A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A AVENTURA DA VIDA. Dia 0 - Tudo Começa Aqui... Um espermatozoide do meu pai fecundou um óvulo da minha mãe... Chamam-me Zigoto, mas sou tudo aquilo que.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A AVENTURA DA VIDA. Dia 0 - Tudo Começa Aqui... Um espermatozoide do meu pai fecundou um óvulo da minha mãe... Chamam-me Zigoto, mas sou tudo aquilo que."— Transcrição da apresentação:

1 A AVENTURA DA VIDA

2 Dia 0 - Tudo Começa Aqui... Um espermatozoide do meu pai fecundou um óvulo da minha mãe... Chamam-me Zigoto, mas sou tudo aquilo que um dia serei, geneticamente nada me pode ser acrescentado ou tirado. A vida começa... Desejado ou não, fui concebido e a partir deste momento a decisão está tomada: também eu tenho direito à vida !

3 DIA 5 A 9 – Nidação A vida continua e chamam-me Blastocito. Vou procurar um lugar para passar estes meses... O útero da minha mãe! Aqui sinto-me protegido!

4 3º Semana – Embrião Já estou há alguns dias na barriga da minha mãe...mas ela ainda não deve ter dado conta que cá estou! Já estou a desenvolver o meu sistema nervoso e os meus órgãos principais já estão formados! O meu coração já bate!

5 4ª Semana – Musculação... Já tenho músculos, são visíveis os meus braços e as minha pernas! Já sou vezes maior de quando comecei... Tenho cerca de 4 a 6 cm!

6 5ª semana – Ganhar forma Tenho o tamanho de uma uva... a minha cara torna- se mais visível. O sangue que agora corre nas minha veias é diferente do da minha mãe!

7 6ª Semana – O meu esqueleto Chamam-me feto. O meu esqueleto de cartilagens está totalmente formado. O meu cérebro já funciona e até posso fazer um electro- encefolograma. Já tenho dentes de leite!

8 7ª Semana – Sem fraldas mas... Os meus rins já estão formados e já faço xixi! Estou a ter as primeiras aulas de natação no líquido amniótico. A parte do meu cérebro que controla as funções vitais desenvolve-se.

9 8º Semana – Bilhete de Identidade Estou todo bem proporcionadinho... Já tenho dedos e... impressões digitais! A partir de agora só tenho de aumentar de peso e de comprimento!

10 9ª Semana - Feto Sou muito remexido e gosto muito de nadar dentro da minha mãe. Já consigo chuchar no dedo. As minhas unhas começam a aparecer...

11 10º Semana – Só falta crescer Ainda não tenho uns grandes pés... e ainda sou um pouco mole. As minhas cordas vocais já estão completas, mas não posso falar muito alto! Já sinto quando me tocam...

12 11ª Semana - Rindo Já consigo rir e respirar o líquido amniótico. E até já posso sentir o gosto... As unhas das mãos e dos pés já estão maiores.

13 12º Semana – Aos pontapés Já consigo que a minha mãe me sinta... dou uns pontapés e ela sente-me! Os meus músculos já estão mais desenvolvidos e o meu corpo vai-se organizando

14 4º Mês – Às cambalhotas Consigo saborear o que a minha mãe come. Já tenho sobrancelhas, pestanas e cabelo fino. Consigo agarrar as minhas mãos, dar pontapés...mas o que eu gosto mesmo é de dar cambalhotas! Sou capaz de bocejar, espreguiçar-me e se me arreliam franzo a testa. Se os meus pais põe a música muito alta tenho que tapar os ouvidos!

15 5º Mês – A meio caminho Consigo ouvir a voz da minha mãe e gosto muito! Se os meus pais quiserem saber se sou rapaz ou rapariga o médico já pode tentar ver. Já tenho unhas nos pés e nas mãos.

16 6º Mês – Aparência final Peso cerca de 420g e meço aproximadamente 20cm. Começo a ter a aparência final, apesar de estar todo coberto de um cabelo fino. Já ensaio a respiração para não me atrapalhar no momento da verdade. Mexo-me, cheiro, vejo e também sonho!

17 7º Mês – Dando a volta Começo a abrir os olhos... Também tenho soluços pois bebo líquido amniótico. É agora que dou a volta e me começo a preparar para o momento final!

18 8º Mês – Focando Abro e fecho os olhos e já começo a conseguir focar. Tenho cerca de 28cm e peso pouco mais de 2Kg. Sou um bocado dorminhoco.

19 9º Mês – O Momento de Glória Chegou o fim do tempo cá dentro... o momento de dar o salto lá para fora aproxima-se. Peso cerca de 3.400Kg e tenho aproximadamente 50cm. O meu ritmo cardíaco é o dobro do da minha mãe! É que está a chegar a hora... Lá fora a aventura será outra! Muito Obrigada por me deixarem viver...


Carregar ppt "A AVENTURA DA VIDA. Dia 0 - Tudo Começa Aqui... Um espermatozoide do meu pai fecundou um óvulo da minha mãe... Chamam-me Zigoto, mas sou tudo aquilo que."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google