A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Weverton Luis da Costa Cordeiro Blowfish.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Weverton Luis da Costa Cordeiro Blowfish."— Transcrição da apresentação:

1 Weverton Luis da Costa Cordeiro Blowfish

2 Agenda Introdução Funcionamento Criptoanálise Principais Usuários Curiosidades Considerações Finais Referências

3 Blowfish Projetista: Bruce Schneier Algoritmo criptográfico de chave simétrica Melhor desempenho que DES e IDEA Primeiramente publicado em 1994 Description of a New Variable-Length Key, 64-Bit Block Cipher (Blowfish) Publicação: Fast Software Encryption, Cambridge Security Workshop Proceedings (December 1993), Springer-Verlag, 1994, pp

4 Blowfish Principais Características Estrutura: Rede de Feistel 16 rounds Cifragem de Bloco Tamanho: 64 bits Tamanho da chave: 32 até 448 bits (passos de 8 bits) Caixas de substituição: dependente da chave Algoritmo de agendamento de chaves: complexo Decriptação é identica à encriptação exceto pela ordem das chaves da rodada Mesma abordagem do Data Encription Standard

5 Blowfish Consiste em duas partes Expansão de Chave Converte uma chave de até 448 bits em um P array contendo 18 sub-chaves e 4 caixas de substituição com 256 entradas, representando um processamento de 4168 bytes Encriptação de Dados Utilizando uma função simples iterada 16 vezes

6 Blowfish: Funcionamento Modos de Funcionamento (Alguns...) ECB (Electronic Code Book) Cada bloco é criptografado independentemente Blocos de texto idênticos são criptografados para o mesmo bloco cifrado Reordenação do texto plano resulta na mesma reordenação dos blocos cifrados Erros de encriptação apenas afetam o bloco onde o mesmo ocorreu CBC (Cipher Block Chaining) (Bloco cifrado no passo anterior) XOR (Bloco de texto plano do passo atual) = (Bloco de texto a ser cifrado no passo atual)

7 Blowfish: Rede de Feistel

8 Blowfish: Algoritmo Principal

9 Sub-chaves Array com 18 sub-chaves Sub-chave P i utilizada na i-ésima rodada Sub-chaves P 17 e P 18 utilizadas no último passo, numa operação de XOR com uma das metades xR e xL

10 Blowfish: Round Function Inconsistência (de acordo com o código): ((S1[a] + S2[b]) XOR S3[c]) + S4[d]

11 Blowfish: Round Function Caixas de substituição 4 caixas Possuem 256 entradas cada Recebem 8 bits como entrada e produzem 32 bits de saída

12 Blowfish: Key Schedule

13 Notas Para inicializar 18 sub-chaves e 4 tabelas de substituição, são necessários 18*32 + 4*256*32 = = dígitos binários de PI Para finalizar 18 sub-chaves e 4 tabelas de substituição, é necessário aplicar o algoritmo Blowfish (18+4*256)/2 = 1042/2 = 521 vezes. É utilizada a chave secreta para a geração das mesmas Cada nova chave requer o processamento equivalente à encriptação de 4KB de texto

14 Blowfish: Criptoanálise Nenhum estudo efetivo publicado até o ano de 2006 (Bruce Schneier, Wikipédia) No entanto Bloco de 64 bits considerado pequeno, suscetível a ataque de aniversário (birthday attack)

15 Blowfish: Criptoanálise Artigos Publicados On the Weak Keys of Blowfish (1996) Proceedings of the Third International Workshop on Fast Software Encryption table of contents Autores: Serge Vaudenay Abstract: There is a class of keys that can be detected--although not broken- -in Blowfish variants of 14 rounds or less.

16 Blowfish: Criptoanálise Artigos Publicados On Weaknesses of Non–surjective Round Functions (1997) Journal:Designs, Codes and Cryptography Autores: Vincent Rijmen, Bart Preneel, Erik De Win Abstract: We propose a new attack on Feistel ciphers with a non-surjective round function. CAST and LOKI91 are examples of such ciphers. On the Key Schedule of Blowfish (2005) Disponível em: Autores: Dieter Schimidt Abstract: In this article the author shows that for the block cipher Blowfish, the subkeys for the third and fourth round do not depend on the first 64 bits of the userkey.

17 Blowfish: Principais Usuários PuTTY

18 Blowfish: Curiosidades The software magazine Dr. Dobb's Journal is sponsoring $1000 contest for the best cryptanalysis of Blowfish received before April Please contact me for details.

19 Blowfish: Curiosidades Blowfish on "24" (On April 27, 2005) Two nights ago, my encryption algorithm Blowfish was mentioned on the Fox show "24." An alleged computer expert from the fictional anti-terror agency CTU was trying to retrieve some files from a terrorist's laptop. This is the exchange between the agent and the terrorist's girlfriend: They used Blowfish algorithm. How can you tell? By the tab on the file headers. Can you decrypt it? CTU has a proprietary algorithm. It shouldn't take that long. We'll start by trying to hack the password. Let's start with the basics. Write down nicknames, birthdays, pets -- anything you think he might have used. Quote: I just tried explaining to my wife why this was funny and she said "I didn't understand anything you just said". Nevermind.

20 Considerações Finais Blowfish Grande popularidade alcançada a partir da sua distribuição sob domínio público Não existe criptoanálise eficiente conhecida Vulnerável a ataque de aniversário, portanto não recomendado para criptografia de grandes quantidades de dados Resistente à criptoanálise linear, diferencial e integral Continua em largo uso, para a criptografia de pequenas quantidades de dados

21 Referências Schneier, B. (1994) Description of a New Variable-Length Key, 64-Bit Block Cipher (Blowfish). In: Fast Software Encryption, Cambridge Security Workshop Proceedings (December 1993), Springer-Verlag, 1994, pp Cryptography Tutorials - Herong's Tutorial Notes. Disponível em: Acesso em: Abril, Blowfish (cipher). Disponível em: Acesso em: Abril, The Blowfish Encryption Algorithm. Disponível em: Acesso em: Abril, [Courses] [C] A tutorial on Blowfish. Disponível em: Acesso em: Abril, 2007.


Carregar ppt "Weverton Luis da Costa Cordeiro Blowfish."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google