A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EXAME. Conteúdo Quando têm a mesma pronúncia, mas grafia diferente. Ex: censo(recenseamento) senso (juízo)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EXAME. Conteúdo Quando têm a mesma pronúncia, mas grafia diferente. Ex: censo(recenseamento) senso (juízo)"— Transcrição da apresentação:

1 EXAME

2 Conteúdo

3

4 Quando têm a mesma pronúncia, mas grafia diferente. Ex: censo(recenseamento) senso (juízo)

5 Quando têm a mesma grafia, mas pronúncia diferente. Ex: gosto (subst)/ gosto (verbo)

6 Quando têm a mesma pronúncia e grafia. Ex: casa(subst) casa(verbo)

7 São vocábulos semelhantes na escrita e na pronúncia Ex: comprimento/ cumprimento

8 1. Homônimos perfeitos 2.Homônimos homófonos 3.Homônimos homógrafos 4.Parônimos ( ) Almoço/ Almoço ( ) Soar/ Suar ( ) Apreçar/ Apressar ( ) Manga/ Manga

9 CONTEÚDO 3

10 Nas interrogativas diretas e indiretas Ex: Por que você demorou tanto? Sempre que estiverem expressas ou subentendidas as palavras motivo e razão: Ex: Não sei por que ele se ofendeu. Eis por que não lhe escrevi antes Quando a expressão puder ser substituída por: pelo qual/pelos quais/ pela qual/pelas quais Ex: A estrada por que passei está esburacada

11 Quando a expressão equivaler a conjunção explicativa, causal: Pois/ uma vez que/para que Ex: Não responda, porque ele está com a razão. Porque corria muito, acabou num poste.

12 Quando a expressão aparecer em final frase ou sozinha: Ex: Ria, ria, sem saber por quê. Brigou de novo? Por quê?

13 Quando a expressão for substantivada, ou seja, precedido de artigo. Ex: O diretor negou-se a explicar o porquê de sua decisão.

14 A prefeitura de Currais Novos manda laçar jegues ___? Já sabemos ___ a Prefeitura de Currais Novos laça jegues. Sei o ___ de o índice dow-jegue despencar. Defendo o jegue ___ ele dispensa peças de reposição.

15 CONTEÚDO 4

16

17 Derivação prefixal: In- feliz = infeliz Derivação sufixal: Feliz- mente= felizmente

18 Derivação prefixal e sufixal: In- feliz- mente= infelizmente Derivação parassintética: a- noite- ecer= anoitecer

19 Derivação regressiva: a fala= de falar o beijo= de beijar Derivação imprópria: O falar de Mariana é fluente Que os bons sejam premiados.

20 Justaposição Couve+ flor= couve-flor Ponta+ pé= pontapé Aglutinação Plano+ alto= planalto Boca+ aberta= boquiaberta

21 ( ) outrora (1) justaposição ( ) caça (2) aglutinação ( ) pontapé (3) parassíntese ( ) planalto (4) derivação prefixal ( ) anoitecer (5) derivação ( ) transcontinental (6)regressiva.

22 CONTEÚDO 4

23 Uniformes: o artista/ a artista Biformes- menino/ menina

24 Substantivos terminados em L, substitui o L por is: plural- plurais Substantivos terminados em r, s ou z acrescenta –se es: colher- colheres país- países vez- vezes

25 Pluraliza-se somente substantivos e adjetivos exceto advérbios, interjeições e verbos Amores-perfeitos abaixo –assinados onomatopeias: somente o segundo elemento é pluralizado corre-corres pega-pegas Dias da semana os dois elementos são pluralizados: terças-feiras

26 Uniformes: mulher frágil/ homem frágil Biformes: mulher bonita/ homem bonito

27 O adjetivo concorda em número com o substantivo: Os atletas foram capazes. Quando em um adjetivo composto, o segundo for substantivo o adjetivo é invariável. Dois tapetes verde- musgo Quando for composto por dois adjetivos os dois, apenas o segundo vai para o plural. Olhos castanho- claros

28 5

29 PRONOME ADJETIVO Meu livro é antigo PRONOME SUBSTANTIVO Ele chegou

30 RETO 1º EU 2º TU 3º ELE/ ELA 1º NÓS 2º VÓS 3º ELES/ELAS OBLÍQUOS 1º ME, MIM, COMIG 2º TE, TI, CONTIGO 3º SE, SI, CONSIGO, O, A, LHE 1º NOS, CONOSCO 2º VOS, CONVOSCO 3º SE, SI, CONSIGO, OS, AS, LHES

31 1. Depois de verbos terminados em R, S ou Z, os pronomes oblíquos o, a, os, as transformam-se em lo, la, los, las Ex: amar-a = amá-la fez-o = fê-lo quis-o = qui-lo

32 2. Verbos terminados em som nasal am, em, õe,ão os pronomes oblíquos assumem as formas no,na, nos nas ex: amaram-o = amaram-no venderam-a = venderam-na dão-a = dão-na

