A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Hino 217 – “O adorno desta vida” Sarah Poulton Kalley Qual o adorno desta vida? É o amor. Alegria é concedida pelo amor. É benigno, é paciente, Não se.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Hino 217 – “O adorno desta vida” Sarah Poulton Kalley Qual o adorno desta vida? É o amor. Alegria é concedida pelo amor. É benigno, é paciente, Não se."— Transcrição da apresentação:

1 Hino 217 – “O adorno desta vida” Sarah Poulton Kalley Qual o adorno desta vida? É o amor. Alegria é concedida pelo amor. É benigno, é paciente, Não se torna maldizente Este meigo amor. 1/4

2 Com suspeitas não se alcança doce amor. Onde houver desconfiança, ai do amor! Pois mostremos tolerância; Muitas vezes a arrogância Murcha e mata o amor. 2/4

3 Mesmo quando for custoso, nutre amor; Ao irado e furioso mostra amor. Não te dês por insultado, Mas responde com agrado: Vence pelo amor! 3/4

4 Pois, irmão, ao teu vizinho mostra amor; O valor não é mesquinho deste amor. O supremo Deus nos ama, Cristo para os céus nos chama, Onde reina o amor! 4/4


Carregar ppt "Hino 217 – “O adorno desta vida” Sarah Poulton Kalley Qual o adorno desta vida? É o amor. Alegria é concedida pelo amor. É benigno, é paciente, Não se."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google