A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART – PIC16F877A Jadsonlee da Silva Sá

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART – PIC16F877A Jadsonlee da Silva Sá"— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART – PIC16F877A Jadsonlee da Silva Sá

2 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Introdução USART – Universal Synchronous Asynchronous Receiver Transmitter. Aplicações. –Comunicação com outro uC, computadores, dispositivos de rede com e sem fio, memórias seriais, conversores A/D e D/A entre outros.

3 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Introdução Modos de operação: –Assíncrono (Full duplex); –Síncrono – Mestre (Half-duplex); –Síncrono – Escravo (Half-duplex). Pinos utilizados.

4 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Introdução Registradores associados. Registrador TRISC (direcionar os bits RC6 e RC7).

5 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono O formato dos dados – NRZ (Non-Return-to-Zero). Bit Start (0) Bit Stop (1) Dados Bit 0Bit 1Bit 2Bit 3Bit 4Bit 5Bit 6Bit 7 É possível ter 9 bits de dados. Não funciona durante o SLEEP.

6 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Gerador do Baud Rate. –SPBRG indica o período de um temporizador de 8 bits free runing.

7 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Gerador do Baud Rate.

8 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Gerador do Baud Rate.

9 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Transmissor. –TSR é carregado com novos dados somente quando o bit STOP for transmitido. –A transferência dura um Tcy. Registrador de deslocamento Carregado com dados via software. TXREG estiver vazio, TXIF = 1 TXIF não pode ser zerado via software. Para isto, TXREG deve ser carregado com algum dado. O status de TSR é indicado pelo bit TRMT de TXSTA.

10 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Transmissor. TXEN = 1 resulta em TXIF = 1

11 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Transmissor – Configuração. –Inicialize o registrador SPBRG com o baud rate desejado e ajuste o bit BRGH conforme o valor do baud rate. –Habilite a porta serial assíncrona (SYNC = 0 e SPEN = 1). –Para gerar interrupções de transmissão, TXIE = 1. –Para transmitir nove bits, TX9 = 1. –Habilite a transmissão, TXEN = 1. –Se TX9 = 1, carregue o nono bit em TX9D. –Carregue os dados em TXREG. –Habilite as interrupções, GIE = PIEI = 1.

12 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Receptor. RCIF é zerado somente quando RCREG for lido e estiver vazio. RCREG é um registador duplo. OERR = 1 – Dado em RSR foi perdido. A transferência de dados é inibida. OERR é zerado por software, fazendo CREN = 0. FERR=1, se bit STOP for zero.

13 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono.

14 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART - Assíncrono Receptor – Configuração/Funcionamento. –Inicialize o registrador SPBRG com o baud rate desejado e ajuste o bit BRGH conforme o valor do baud rate. –Habilite a porta serial assíncrona (SYNC = 0 e SPEN = 1). –Para gerar interrupções de transmissão, RCIE = 1. –Para recepção de nove bits, RX9 = 1. –Habilite a recepção, CREN = 1. –Bit RCIF é setado quando a recepção for completada e uma interrupção poderá ser gerada. –Leia RCSTA e observe se houve algum erro. –Leia os dados em RCREG. –Se algum erro ocorreu, zere o bit CREN. –Se estiver usando interrupção, ajuste os bits GEIE e PEIE.

15 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Comunicação entre PIC e PC Utiliza o CI MAX232 para converter os níveis TTL do uC para os níveis de tensão de ± 12 V da serial do computador. Pinos TX e Rx do PIC Computador Conector DB9.

16 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Exemplo - USART

17 Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP Exemplo - USART


Carregar ppt "Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF Colegiado de Engenharia da Computação – CECOMP USART – PIC16F877A Jadsonlee da Silva Sá"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google