33 3. Na norma padrão não se usa o pronome pessoal do caso reto para complementar verbo. ex: vi ela = eu a vi comprei ele = comprei-o

34 4.Quando no texto oral e escrito, usar a preposição entre o pronome MIM é obrigatório. ex: Entre mim e ti não há diferença

35 Referem-se à pessoa a quem se fala. São usados no tratamento cerimonioso. ex: Senhor, Senhora Vossa Senhoria TABELA PÁGINA 23 Vossa excelência

36 Indica a posse entre pessoas do discurso. 1º meu, minha, meus, minhas 2º teu, tua, teus, tuas 3º seu, sua, seus, suas 1º nossa, nosso, nossas, nossos 2º vosso, vossa, vossos, vossas 3º seu, sua, seus, suas

37 1º PESSOA Este, estes, esta, estas, isto, Disto, deste, destas, desta Neste, nestes, nesta,nestas USA-SE 1. Espaço: próximo de quem fala. (1º pessoa) 2. Tempo: referem-se ao tempo presente ou futuro Nesta semana, eu viajarei para o Rio de Janeiro Esta caneta que está na minha mão é de estimação.

38 2º PESSOA Esse,esses, essa,essas, isso Desse,desses,dessa,dessas, disto Nisso, nessa,nessas USA-SE 1. Espaço: próximo de quem ouve (2º pessoa) 2. Tempo: referem-se a um passado recente. Nunca esquecerei esse dia. Essa caneta que está na sua mão é minha.

39 3º PESSOA Aquele. Aqueles, aquela, aquelas, aquilo Daquele, daqueles, daquela, daquelas, daquilo Naquele, naqueles, naquela, naquela, naquilo. USA-SE 1. Espaço: longe de quem fala e de quem ouve (3º pessoa) 2. Tempo: referem-se ao passado mais distante. Aquele ano de 1973 foi bastante agitado. Aquela caneta que está nas mãos da Josi é minha.

40 Um, uma, uns, umas quando acompanham um substantivo exercem função de artigo e quando substituem um substantivo exercem função de pronome. Umas pessoas não conseguem viver sozinhas. Há vários tipos de pessoas. Umas são felizes...

41 Certo, certa, certos, certas- só serão indefinidos quando colocados antes dos substantivos e quando colocados depois do substantivos são adjetivos. O amigo certo se conhece na hora incerta. Certo amigo me avisou do perigo

42 QUE: é pronome relativo que pode ser substituído por o qual, os quais, a qual, as quais. QUEM: refere-se a uma pessoa ou alguma coisa personificada. CUJO(A): equivalem a do qual, de que, de quem. Concordam em número com a coisa possuída.

43 Partir-o Fez-o Temos –as Partiram-os Dispõe-as

44 a carro que está aqui ao meu lado é o mais veloz da temporada de corridas. b. Por que você anda sempre com crianças grudadas em você? c. Por favor, traga-me cobertor que está aí do seu lado.

45 1. MIRAPÓLVORA ERA UMA CIDADE COMO AS OUTRAS. 2. O GAROTO GASTOU TODA A TARDE VAGANDO PELAS RUAS. 3. QUANDO FOI COMER, NINGUÉM RECLAMOU. 4. NÃO POSSO FAZER NADA POR VOCÊ. 5. TODOS JUNTOS SOMOS FORTES.

46 a) Pedro chamou o menino que estava sobre o muro. b)O jovem, minha filha, a quem dizes amar, não te ama. c) Onde você pôs aquele presente embrulhado em papel colorido Que ontem lhe mostrei? d)Eis a carta cujo conteúdo você desconhecia. e) Disse-me João: "Aqui estão os trabalhos que vos pretendo entregar.

47 CONTEUDO

48 1º PESSOA: Eu apaixono/ Nós nos apaixonamos 2º PESSOA: Tu te apaixonas/ Vós vos apaixonais 3º PESSOA: Ele se apaixona/ Eles se apaixonam

49 Pode indicar: Fenômeno da natureza Ação Estado Desejo

50 Modo Indicativo- certeza Modo Subjuntivo- dúvida, hipótese, possibilidade Modo Imperativo- ordem, desejo

51 Presente : falo- podemos-abrem Pretérito perfeito: comecei- pôde- abriram Pretérito imperfeito: começava – podíamos Pretérito mais - que- perfeito: começara Futuro do pretérito: começaria –poderia Futuro do presente: começarei-

52 Presente: que eu fale Pretérito imperfeito: se nós falássemos Futuro: quando nós falarmos

53 Afirmativo: Faze tu- comecemos nós- abram vocês Negativo: não comeces tu não faça você não abrais vós


Carregar ppt "EXAME. Conteúdo Quando têm a mesma pronúncia, mas grafia diferente. Ex: censo(recenseamento) senso (juízo)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google