A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Desenvolvimento de Aplicações Web nas plataformas J2EE e IDE Eclipse LEIC – Engenharia de Software.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Desenvolvimento de Aplicações Web nas plataformas J2EE e IDE Eclipse LEIC – Engenharia de Software."— Transcrição da apresentação:

1 Desenvolvimento de Aplicações Web nas plataformas J2EE e IDE Eclipse LEIC – Engenharia de Software

2 LEIC - Engenharia de Software2 Estrutura da Apresentação 1. Java To Enterprise Edition (overview) 2. Aplicações Web - Páginas Web 3. Aplicações Web - Web Services 4. IDE Eclipse 5. Eclipse Web Tools Platform Project

3 2. Java To Enterprise Edition (overview)3 Plataforma para Soluções Empresariais  Baseada em componentes modulares standard  Proporciona um conjunto completo de serviços  Gere automaticamente detalhes relativos ao comportamento das aplicações

4 2. Java To Enterprise Edition (overview)4 Serviços Empresariais J2EE

5 2. Java To Enterprise Edition (overview)5 Tecnologias Implementadas  Conceito “Write Once, Run Anywhere”  Java Database Connectivity (JDBC)  Servlets e JavaServer Pages (JSPs)  Common Object Request Broker Architecture (CORBA)  Extensible Markup Language (XML)  Enterprise JavaBeans (EJBs)

6 2. Java To Enterprise Edition (overview)6 Modelo para Aplicações Empresariais

7 2. Java To Enterprise Edition (overview)7 Modelo de Aplicação J2EE  Permite um desenvolvimento  mais rápido  com melhor qualidade e manutenção  com portabilidade para um grande número de plataformas empresariais  Aumenta a produtividade das equipas de desenvolvimento  Permite uma gestão melhorada dos recursos disponíveis  Resulta num melhor aproveitamento dos investimentos tecnológicos efectuados pelas organizações empresariais

8 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web8 Servlets  Servlets permitem que a lógica de aplicação seja embutida no processo request-response:  Um servlet é um programa Java que corre do lado do servidor e que estende a funcionalidade do servidor Web.

9 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web9 Funcionamento dos Servlets  Quando um servidor Web entende que uma URL deve ser atendida por um Web Container, passa o controlo para o container (um conjunto de classes em Java, geradas automaticamente)  Este container decide qual é a Web Application que deve executar;  Quando é um servlet, o container controla a execução do servlet; Através da API de servlets, o servlet pode aceder à informação do Request e fornecer uma Response.

10 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web10 Java Server Pages (JSP’s)  A geração de informação dinâmica pode ser feita de duas formas:  Programando-a (servlets);  Através de templates (Java Server Pages ou JSP).

11 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web11 Funcionamento dos JSP’s  JSP é uma extensão da tecnologia de servlets:  Uma página JSP contém código HTML (ou XML);  Tags ou "scripts" especiais são introduzidos no HTML para execução;  A página JSP é traduzida para um servlet, automaticamente, pelo servidor J2EE;  O servlet é compilado (apenas uma vez);  A partir daí, o servlet é executado para gerar o conteúdo dinâmico;  É de notar que depois de a página JSP ser transformada em servlet, a situação é idêntica à execução de um servlet.

12 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web12 Funcionamento dos JSP’s  Diagrama de Funcionamento

13 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web13 Enterprise JavaBeans (EJB)  A especificação EJB define:  As interfaces entre o servidor EJB e os componentes nele contidos;  Os serviços que o container oferece para esses componentes.  O objectivo maior é deixar o programador concentrar-se no “Business Logic”. Isso é feito de duas grandes formas:  Programação Declarativa;  Serviços Automáticos.

14 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Páginas Web14 Modelo de Aplicação J2EE  Programação Declarativa  Cada Bean tem um “Deployment Descriptor” que permite configurá-lo visualmente durante a implementação;  Sem ter código fonte e sem programar. Aumenta a produtividade das equipas de desenvolvimento;  Serviços Automáticos  Implementados por um Container.

