A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 1 Crianças em Famílias com Problemática de Dependência Visão geral Regras.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 1 Crianças em Famílias com Problemática de Dependência Visão geral Regras."— Transcrição da apresentação:

1 Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 1 Crianças em Famílias com Problemática de Dependência Visão geral Regras Papéis Saídas

2 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 2 ESTATÍSTICA E DEFINIÇÕES: Entre 3 e 5 milhões de pessoas são coatingidas, como familiares, por exemplo; Cerca de 2,65 milhões de crianças e adolescentes abaixo de 18 anos cresceram com um dos pais dependente do álcool – aproximadamente cada 7a. criança; Cerca de % das crianças tornam-se elas mesmas dependentes; (Klein 2005, Zobel 2006) Cerca de 80 % das filhas entram, mais tarde, num relacionamento com um parceiro dependente do álcool; Cerca de 70 % dos viciados jovens têm pelo menos um dos pais dependente; Numa classe escolar com 25 crianças, aproximadamente 3 provêm de uma família com problemática de dependência dos pais.

3 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 3 Nina, 12 anos, ambos os pais dependentes do álcool.

4 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 4 A dependência pode ser herdada? Fatores não genéticos: eventos estressantes na família (conflitos, separações …); (Wiers, 1994; Zobel, 2000) aprendizagem de modelo: dificuldades são enfrentadas de forma inadequada, através da ingestão de álcool; (Chassin, Pitts, DeLucia & Todd, 1999; Ellis, Zucker & Fitzgerald, 1997; Otten, van der Zwaluw, van der Vorst & Engels, 2008) expectativas positivas sobre os efeitos do álcool Eu espero que me sinta melhor através do álcool. (Brown, Tate, Vik, Haas & Aarons, 1999; Barnow, Stopsack, Spitzer & Freyberger, 2007)

5 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 5 Crianças oriundas de famílias afetadas pela dependência: mostram com mais freqüência comportamentos antisociais e impulsivos (mentir, furtar, bater); apresentam com mais freqüência sintomas de distúrbios de concentração; apresentam com mais freqüência comportamento medroso; tendem a ataques de pânico na idade do estudo universitário.

6 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 6 Atmosfera familiar na infância e juventude – avaliação negativa A atmosfera era...

7 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 7 Crianças de famílias afetadas pela dependência Nem todas as crianças desenvolvem inevitavelmenteuma perturbação própria, relacionada ao álcool, ou uma predisposição para doenças psíquicas. (Klein, 2007; Uhl, Springer, Kobrna & Matt, 2008) Cerca de um terço de todos os atingidos apresenta um desenvolvimento sadio, apesar das circunstâncias difíceis. (Werner, 1992, 1993; Werner & Smith, 1982)

8 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 8 Lembre-se: Problemas dos pais são sempre também problemas dos filhos!

9 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 9 crianças dependente Parceiro(a) do álcool

10 Jürgen Naundorff, Blaues Kreuz i. D. I 10 Círculo vicioso, que isola as crianças em famílias afetadas pela dependência química Não toque no assunto! Não confia em ninguém! Não demonstra sentimentos

11 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 11 MOTIVO: Quero (inconscientemente) salvar minha família … Papéis em famíias com pai(s) dependentes: HERÓI DA FAMÍLIA: … ao sacrificar-se por eles e tomar as rédeas nas mãos BODE EXPIATÓRIO: … colocando-se à Disposição como culpado e aliviando os familiares culpados CRIANÇA ESQUECIDA,... não chamando a atenção e ela mesma não causando problemas PALHAÇO: … distraindo dos problemas e dificuldades na família com piadas e gracinhas

12 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 12 Eu não posso livrar Papai e/ou Mamãe de beber. Eu não sou responsável pela vida do Papai e/ou da Mamãe. Eu não sou culpado(a) pela dependência do meu pai ou da minha mãe. Novas maneiras de ver Para crianças de famílias afetadas pela dependência

13 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 13 Formas de ajuda conforme Wolin & Wolin (1995, 1996) Reconhecimento: por exemplo de que há algo de errado com a mãe dependente de drogas; Independência: por exemplo não se deixar afetar pelo clima na família; Capacidade de relacionamento: por exemplo construir ligação para com pessosas psiquicamente sadias e estáveis; Iniciativa: por exemplo na forma de atividades socias ou esportivas; Humor: por exemplo na forma de ironia e piadas relacionadas consigo mesmo(a), como método de distanciamento; Moral: por exemplo na forma de um sistema de valores independente dos pais.

14 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 14 Eu tenho direito aos meus sentimentos. O medo não precisa e não deve ser a força motriz da minha vida. Eu tenho o direito de dizer não a tudo, quando não me sinto disposto a isso ou quando fica perigoso para mim. Eu tenho o direito de cometer erros. Eu tenho o direito de interromper conversas com pessoas que me machucam ou humilham. Eu não preciso sorrir quando estou chorando ou com vontade de chorar. Eu posso ser brincalhão, solto, alegre. Eu posso colocar limites e ser egocêntrico. Novas maneiras de ver Para crianças de famílias afetadas pela dependência

15 08. April 2010 I Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 15 Dor - dói, quando reconheço: Aqueles, a quem amo tanto, estão se destruindo com o álcool; Aqueles, a quem tanto amo, machucaram-me muito. Luto - Por algumas/muitas belas páginas da infância não vividas; - significa despedir-se conscientemente da infância que não pode ser vivida mais uma vez sob condições mais favoráveis. Raiva – poder sentir raiva dos pais, os quais bebiam, ou de um deles que tolerou a dependência do parceiro; - também poder estar irado com Deus. Esperança – que posso quebrar regras, abandonar papéis aos poucos e assim me libertar do meu passado. Caminhos para a vida para crianças de famílias afetadas pela dependência


Carregar ppt "Kinder in Familien mit Suchtproblematik - Jürgen Naundorff BLAUES KREUZ I. D. I 1 Crianças em Famílias com Problemática de Dependência Visão geral Regras."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google