

6 Direito Civil III – Contratos C.P.D. E INSTITUTOS AFINS CESSÃO DE CONTRATO Semelhança -> Ambas as figuras correspondem ao fenômeno sucessório no contrato. Diferença -> Na CC o terceiro entra com efeitos ex nunc. No CCD o efeito é ex tunc

7 Direito Civil III – Contratos C.P.D. E INSTITUTOS AFINS MANDATO Diferença -> O mandatário declara sempre o nome do mandante que não é indeterminado.

8 Direito Civil III – Contratos FASES PRIMEIRA O estipulante comparece em caráter provisório, ao lado de um contratante certo, até a aceitação do nomeado. SEGUNDA O nomeado passa a ser o dominus negotti

9 Direito Civil III – Contratos DISCIPLINA NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Art No momento da conclusão do contrato, pode uma das partes reservar-se a faculdade de indicar a pessoa que deve adquirir os direitos e assumir as obrigações dele decorrentes.

10 Direito Civil III – Contratos DISCIPLINA NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Art Essa indicação deve ser comunicada à outra parte no prazo de cinco dias da conclusão do contrato, se outro não tiver sido estipulado. Parágrafo único. A aceitação da pessoa nomeada não será eficaz se não se revestir da mesma forma que as partes usaram para o contrato.

11 Direito Civil III – Contratos DISCIPLINA NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Art A pessoa, nomeada de conformidade com os artigos antecedentes, adquire os direitos e assume as obrigações decorrentes do contrato, a partir do momento em que este foi celebrado.

12 Direito Civil III – Contratos DISCIPLINA NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Art O contrato será eficaz somente entre os contratantes originários: I - se não houver indicação de pessoa, ou se o nomeado se recusar a aceitá-la; II - se a pessoa nomeada era insolvente, e a outra pessoa o desconhecia no momento da indicação.

13 Direito Civil III – Contratos DISCIPLINA NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Art Se a pessoa a nomear era incapaz ou insolvente no momento da nomeação, o contrato produzirá seus efeitos entre os contratantes originários.


Carregar ppt "Direito Civil III – Contratos CONTRATO COM PESSOA A DECLARAR."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google