A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Parte 2 Pedir a graça do Espírito Santo... Vamos ver a vida deste casal e a cultura da época com mais detalhes:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Parte 2 Pedir a graça do Espírito Santo... Vamos ver a vida deste casal e a cultura da época com mais detalhes:"— Transcrição da apresentação:

1

2 Parte 2 Pedir a graça do Espírito Santo...

3 Vamos ver a vida deste casal e a cultura da época com mais detalhes:

4 A Sagrada Escritura não informa,

5 mas segundo uma antiga tradição, que remonta ao séc. II,

6 assim se chamavam os pais da Santíssima Virgem Maria:

7 Joaquim e Ana!

8 Joaquim, cujo nome é bíblico, vem do hebraico e significa:

9 preparação de Javé Javé prepara ou fortalece homem a quem Deus (ou Javé) confirma preparação de Javé, ou Javé prepara ou fortalece, ou ainda homem a quem Deus (ou Javé) confirma,

10 pertencia à família real de Davi...

11 Era um rico fazendeiro e possuía um grande rebanho!

12 Conforme a tradição,

13 nasceu e era habitante de Nazaré, cidade histórica da Baixa Galiléia

14 e por inspiração de Deus, casou-se com Ana quando era jovem.

15 graça graciosa Ana, cujo nome também vem do hebraico e significa " graça ou " graciosa ",

16 teria nascido em Belém de Judá,

17 e pertencia à família do sacerdote Aarão, pois

18 tendo por pai, Mathan, sacerdote da tribo de Levi e da família de Aarão;

19 e por mãe, Maria, da tribo de Judá.

20 Ana, que também era filha de um piedoso casal,

21 tinha mais duas irmãs:

22 a mais velha chamava-se Maria, como sua mãe,

23 e foi mãe de Tiago Menor, Judas Tadeu, Simão e José, apóstolos ou discípulos de Cristo,

24 que segundo o costume hebraico, se chama no Evangelho irmãos do Senhor,

25 quando de fato eram primos irmãos.

26 A segunda filha foi Sobé,

27 e ela era a terceira e mais nova, a qual foi

28 destinada a dar ao mundo a Bem- aventurada entre as mulheres...

29 Joaquim e Ana eram um casal distinto,

30 mas viviam tristes e humilhados

31 porque já estavam chegando à idade avançada e eram estéreis,

32 mas, apesar de enfrentarem esta dificuldade,

33 viviam uma vida de fé e de temor a Deus!

34 Sendo um casal justo e observante das leis judaicas,

35 possuíam certa fortuna que lhes proporcionava uma vida folgada.

36 Dividiam suas rendas anuais em três partes:

37 uma era conservada para as próprias necessidades;

38 a segunda era reservada para o culto judaico e, finalmente,

39 a terceira parte era distribuída entre os pobres.

40 Um pouco da cultura da época:

41 Era ponto de honra, na época,

42 um homem possuir herdeiros e uma esposa fértil...

43 Os judeus esperavam a chegada do Messias, como previam as Sagradas Profecias...

44 Toda esposa judia esperava que dela nascesse o Salvador,

45 e para tanto, ela tinha de dispor das condições para servir de veículo aos desígnios de Deus,

46 se assim Ele o desejasse...

47 Considerada infértil,

48 Ana fazia recair sobre o esposo a vergonha e o estigma de ser amaldiçoado por Deus...

49 Por isso a esterilidade causava sofrimento e vergonha

50 e é nessa situação constrangedora que vivia este casal!

51 Mas, observe a fé que eles tinham:

52 Ana e Joaquim rezaram por muito e muito tempo até que,

53 quando já estavam quase perdendo a esperança,

54 Ana concebeu...

55 Mais um pouco da história deste casal a seguir:

56 Como não tivessem filhos durante muitos anos

57 Joaquim era publicamente debochado,

58 (não ter filhos era considerado na época uma punição de Deus pela sua inutilidade).

59 O pai de Ana teria sido um judeu nômade chamado Akar

60 que trouxe sua mulher para Nazaré com sua filha Ana.

61 Após o casamento de sua filha com Joaquim,

62 também ficou triste de não terem sido agraciados com netos!

63 Continua na Parte 3

64 OBRIGADO, SENHOR


Carregar ppt "Parte 2 Pedir a graça do Espírito Santo... Vamos ver a vida deste casal e a cultura da época com mais detalhes:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google