A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Kraemer CCNA Exploration (Protocolos e Conceitos de Roteamento) OSPF.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Kraemer CCNA Exploration (Protocolos e Conceitos de Roteamento) OSPF."— Transcrição da apresentação:

1 kraemer CCNA Exploration (Protocolos e Conceitos de Roteamento) OSPF

2 kraemer Cronograma Introdução Encapsulamento de mensagens Protocolos Hello Algoritmo OSPF Distância administrativa Autenticação Configuração básica ID do roteador OSPF Verificando o OSPF Examinando a tabela de roteamento

3 kraemer Cronograma Métrica do OSPF Modificando o custo Desafios em redes multiacesso Eleição do DR e do BDR Distribuindo uma rota padrão com OSPF Ajustes do OSPF Resumo e revisão

4 kraemer Introdução

5 kraemer Introdução

6 kraemer Encapsulamento de mensagens

7 kraemer Encapsulamento de mensagens

8 kraemer Protocolo hello O pacote OSPF Tipo 1 é o pacote Hello de OSPF. Os pacotes Hello são utilizados para: Detectar os vizinhos de OSPF e estabelecer as adjacências do vizinho. Anunciar parâmetros nos quais dois roteadores devem concordar em se tornar vizinhos. Eleger o Roteador designado (DR) e o Roteador designado de backup (BDR) em redes multiacesso como a Ethernet e Frame Relay.

9 kraemer Protocolo hello

10 kraemer Protocolo hello Em redes multiponto o padrão é 30 seg. Período que espera antes de declarar como inativo Enviados por multicast

11 kraemer Atualizações do link-state (LSU)

12 kraemer Algoritmo OSPF

13 kraemer Distância administrativa

14 kraemer Autenticação

15 kraemer Configuração OSPF básica

16 kraemer Configuração OSPF básica O process-id é um número entre 1 e escolhido pelo administrador de rede. O process-id tem significado local, o que significa que ele não tem que corresponder a outros roteadores OSPF para estabelecer adjacências com esses vizinhos. Isto difere do EIGRP.

17 kraemer Configuração OSPF básica Area = Sistemas Autônomo Wildcard mask

18 kraemer ID do roteador OSPF ID do roteador OSPF é utilizada para identificar unicamente cada roteador no domínio de roteamento OSPF. Não tem relação com o ID do processo.

19 kraemer ID do roteador OSPF

20 kraemer ID do roteador OSPF No OSPF o loopback altera o ID Router ( As interfaces loopback são automaticamente up) Router(config)#interface loopback number Router(config-if)#ip address ip-address subnet-mask Exceto se: Router(config)#router ospf process-id Router(config-router)#router-id ip-address Para limpar os IDs use: Router#clear ip ospf process

21 kraemer Verificando o OSPF FULL significa que o vizinho B.D. idêntico

22 kraemer Verificando o OSPF

23 kraemer Verificando o OSPF

24 kraemer Verificando o OSPF

25 kraemer Examinando a tabela de roteamento

26 kraemer Métrica do OSPF O Cisco IOS utiliza as larguras de banda cumulativas das interfaces de saída do roteador para a rede de destino como o valor de custo. Em cada roteador, o custo para uma interface é calculado como 10 à 8a potência dividido pela largura de banda em bps. Isto é conhecido como largura de banda de referência.

27 kraemer Métrica do OSPF

28 kraemer Métrica do OSPF show interface serial 0/0/0

29 kraemer Métrica do OSPF show ip route

30 kraemer Métrica do OSPF

31 kraemer Modificando o custo

32 kraemer Modificando o custo Substitui o bandwidth

33 kraemer Modificando o custo

34 kraemer Desafios em redes multiacesso

35 kraemer Desafios em redes multiacesso O OSPF define cinco tipos de rede: Ponto-a-ponto Multiacesso com broadcast Rede sem broadcast multiacesso (NBMA) Ponto-a-multiponto Links virtuais NBMA e redes ponto-a-multiponto incluem as redes Frame Relay, ATM e X.25.

36 kraemer Desafios em redes multiacesso

37 kraemer Desafios em redes multiacesso

38 kraemer Desafios em redes multiacesso Redes multiacesso podem criar dois desafios para o OSPF com relação ao envio de LSAs: 1. Criação de múltiplas adjacências, uma adjacência para cada par de roteadores. 2. Grande envio de LSAs (Link-State Advertisements, Anúncios Link-State).

39 kraemer Desafios em redes multiacesso

40 kraemer Desafios em redes multiacesso

41 kraemer Desafios em redes multiacesso Solução: eleger um roteador designado (DR) e um designado de backup (BDR). Usa multicast para enviar somente para DR e BDR

42 kraemer Desafios em redes multiacesso

43 kraemer Eleição do DR e do BDR Os seguintes critérios são aplicados: 1. DR: Roteador com a mais alta prioridade de interface OSPF. 2. BDR: Roteador com a segunda mais alta prioridade de interface OSPF. 3. Se as prioridades de interface OSPF são iguais, a ID de roteador mais alta é utilizada para desempatar.

44 kraemer Eleição do DR e do BDR DROTHER = não é DR e nem BDR

45 kraemer Eleição do DR e do BDR Quando o DR é eleito, ele permanece como DR até que uma das condições seguintes ocorra: O DR falha. O processo OSPF no DR falha. A interface multiacesso no DR falha. Um antigo DR não volta a tomar posse novamente!

