A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Acção de Formação: e-ALEA Oficina de Formação à Distância para o Ensino da Estatística Trabalho Final de: José Maria Escola Secundária de RIO TINTO –

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Acção de Formação: e-ALEA Oficina de Formação à Distância para o Ensino da Estatística Trabalho Final de: José Maria Escola Secundária de RIO TINTO –"— Transcrição da apresentação:

1

2 Acção de Formação: e-ALEA Oficina de Formação à Distância para o Ensino da Estatística Trabalho Final de: José Maria Escola Secundária de RIO TINTO – GONDOMAR Dezembro 2004

3 O CONSUMO DE ÁGUA EM NOSSAS CASAS

4 Estudo Estatístico em duas fases:

5 1ª Fase: Estudo univariado das variáveis estatísticas a) Consumo de água por casa; b) Número de habitantes por casa.

6 2ª Fase: Estudo bivariado das variáveis estatísticas e Número de habitantes por casa e Consumo de água por casa

7 Estudo feito com base nos recibos da Água dos alunos questionados. Este trabalho teve a colaboração dos alunos, embora só no preenchimento dos questionários, por impossibilidade de utilização de aulas para o efeito

8 Questionário

9 No âmbito do programa de Matemática A do 10º ano do ensino Secundário, no que respeita à Estatística, pretende-se fazer um estudo sobre O consumo de água nas nossas casas, envolvendo alunos da Escola Secundária de Rio Tinto, pelo que se solicita a melhor compreensão e colaboração a todos quantos forem seleccionados para responder a este questionário.

10 O questionário será sigiloso (não tem que se identificar), pelo que qualquer aluno deve responder com sinceridade e com o máximo rigor às perguntas que aqui são formuladas.

11 Questionário: 1) 1) Quantas pessoas tem o seu agregado familiar ?

12 6) 6) Consultando os últimos 6 recibos da "Água", (ou os que tiver) indique: os meses dos recibos e os respectivos consumos.

13 a)Mês Ano m3 b)Mês Ano m3 c)Mês Ano m3 d)Mês Ano m3 e)Mês Ano m3 f)Mês Ano m3

14 O questionário que elaborei continha mais perguntas do que as necessárias ao trabalho proposto (intencionalmente) de modo a permitir trabalhar outros dados mais tarde, como complemento ao estudo agora iniciado.

15 Havia 6 perguntas no questionário, mas só foram utilizadas 2 neste trabalho.

16 Resultados

17 Número de pessoas por agregado familiar. Nº de pessoas Agregado Familiar Frequência Absoluta Frequência Relativa 200.0% % % % Total %

18 Cerca de dois terços dos agregados familiares têm 4 pessoas. Os agregados familiares com 3 pessoas (filho único ? ) são o dobro dos que têm 5 pessoas (3 filhos ? )

19

20 Pessoas por agregado familiar Média 3.9 Moda 4 Mediana 4 Máximo 5 Mínimo 3 Desvio Padrão 0.6

21 Consumo de água por casa

22 a) Por agregado familiar Consumo de água mensal ( m 3 ), por agregado familiar [ 3.9 ; 8.5 [3 [ 8.5 ; 13.1 [14 [ 13.1 ; 17.7 [7 [ 17.7, 22.3 [4 [ 22.3 ; 26.9 [4 [ 26.9 ; 31.5 [1 Total33

23 A maioria dos agregados familiares consome entre 8.5 e 13.1 m 3 de água, mensalmente

24

25 Consumo de água mensal por agregado familiar Nº de Pessoas do agregado familiar Total de agregados familiares... 33

26 Média14.0 Moda11.6 Mediana13.0 Máximo31.3 Q317.8 Q2 = Mediana13.0 Q19.9 Mínimo3.9 Amplitude27.4 K =6 Amplitude classe 4.6 Desvio padrão8.8

