A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1.1 Haroldo Peon EMPREENDEDORISMO. 1.2 Haroldo Peon.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1.1 Haroldo Peon EMPREENDEDORISMO. 1.2 Haroldo Peon."— Transcrição da apresentação:

1 1.1 Haroldo Peon EMPREENDEDORISMO

2 1.2 Haroldo Peon

3 1.3 Haroldo Peon

4 1.4 Haroldo Peon

5 1.5 Haroldo Peon

6 1.6 Haroldo Peon

7 1.7 Haroldo Peon

8 1.8 Haroldo Peon

9 1.9 Haroldo Peon

10 1.10 Haroldo Peon

11 1.11 Haroldo Peon

12 1.12 Haroldo Peon

13 1.13 Haroldo Peon

14 1.14 Haroldo Peon E se eu não for EMPREENDEDOR

15 1.15 Haroldo Peon O jovem empresário do terceiro milênio tem que ser empreendedor

16 1.16 Haroldo Peon Perfil do emprego no 3º milênio •Fim da supervalorização das indústrias; •Novos tipos de empregos, muitos desconhecidos. •Evolução da informática.

17 1.17 Haroldo Peon O que é ser empreendedor?

18 1.18 Haroldo Peon É muito mais que ter a vontade de chegar ao topo da montanha! •é conhecer a montanha; •planejar cada detalhe da subida; •ser persistente em encontrar a melhor trilha; •calcular os riscos; •preparar-se; •acreditar na sua capacidade e REALIZAR

19 1.19 Haroldo Peon O brasileiro é empreendedor, mas tem que se preparar melhor! O brasileiro é empreendedor, mas tem que se preparar melhor!

20 1.20 Haroldo Peon Pesquisa internacional sobre empreendedorismo 8 por 1 10 por 1 12 por 1 43 mil entrevistados em 21 países, ano 2000 Brasil EUA Austrália (8 brasileiros por 1 empreendedor)

21 1.21 Haroldo Peon Nova ordem mundial: •Até 1980, foco nas empresas com mais de 100 funcionários; •nas últimas décadas do século XX, as empresas começaram a diminuir seus custos e o número de empregados

22 1.22 Haroldo Peon •Neste período começou a valorização da pequena e média empresa; •processo de terceirização.

23 1.23 Haroldo Peon O mundo está menor!

24 1.24 Haroldo Peon •A evolução tecnológica encurtou distâncias e facilitou o acesso à informação. •Hoje pequenas empresas brasileiras podem fornecer para qualquer grande empresa em qualquer lugar do mundo.

25 1.25 Haroldo Peon Novos postos de trabalho. •No ano de 2000, quase um milhão de novos postos de trabalho. Dados do Sebrae. •Conseqüência do controle da inflação e do ajuste econômico.

26 1.26 Haroldo Peon Pequenas empresas brasileiras •De cada 100, 98 são micro ou pequenas empresas; •empregam quase 40 milhões, mais da metade de toda a mão-de-obra do país.

27 1.27 Haroldo Peon A hora de se aproveitar as oportunidades É AGORA!

28 1.28 Haroldo Peon É necessário COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR

29 1.29 Haroldo Peon •Para o objetivo se transformar em uma meta, é preciso saber aonde quer chegar e definir como e quando chegar. •Para se estabelecer e cumprir metas, é indispensável ver claramente o que se deseja. •As metas podem ser imediatas ou de médio e longo prazos. 1 Estabelecer metas.

30 1.30 Haroldo Peon Busca de informações •Um empreendedor está sempre somando novas informações. •São as informações que se consegue junto ao mercado que definem o futuro de seu negócio. 2

31 1.31 Haroldo Peon Exigência de qualidade e eficiência •Qualidade não é mais diferencial de mercado, é condição sine qua non 3

32 1.32 Haroldo Peon Planejamento e monitoramento sistemático •Além de se planejar, é preciso acompanhar os resultados. •Fazer monitoramento (dividir tarefas, definir prazos, verificar os resultados) 4

33 1.33 Haroldo Peon Comprometimento •Estar comprometido é estar envolvido. •Exige capacidade de fazer sacrifícios pessoais para garantir o crescimento. 5

34 1.34 Haroldo Peon Persistência •Todo negócio tem seus momentos difíceis. •Ser persistente é enfrentar as dificuldades. 6

35 1.35 Haroldo Peon Correr riscos calculados •Ser ousado é importante, mas é fundamental calcular os riscos. •Aprender a correr riscos calculados significa avaliar as alternativas, reduzir os riscos e controlar os resultados 7

36 1.36 Haroldo Peon Persuasão e rede de contatos •Sempre se deve manter contato com as pessoas que podem se tornar fonte de informações e/ou soluções. 8

37 1.37 Haroldo Peon •O empreendedor é sempre autodeterminado, •sabe tomar decisões com segurança. •Acredita em si e na capacidade de realizar •sonhos e projetos. 9 Autoconfiança

38 1.38 Haroldo Peon Busca de oportunidades e iniciativa •O empreendedor identifica uma boa oportunidade e faz acontecer. •O mercado muda o tempo todo. •Situação do país e do mundo. 10

39 1.39 Haroldo Peon Associativismo •Outro conceito de desenvolvimento em que o empresário do 3º milênio deve ter é sobre o Associativismo. •Quebrar paradigma e unir as concorrências em prol do crescimento de um setor (fortalecimento e exportação) 11