46 kraemer Eleição do DR e do BDR Como você tem certeza de que os roteadores que você deseja que sejam o DR e BDR ganham a eleição? Sem configurações adicionais, a solução é: Em primeiro lugar, inicialize o DR, seguido pelo BDR e, em seguida, inicialize todos os outros roteadores, ou Desligue a interface em todos os roteadores, seguido por um no shutdown no DR, depois no BDR e então todos os outros roteadores.

47 kraemer Eleição do DR e do BDR

48 kraemer Eleição do DR e do BDR A prioridade pode ser modificada Maior ganha o DR

49 kraemer Distribuindo uma rota padrão com OSPF

50 kraemer Ajustes do OSPF A largura de banda pode ser ajustada para enlaces mais rápidos, como 10GE

51 kraemer Ajustes do OSPF

52 kraemer Ajustes do OSPF

53 kraemer Ajustes do OSPF Os intervalos também podem ser modificados Router(config-if)#ip ospf hello-interval seconds Router(config-if)#ip ospf dead-interval seconds

54 kraemer OSPF (Open Shortest Path First) é um protocolo de roteamento link-state classless. A versão atual do OSPF para IPv4 é o OSPFv2 introduzido na RFC 1247 e atualizado na RFC 2328 por John Moy. Em 1999, o OSPFv3 para IPv6 foi publicado na RFC O OSPF tem uma distância administrativa padrão de 110 e é denotado na tabela de roteamento com um código de fonte de rota de O. O OSPF é habilitado com o comando de configuração global router ospf process-id. O process-id é localmente significativo, o que significa que ele não tem que corresponder a outros roteadores OSPF para estabelecer adjacências com esses vizinhos. Resumo e revisão

55 kraemer O comando network utilizado com o OSPF tem a mesma função de quando utilizado com outros protocolos de roteamento IGP, mas com sintaxe ligeiramente diferente. Router (config-router)#network network-address wildcard-mask area area-id O wildcard-mask é o inverso da máscara de sub-rede e o area-id deve ser definido como 0. Resumo e revisão

56 kraemer O OSPF não utiliza um protocolo da camada de transporte, já que os pacotes OSPF são enviados diretamente utilizando-se a camada IP. O pacote Hello do OSPF é utilizado por OSPF para estabelecer adjacências de vizinho. Por padrão, os pacotes Hello de OSPF são enviados a cada 10 segundos em segmentos multiacesso e ponto-a-ponto e a cada 30 segundos em segmentos de rede ponto- a-multiponto (NBMA) (Frame Relay, X.25, ATM) (NBMA). O intervalo de Dead é o período de tempo que um roteador OSPF esperará antes de finalizar a adjacência com um vizinho. Por padrão, o intervalo de Dead é quatro vezes o intervalo de Hello. Para segmentos multiacesso e ponto-a-ponto, este período é de 40 segundos. Para redes NBMA, o intervalo de Dead é de 120 segundos. Para que os roteadores se tornem adjacentes, o intervalo de Hello, o intervalo de Dead, os tipos de rede e as máscaras de sub-rede devem corresponder. O comando show ip ospf neighbors pode ser utilizado para verificar as adjacências de OSPF. Resumo e revisão

57 kraemer A ID do roteador OSPF é utilizada para identificar unicamente cada roteador no domínio de roteamento OSPF. Os roteadores Cisco produzem a ID do roteador com base em três critérios e com a seguinte precedência: 1. Utilize o endereço IP configurado com comando router-id de OSPF. 2. Se o router-id não estiver configurado, o roteador escolherá o endereço IP mais alto de qualquer uma de suas interfaces de loopback. 3. Se nenhuma interface de loopback estiver configurada, o roteador escolherá o endereço IP ativo mais alto de suas interfaces físicas. A RFC 2328 não especifica quais valores devem ser utilizados para determinar o custo. O Cisco IOS utiliza as larguras de banda cumulativas das interfaces de saída do roteador para a rede de destino como o valor de custo. Resumo e revisão

58 kraemer Redes multiacesso podem criar dois desafios para o OSPF relativos ao envio de LSAs, inclusive a criação de múltiplas adjacências - uma adjacência para cada par de roteadores e envio excessivo de LSAs (Anúncios Link-State). O OSPF elege um Roteador Designado (DR) para agir como ponto de coleta e distribuição para os LSAs enviados e recebidos na rede multiacesso. Um BDR (Roteador Designado de Backup) é eleito para assumir a função do DR no caso de o DR falhar. Todos os outros roteadores são conhecidos como DROthers. Todos os roteadores enviam seus LSAs para o DR, que, por sua vez, envia o LSA para todos os outros roteadores na rede multiacesso. O roteador com a ID de roteador mais alta é o DR e o roteador com a segunda ID de roteador mais alta é o BDR. Isto pode ser substituído pelo comando ip ospf priority naquela interface. Por padrão, o ip ospf priority é "1" em todas as interfaces multiacesso. Se um roteador for configurado com um novo valor de prioridade, o roteador com o valor de prioridade mais alto será o DR e o próximo mais alto será o BDR. Um valor de prioridade de 0 significa que o roteador não é qualificado para se tornar um DR ou BDR. Resumo e revisão

59 kraemer Uma rota padrão é propagada em OSPF semelhante àquela de RIP. O comando do modo do roteamento OSPF default-information originate é utilizado para propagar uma rota padrão estática. O comando show ip protocols é utilizado para verificar informações de configuração OSPF importantes, inclusive a ID do processo OSPF, ID de roteador e as redes que o roteador está anunciando. Resumo e revisão


Carregar ppt "Kraemer CCNA Exploration (Protocolos e Conceitos de Roteamento) OSPF."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google