A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Em Astronomia chamamos de Universo o espaço com a matéria e energia que o formam. A Cosmologia estuda a origem, a estrutura e a evolução do Universo ou.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Em Astronomia chamamos de Universo o espaço com a matéria e energia que o formam. A Cosmologia estuda a origem, a estrutura e a evolução do Universo ou."— Transcrição da apresentação:

1

2 Em Astronomia chamamos de Universo o espaço com a matéria e energia que o formam. A Cosmologia estuda a origem, a estrutura e a evolução do Universo ou de partes componentes deste, tal como um sistema planetário.

3 Muitos foram os seres humanos que dedicaram as suas vidas ao estudo das ciências e da descoberta da origem do Universo. Dentre as principais descobertas e teorias desenvolvidas podemos citar : 1914 – Albert Einstein enuncia a Teoria da Relatividade, mostrando a equivalência entre matéria e energia.

4 1927 – O astrônomo belga Georges Lemaitre sugere que, inicialmente, toda a matéria do Universo estava concentrada em um único lugar: o ovo cósmico ou átomo primordial – Edwin Hubble, baseado em suas observações, enuncia sua famosa lei segundo a qual a velocidade com que uma galáxia se afasta de nós está relacionada com a sua distância até nós, e, portanto, com o tempo. Esta foi a primeira evidência da expansão do Universo.

5 1950 – Herman, Gamow e Alpher propõem a Teoria do Big-Bang (nome sugerido por Hoyle para o evento que dá início ao Universo) – Os físicos americanos Arno Penzias e Robert Wilson detectam a radiação cósmica de fundo, equivalente à radiação emitida por um corpo negro a uma temperatura de 2,7K.

6 Períodos da Formação das estruturas: * Formação das estrelas 200 milhões de anos após o Big Bang * Formação das galáxias 500 milhões de anos após o Big Bang * Formação do Sistema Solar 5 bilhões de anos atrás * Formação da Terra 4.5 bilhões de anos

7 Para análise do Universo temos de basear no estudo da força gravitacional, que é a única das quatro interações fundamentais que apresenta uma atuação em distâncias muito grandes. De fato, as forças nucleares forte e fraca estão restritas a distâncias da ordem do diâmetro do núcleo do átomo e, como os corpos macroscópicos são eletricamente neutros, também eliminamos a atuação das forças eletromagnéticas

8 Uma primeira análise do Universo, estudado como um todo, foi feita por Isaac Newton ( ). O Universo era tratado como infinito e homogêneo, com os corpos celestes ordenadamente distribuídos. A interação gravitacional era suposta com propagação instantânea.

9 A análise do Universo como um todo foi refeita por Einstein ( ), que utiliza como ferramenta a Teoria da Relatividade Geral publicada em A gravitação deixa de ser tratada como uma força e passa a significar uma distorção na estrutura do espaço-tempo, considerados de forma conjunta.

10 Outra diferença fundamental entre a Teoria de Newton e a de Einstein, é que, segundo Newton, a atração gravitacional é um processo instantâneo e segundo Einstein a distorção gravitacional propaga-se com a limitação da velocidade das ondas eletromagnéticas. Einstein acreditava que o Universo fosse estático, o que significaria que a estrutura espaço-tempo não variaria com o tempo.

11 A teoria do Universo estático ou estacionário admitia que o Universo era similar em todas as direções (isotrópico) e imutável com o tempo, com produção contínua de matéria para contrabalançar a sua expansão, mantendo constante a sua densidade média.Os principais defensores deste Universo estático foram: Thomas Gold, Herman Bondi e Fred Hoyle.

12 O Universo abrange a infinidade dos mundos que vemos e dos que não vemos, todos os seres animados e inanimados, todos os astros que se movem no espaço, assim como os fluidos que o enchem. O Universo abrange a infinidade dos mundos que vemos e dos que não vemos, todos os seres animados e inanimados, todos os astros que se movem no espaço, assim como os fluidos que o enchem.

13 37. O Universo foi criado, ou existe de toda a eternidade, como Deus? É fora de dúvida que ele não pode ter-se feito a si mesmo. Se existisse, como Deus, de toda a eternidade, não seria obra de Deus.

14 Diz-nos a razão não ser possível que o Universo se tenha feito a si mesmo e que, não podendo também ser obra do acaso, há de ser obra de Deus. Diz-nos a razão não ser possível que o Universo se tenha feito a si mesmo e que, não podendo também ser obra do acaso, há de ser obra de Deus.

15 38. Como criou Deus o Universo? Para me servir de uma expressão corrente, direi: pela sua Vontade. Nada caracteriza melhor essa vontade onipotente do que estas belas palavras da Gênese - Deus disse: Faça-se a luz e a luz foi feita.

16 39. Poderemos conhecer o modo de formação dos mundos? Tudo o que a esse respeito se pode dizer e podeis compreender é que os mundos se formam pela condensação da matéria disseminada no Espaço.

17 40. Serão os cometas, como agora se pensa, um começo de condensação da matéria, mundos em via de formação? Isso está certo; absurdo, porém, é acreditar-se na influência deles. Refiro- me à influência que vulgarmente lhes atribuem, porquanto todos os corpos celestes influem de algum modo em certos fenômenos físicos.

18 41. Pode um mundo completamente formado desaparecer e disseminar-se de novo no Espaço a matéria que o compõe? Sim, Deus renova os mundos, como renova os seres vivos.

19 42. Poder-se-á conhecer o tempo que dura a formação dos mundos: da Terra, por exemplo? Nada te posso dizer a respeito, porque só o Criador o sabe e bem louco será quem pretenda sabê-lo, ou conhecer que número de séculos dura essa formação.

20 O surgimento do Universo ainda instiga a comunidade científica. A tese mais aceita pelos estudiosos é a do fenômeno do big-bang, a grande explosão. Embora essa teoria não esteja completamente comprovada, muitos de seus aspectos foram confirmados nos últimos anos. Sem a pretensão de resolver um dilema de milênios, temos a liberdade de refletir.

21 Créditos Texto: Allan Kardec, Livro dos Espíritos. Coleção OBJETIVO.Internet Imagens: Internet. Música: André Gagnon – Soirs DEte Formatação:


Carregar ppt "Em Astronomia chamamos de Universo o espaço com a matéria e energia que o formam. A Cosmologia estuda a origem, a estrutura e a evolução do Universo ou."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google