A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Meus filhos, vou às compras. Não abram a porta a ninguém.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Meus filhos, vou às compras. Não abram a porta a ninguém."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Meus filhos, vou às compras. Não abram a porta a ninguém.

4 Depois da mãe sair, o lobo bate à porta e diz: Meus filhos, abram a porta.

5 Não abrimos, tu não és a nossa mãe, a tua voz é muito grossa.

6 O lobo foi beber um grande frasco de mel para adoçar a voz.

7 O Lobo mau bate à porta outra vez e diz: - Abram a porta meus filhos. - Não abrimos, tu não és a nossa mãe, as tuas patas são pretas.

8 O lobo vai à padaria e põe as patas dentro da farinha.

9 O lobo volta a bater à porta. E os cabritinhos dizem: - Voz doce e patas brancas, é a nossa mãe.

10 O lobo salta para dentro de casa e os cabritinhos tentam esconder-se.

11 Mas, o lobo é muito esperto e encontra 6 cabritinhos.

12 Só ficou uma cabritinha escondida dentro do relógio.

13 Quando a mãe chega, a cabritinha diz: - O Lobo comeu os meus 6 irmãos.

14 As duas saem a correr e encontram o lobo a dormir junto ao rio.

15 Com cuidado, a mãe abre a barriga do lobo, tira os seus 6 filhos e põe pedras dentro da barriga do lobo.

16 O lobo acorda cheio de sede e vai beber àgua ao rio, mas está tão pesado que cai no rio e afoga-se.

17


Carregar ppt "Meus filhos, vou às compras. Não abram a porta a ninguém."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google