A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tema da semana: Alvo: Hora da Palavra Avisos: Encaminhe e acompanhe os seus discípulos para a Escola de Discípulos, isso fará eles crescerem a cada dia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tema da semana: Alvo: Hora da Palavra Avisos: Encaminhe e acompanhe os seus discípulos para a Escola de Discípulos, isso fará eles crescerem a cada dia."— Transcrição da apresentação:

1 Tema da semana: Alvo: Hora da Palavra Avisos: Encaminhe e acompanhe os seus discípulos para a Escola de Discípulos, isso fará eles crescerem a cada dia. Frase para o líder Espaço de anotações Para refletir Como está o seu hálito espiritual? Mateus Nos comerciais de cremes dentais, uma das promessas sempre presentes é o chamado "hálito refrescante". Esse é apenas um exemplo que reforça para nós o quanto é importante para o ser humano apresentar um hálito agradável. A halitose, ou mau hálito é um mal que acomete boa parte da população. Um dos aspectos de que se tem conhecimento é que ela pode ser sintoma de algumas doenças, como diabetes, disfunções gastrintestinais e doenças periodontais (ação bacteriana, acúmulo de tártaro e inflamação nas gengivas e sustentação dos dentes). Assim vemos que o mau hábito pode trazer conseqüências graves. O certo é fazer a investigação da causa, combatendo a causa pode-se levar o indivíduo ao restabelecimento do seu estado de saúde. Jesus, em seu ministério terreno, combateu duramente um outro tipo de halitose. Um tipo mais grave e de conseqüências maiores. Podemos denominá-la de "halitose espiritual". Havia uma classe de pessoas, que exalava esse "mau cheiro" e tinham como principal característica "maquiar" a sua vida espiritual (Mateus 23.3). Os fariseus buscavam em todo tempo transparecer algo que na verdade não viviam, quando na realidade deviam viver a Palavra (Tiago 1.22). Infelizmente, a "halitose espiritual" ainda está presente em nossos dias. Tal como a halitose natural, a "halitose espiritual" é um sintoma que algo não vai bem no indivíduo, na maioria das vezes, há enfermidades em seu interior, já que a Palavra diz que é do coração que procede males (Marcos 7.23). Causas da "halitose espiritual: Falta de comunhão com a Palavra de Deus é o grande desencadeador desse mal. Aqueles que a amam e a guardam em seu coração, certamente liberam palavras "agradáveis, temperadas com sal (Colossenses 4.16), ou seja, "boa para promover a edificação, conforme a necessidade para que beneficie os que a ouvem" (Efésios 4.29). Falta de perdão: Aquele que não libera o perdão é envolvido com facilidade pela raiz de amargura, através da qual podemos contaminar o nosso próximo (Hebreus 12.15). Rebeldia: Também gera um odor que em nada se assemelha ao bom perfume de Cristo. A halitose espiritual traz conseqüências ruins para quem a tem e para os que estão próximos. Conclusão: Se desejarmos ter um "hálito puro, refrescante", verdadeiramente não há outro caminho senão sermos cheios do Espírito Santo. A halitose natural, segundo pesquisas, está na maioria das vezes associada à saburra (uma placa bacteriana esbranquiçada na parte posterior da língua), cujo tratamento é bem simples e consiste na higienização da língua. Da mesma forma, o lavar contínuo na Água da Vida e a busca pela santificação dever ser o desejo constante dos nascidos de novo (Tito 3.5; Apocalipse 22.17). Não nos enganemos queridos, Deus é aquele que vê além do nosso exterior. O Senhor sonda os nossos corações (Provérbios 21.2). E aí, como está o seu hálito? "O poder não corrompe; o poder revela" Havia um rapaz que tinha muitos problemas. Pedia que Jesus viesse visitá-lo. Um dia, Jesus bateu a sua porta, ele convidou-o a entrar, e Jesus sentou-se no sofá da sala. Senhor Jesus, disse o jovem, em primeiro lugar gostaria de dizer que é uma honra recebê-lo em minha casa. Filho, interrompeu Jesus, antes de conversarmos, gostaria de conhecer sua casa. Onde é o lugar que você dorme? No mesmo instante o rapaz se lembrou que, o computador estava ligado em sites não recomendáveis. E onde é o lugar que você toma banho? Novamente o rapaz se lembrou que guardava, umas revistas terríveis. Posso conhecer sua cozinha? Ele lembrou que havia algumas garrafas de bebida. Senhor, desculpe, mas prefiro que não conheça nada, respondeu o rapaz, neste instante, alguém batia furiosamente na porta. O rapaz abriu a porta, e viu que era o diabo. Sai da frente que eu quero entrar!, gritou o tentador. De jeito nenhum, respondeu o rapaz. Com muita dificuldade o rapaz conseguiu empurrar o diabo e fechar a porta. Ao voltar, disse a Jesus: Eu não entendo. O Senhor está na minha casa e por que o diabo fica insistindo em entrar? Explicou Jesus, é que na sua casa você só me deu a sala. O rapaz entendeu a lição de Jesus e fez uma faxina na casa para entregá-la ao Senhor. Neste instante, o diabo bateu mais uma vez à porta. O rapaz olhou para Jesus sem entender, e o Senhor disse: Deixa que eu vou atender. Quando o diabo viu que era Jesus, que atendia a porta, disse: Desculpe, foi engano, e sumiu rapidinho. Muitas vezes, é assim que acontece com o nosso coração. Entregamos a Jesus só uma parte dele. A Bíblia diz que "os olhos do Senhor passeiam por toda a terra para se mostrar forte para com aqueles cujo coração é inteiramente seu. Quebra Gelo: O outro Lado Objetivos: Ver o objetivo comum do grupo. Processo de comunhão e união(não dizer o objetivo da dinâmica). O líder pede a todos que se coloquem no fundo da sala ocupando toda parede. Pede silêncio absoluto, muita atenção para a ordem que vai ser dada. A ordem é a seguinte: Vocês deverão procurar como grupo, atingir o outro lado da sala, da forma mais rápida possível e eficiente. Ele considerará a tarefa cumprida quando o grupo se aproximou do ideal alcançando o outro lado unido, obedecendo ao ritmo um dos outros, de mãos dadas.


Carregar ppt "Tema da semana: Alvo: Hora da Palavra Avisos: Encaminhe e acompanhe os seus discípulos para a Escola de Discípulos, isso fará eles crescerem a cada dia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google