40 1.40 Haroldo Peon O papel do Empreendedor no 3º milênio

41 1.41 Haroldo Peon •Ouse, mas seja moderado; •não tenha medo de errar; •transmita credibilidade, ética; •tenha suas próprias alternativas e seja persistente; •seja crítico e analítico; •tenha objetivos e seja objetivo

42 1.42 Haroldo Peon

43 1.43 Haroldo Peon

44 1.44 Haroldo Peon ( 1 ) A. Tento melhorar as coisas e, para isso, tomo muito como base as expe- riências passadas. Para mim, o futu- ro é a melhor reprodução do passado e do presente. B. Gosto de pensar no futuro como um lugar onde tudo é possível, indepen- dentemente dos obstáculos do pre- sente.

45 1.45 Haroldo Peon ( 2 ) A. Acredito que a pressão do dia-a-dia é geradora de boas idéias. O homem só cria quando em situação de escassez e de sobrevivência. B. Acredito que as boas idéias advêm de uma visão ampla do ambiente e de não colocar limites no exercício de imaginar.

46 1.46 Haroldo Peon ( 3 ) A. O mundo está progredindo. As pes- soas querem fazer o melhor e se esfor- çam para isso. B. Acho que as coisas seriam melhores se todos colaborassem. Muitas vezes sou cético em relação às pessoas e ao mundo.

47 1.47 Haroldo Peon ( 4 ) A. “Em time que está ganhando não se mexe”. B. “Em time que está ganhando também se mexe”.

48 1.48 Haroldo Peon ( 5 ) A. Apesar de meus resultados geral- mente ficarem aquém, ainda assim continuo insistindo em minhas expectativas. B. Fico feliz quando vejo que os resul- tados excedem as expectativas.

49 1.49 Haroldo Peon ( 6 ) A. Para mim, o que interessa é saber porque e o quê, antes do como. B. Sou prático e gosto de saber logo como fazer para atingir os objetivos.

50 1.50 Haroldo Peon ( 7 ) A. “É melhor um passarinho na mão do que dois voando”. B. “É melhor dois passarinhos voando do que um na mão”.

51 1.51 Haroldo Peon ( 8 ) A. Gosto muito do meu trabalho, mas acho que seria menos extressante se não houvesse tantos problemas. B. Gosto muito de resolver os proble- mas e aprender com eles. Não vejo muita diferença entre problemas e oportunidades.

52 1.52 Haroldo Peon ( 9 ) A. Sempre que penso em aumentar os resultados, lembro logo da equa- ção receita – despesas = lucro. B. Sempre que penso em aumentar os resultados, lembro logo das necessidades dos clientes e da melhor forma em superá-las.

53 1.53 Haroldo Peon ( 10 ) A. Prefiro pedir desculpas a permissão. B. Prefiro pedir permissão a desculpas.

54 1.54 Haroldo Peon ( 11 ) A. Acredito que uma empresa exista para gerar lucros. B. Acredito que uma empresa exista para atender a alguma demanda do mercado.

55 1.55 Haroldo Peon ( 12 ) A. Acho fundamental estar atento às ações da concorrência. B. Gosto de pensar no futuro como um lugar onde tudo é possível, indepen- dentemente dos obstáculos do pre- sente.

56 1.56 Haroldo Peon ( 13 ) A. Tenho dificuldades de antever as principais barreiras e dificuldades quando implemento uma nova idéia. B. Sou capaz de antever com uma certa precisão as barreiras e as dificuldades que irei enfrentar para implementar uma nova idéia.

57 1.57 Haroldo Peon ( 14 ) A. Costumo transmitir uma forte dose de autoconfiança ao apresentar as minhas idéias e estratégias a outra pessoas. B. Nem sempre consigo convencer as pessoas sobre as minhas idéias e estratégias.

58 1.58 Haroldo Peon ( 15 ) A. Tenho facilidade de agregar e aglutinar pessoas em torno de uma idéia comum e mantê-las motivadas. B. Percebo que nem sempre consigo agregar e aglutinar pessoas em torno de uma idéia comum.

59 1.59 Haroldo Peon

60 1.60 Haroldo Peon Acima de 37 pontos: você é um empreendedor de primeira! -Se ainda não abriu o seu próprio negócio, o que está espe- rando? Coloque todo o seu talento empreendedor em favor de um determinado mercado e vá em frente! -Se já possui a sua própria empresa, continue empreenden- do sempre! Muitos empreendedores competentes no passa- do transformaram-se em técnicos burocratas. Mantenha-se em guarda para que isso não aconteça com você.

61 1.61 Haroldo Peon Entre 17 e 37 pontos : sua capacidade empreendedora está à espera de que você a utilize plenamente. Algumas bar- reiras ainda estão impedindo que você seja um empreen- dedor completo. Incertezas sobre o futuro? Medo de assu- mir riscos? Falta de otimismo? Coragem, persistência e determinação são características do empreendedor. Empre- ender é também um ato de fé! Abaixo de 17 pontos: paradigmas e bloqueios mentais são os nossos principais inimigos. Você também é dotado do poder de fazer a diferença. Pense nisso!


Carregar ppt "1.1 Haroldo Peon EMPREENDEDORISMO. 1.2 Haroldo Peon."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google