27 b) Por pessoa do agregado familiar Consumo de água mensal ( m 3 ), por pessoa e por agregado familiar Frequência absolutaFrequência relativa [ 1 ; 2 [2 6.1% [ 2 ; 3 [ % [ 3 ; 4 [7 21.2% [ 4 ; 5 [6 18.2% [ 5 ; 6 [1 3.0% [ 6 ; 7 [3 9.1% Total %

28 A maioria dos agregados familiares consome entre 2 e 3 m 3 de água mensalmente, por pessoa (por pessoa)

29

30 Média3.6 Moda2.4 Mediana3.3 Máximo6.6 Q34.4 Q2 = Med3.3 Q12.8 Mínimo1.0 Amplitude5.6 K =6 Amplitude classe1 Desvio padrão1.3

31 Consumo de água por pessoa e por agregado familiar (m 3 ) Nº de Pessoas do agregado familiar Total de agregados familiares …33

32 Estudo bivariado de variáveis estatísticas

33 1º caso (agregado familiar, global)

34 Fraca correlação linearFraca correlação linear : entre o número de pessoas do agregado familiar e o consumo de água mensal. - O coeficiente de correlação é positivo mas baixo (0.4)

35 2º caso (por pessoas do agregado familiar)

36 Não há correlação linearNão há correlação linear: entre o número de pessoas do agregado familiar e o consumo de água mensal por pessoa. - O coeficiente de correlação é nulo.

37 Para terminar apresento um poema do poeta que é conhecido pelo poema que fala no sonho: …Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida. Que sempre que um homem sonha o mundo pula e avança como bola colorida entre as mãos de uma criança.…Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida. Que sempre que um homem sonha o mundo pula e avança como bola colorida entre as mãos de uma criança.

38 Poesia / Estatística Poema de António Gedeão:Mãezinha

39 A terra de meu pai era pequena e os transportes difíceis. Não havia comboios, nem automóveis, nem aviões, nem mísseis. Corria branda a noite e a vida era serena. Segundo informação, concreta e exacta, dos boletins oficiais, viviam lá na terra, a essa data, 3023 mulheres 3023 mulheres, das quais 45 por cento 45 por cento eram de tenra idade, chamando tenra idade à que vai do berço até à puberdade.

40 28 por cento 28 por cento das restantes eram senhoras, daquelas senhoras que só havia dantes. Umas, viúvas, que nunca mais (oh! nunca mais!) tinham sequer sorrido desde o dia da morte do extremoso marido; outras, senhoras casadas, mães de filhos… (De resto, as senhoras casadas, pelas suas próprias condições, não têm que ser consideradas nestas considerações.)

41 10 por cento Das outras, 10 por cento, eram meninas casadoiras, seriíssimas, discretas, mas que por temperamento, ou por outras razões mais ou menos secretas, não se inclinavam para o casamento. Além destas meninas 32 havia, salvo erro, 32, que à meiga luz das horas vespertinas se punham a bordar por detrás das cortinas espreitando, de revés, quem passava nas ruas.

42 9 Dessas havia 9 que moravam em prédios baixos como então havia, um aqui, outro além, mas que todos ficavam no troço habitual que o meu pai percorria, tranquilamente no maior sossego, às horas em que entrava e saía do emprego.

43 9 Dessas 9 excelentes raparigas uma fugiu com o criado da lavoura; 5 5 morreram novas, de bexigas; outra, que veio a ser grande senhora, teve as suas fraquezas mas casou-se e foi condessa por real mercê; outra suicidou-se não se sabe porquê.

44 A que sobeja Rosinha chama-se Rosinha. Foi essa que o meu pai levou à igreja. mãezinha Foi a minha mãezinha.

45 FIM José Maria 22 de Dezembro de 2004


Carregar ppt "Acção de Formação: e-ALEA Oficina de Formação à Distância para o Ensino da Estatística Trabalho Final de: José Maria Escola Secundária de RIO TINTO –"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google