A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Para os homens, que eram cegos, Tu querias, Profeta, dizer a Verdade. E os olhos dos homens iluminaram-se de êxtase...

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Para os homens, que eram cegos, Tu querias, Profeta, dizer a Verdade. E os olhos dos homens iluminaram-se de êxtase..."— Transcrição da apresentação:

1

2 Para os homens, que eram cegos, Tu querias, Profeta, dizer a Verdade. E os olhos dos homens iluminaram-se de êxtase...

3 Tu quiseste dizer a Verdade e disseste a Beleza! E choraste.

4 Mas os anjos sorriram-te... Porque a Beleza é a forma angélica da Verdade. Mario Quintana

5 A Beleza é a forma angélica da Verdade.

6 Mario Quintana tinha um carinho especial pelas crianças, tendo dedicado a elas alguns de seus livros, como Pé de Pilão e O Batalhão das Letras.

7

8

9

10 Certa vez, durante uma entrevista, diante do entusiasmo com que ele falava dos seus livros infantis, perguntaram ao poeta se a criança tinha um lugar especial em seu coração, ao que ele respondeu:...

11 Ah, sim. Sempre terá, pois é um amor bem correspondido.

12 Um dos momentos gratificantes da minha vida aconteceu quando eu estava no Ponto do Café, e uma guriazinha atravessou a rua só para falar comigo.

13 Eu perguntei: Queres um sorvete? Ela me respondeu: Não, vim até aqui só para te dar um oizinho. Senti-me premiado.

14 Elas são absolutamente sinceras. Essa sinceridade deixa de existir quando entram na idade da diplomacia; a idade adulta.

15 Isto acontece em virtude de o adulto dirigir sua educação. Os professores e os pais, em vez de adultificá-las, as adulteram.

16 Num de seus poemas, Quintana recorda sua própria infância.

17 Num de seus poemas, Quintana recorda sua própria infância. Oh! aquele menininho que dizia Fessora, eu posso ir lá fora? mas apenas ficava um momento bebendo o vento azul...

18 mas apenas ficava um momento bebendo o vento azul...

19 Agora não preciso pedir licença a ninguém. Mesmo porque não existe paisagem lá fora: somente cimento.

20 O vento não mais me fareja a face como um cão amigo... Mas o azul irreversível persiste em meus olhos. Mario Quintana

21 Foto de Quintana, ainda menino Estamos no início do século XX. O que o Destino reservará para o menininho que sai da sala de aula somente para matar a sede de azul do vento?...

22 Sorte nossa ter ele seguido fiel pelos anos futuros ao seu gênio poético, à sua vocação lírica, e nos deixado um inestimável legado.

23 Sem a obra de Quintana, nosso mundo certamente estaria um pouco menos belo.

24 Triste de quem não conserva nenhum vestígio da infância... Mario Quintana

25 Os poetas jogam os poemas sobre as águas do mar. Na Praia do Mar do Tempo que versos irão chegar? Mario Quintana

26 A criança que brinca e o poeta que faz um poema – Estão ambos na mesma idade mágica. Mario Quintana

27 A criança que brinca e o poeta que faz um poema – Estão ambos na mesma idade mágica. Mario Quintana Ah, aquela confiança que tem uma criança rezando... Inocente confiança. Alegria...

28 Quem de nós reza com alegria? Parece que só existe mesmo o Deus das crianças... Deus é impróprio para adultos. Mario Quintana

29 Eis que descubro um retrato meu, aos dez anos. Escondo, súbito, o retrato. Mario Quintana Sei lá o que estará pensando de mim aquele guri!

30 A poesia é um sopro de eternidade. Mario Quintana

31 O Profeta diz a todos: eu vos trago a verdade, Mario Quintana enquanto o poeta, mais humildemente, se limita a dizer a cada um: eu te trago a minha verdade.

32 eu te trago a minha verdade. Um poema que não te ajude a viver e não saiba preparar-te para a morte não tem sentido: é um pobre chocalho de palavras! Mario Quintana

33 No dia em que estiveres muito cheio de incomodações, imagina que morreste anteontem...

34 ...Confessa: tudo aquilo teria mesmo tanta importância? Mario Quintana

35 E eis que, tendo Deus descansado no sétimo dia, os poetas continuaram a obra da Criação. Mario Quintana

36 A vida é um incêndio: nela dançamos, salamandras mágicas...

37 ...Que importa restarem cinzas, Se a chama foi bela e alta? Mario Quintana

38 O encanto de viajar está na própria viagem. Mario Quintana

39 Tema musical: Chopin, Les Silfides (versão new age) Formatação:

40 ...Um dia, nós criaremos asas, Mario Quintana E andaremos no ar como se anda na terra.

41

42


Carregar ppt "Para os homens, que eram cegos, Tu querias, Profeta, dizer a Verdade. E os olhos dos homens iluminaram-se de êxtase..."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google