15 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Web Services15 Desenvolvimento de Web Services em J2EE  Serviços oferecidos através da Internet utilizando aplicações modulares  Facilitam a comunicação entre aplicações de empresas diferentes baseadas no XML  Estas aplicações utilizam:  Web Services Description Language (WSDL)  Universal Description, Discovery and Integration(UDDI)  Simple Object Access Protocol (SOAP)

16 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Web Services16 Tecnologias Java usada para Web Services  A linguagem Java é ideal para construir Web Services  Foram criadas APIs com a finalidade de ligar o Java ao XML  Estas APIs e algumas ferramentas encontram-se no Java Web Services Developer Pack (Java WSDP)

17 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Web Services17 Java APIs  Java API for XML Registries (JAXR)  Aceder a registos standard tais como os baseados no UDDI e no ebXML  Publicar usando o registo UDDI ou o registo ebXML, ou procurar por um registo de um Web Service  Java API for XML-based RPC (JAX RPC)  Aceder a Web Services através de uma chamada a um procedimento remoto (RPC) baseado no SOAP  Chamar métodos do Web Service num ambiente distriuído

18 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Web Services18 Java APIs  Java API for XML Messaging (JAXM)  Construir e enviar mensagens orientadas por documentos baseados no SOAP (mais propriamente no SOAP for Messaging)  Java API for XML Processing (JAXP)  Processar documentos XML (usado para retornar este tipo de documentos como resposta de um Web Service)

19 3. Desenvolvimento de Aplicações Web - Web Services19  Sun Microsystems:  Sun ONE Developer Platform: ambiente sofisticado de desenvolvimento baseado em Java e no J2EE que inclui o Java WSDP Outras:  Apache  Jakarta-Tomcat  Apache-Soap  Jakarta-AXIS (3ª geração de SOAP da Apache)  Ant Tecnologias Java usada para Web Services

20 4. IDE Eclipse20 IDE Eclipse  Projecto Open Source  Dividido em :  Plataforma Eclipse  JDT (Java Development Tools)  PDE (Plugin Development Environment)

21 4. IDE Eclipse21 IDE Eclipse  IDE que “serve para tudo e para nada em particular”  Serve fundamentalmente para desenvolver IDEs, facilmente, para quaisquer linguagens de programação, editores de texto, etc

22 4. IDE Eclipse22 IDE eclipse  É permitido adicionar novas funções(ferramentas) ao IDE através de plugins que são programados em Java  Os plugins são desenvolvidos de forma modular de modo a permitir a determinados plugins utilizarem as funções de outros

23 4. IDE Eclipse23 Interface Gráfica  A interface gráfica do Eclipse é programada utilizando o JFace e o SWT, logo o UI (interface com o utilizador) é igual em qualquer sistema operativo.

24 4. IDE Eclipse24 JDT (Java Development Tools)  Conjunto de Plugins que adicionam ao IDE a capacidade de desenvolver aplicações Java  Permite colorir a sintaxe do programa, gravar informações do debugger e do compilador, ter a hierarquia de ficheiros organizada em árvore entre outras opções

25 4. IDE Eclipse25 JDT (Java Development Tools)  Dividido em 2 grupos:  Plugins de UI (interface com o utilizador)  Plugins não-UI (plugins não relacionados com a interface com o utilizador)  Esta divisão permite a utilização do Eclipse em sistemas que não sejam baseados em interfaces gráficas com o utilizador.

26 5. Eclipse Web Tools Platform Project26 Eclipse Web Tools Platform Project  Recursos humanos envolvidos no projecto (pcm)  Constituição do projecto (sub-projectos e componentes)  Infra-estrutura  Desenvolvimento

27 5. Eclipse Web Tools Platform Project27 Eclipse Web Tools Platform Project  Plataforma baseada na plataforma mãe da eclipse  Fornece ferramentas no campo da Web (baseadas em Java)  Tool suites

28 5. Eclipse Web Tools Platform Project28 Quadros do projecto:  Pcm (comissão gestora do projecto)  Utilizadores Passivos  Utilizadores activos (construtores/programadores)  Coordenadores

29 5. Eclipse Web Tools Platform Project29 Projecto Sub-projecto 1 Componente 1 Componente 2 … Componente N “Port” 1“Port” 2“Port N”… Sub- projecto2 … Sub-projecto N

30 5. Eclipse Web Tools Platform Project30 Infra-estrutura:  bug database  source repository (depósito de código)  Website  Forum genérico (general mailing lists)  Forum de sub-projecto (subproject mailing lists)  Forum de componente (component mailing lists)

31 5. Eclipse Web Tools Platform Project31 Desenvolvimento:  Controlado pela pcm  Etapas e prazos  Reuniões e gestão de conflitos

32 LEIC - Engenharia de Software32 Conclusões do trabalho efectuado:  A plataforma J2EE revela-se ideal para desenvolver aplicações empresariais;  A plataforma Eclipse é um IDE concebido para desenvolver variadas aplicações, desde páginas web até aplicações Java, em C ou C++;  A plataforma Web Tools Platform Project, uma das várias plataformas da Eclipse, destaca-se pela disponibilização de inúmeras ferramentas vocacionadas para o fácil desenvolvimento de “tool suites” e “web tools”.


Carregar ppt "Desenvolvimento de Aplicações Web nas plataformas J2EE e IDE Eclipse LEIC – Engenharia de Software."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google