A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

- Comum - Não voa - Alimentação fácil - Medrosa - Destino final: panela.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "- Comum - Não voa - Alimentação fácil - Medrosa - Destino final: panela."— Transcrição da apresentação:

1

2 - Comum - Não voa - Alimentação fácil - Medrosa - Destino final: panela

3 - Raro - Voa alto - Alimentação (caça) - Corajoso - Destino final: renovação

4 O QUE ACONTECERIA SE UM OVO DE ÁGUIA PARASSE EM UM GALINHEIRO?

5 Um camponês criou um filhotinho de águia junto com suas galinhas e passou a tratá-la da mesma maneira que tratava as galinhas, de modo que ela pensasse que também era uma galinha. Dando a mesma comida jogada no chão, a mesma água num bebedouro rente ao solo, e fazendo-a ciscar para complementar a alimentação, como se fosse uma galinha. E a águia passou a se portar como se galinha fosse,embora a águia fosse o rei/rainha de todos os pássaros.

6 Depois de alguns anos, este homem recebeu em sua casa a visita de um naturalista. Enquanto passeavam pelo jardim, disse o naturalista: - Isto não é uma galinha, é uma águia! De fato – disse o camponês. É águia. Mas eu criei como galinha. Ela não é mas uma águia. Transformou-se em galinha como as outras, apesar das asas de quase três metros de extensão.

7 -Não – retrucou o naturalista. Ela é e será sempre uma águia. Pois tem um coração de águia. Este coração a fará um dia voar às alturas -Não, não – insistiu o camponês. Ela virou galinha e jamais voará como águia. Então decidiram fazer uma prova. O naturalista tomou a águia, ergueu-a bem alto e desafiando-a disse: - Já que você de fato é uma águia, já que você pertence ao céu e não a terra, então abra suas asas e voe!

8

9 A águia pousou sobre o braço estendido do naturalista. Olhava distraidamente ao redor. Viu as galinhas lá embaixo, ciscando grãos. E pulou para junto delas. O camponês comentou: - Eu lhe disse, ela virou uma simples galinha! -Não – tornou a insistir o naturalista. Ela é uma águia. E uma águia será sempre uma águia. Vamos experimentar novamente amanhã.

10 No dia seguinte, o naturalista subiu com a águia no teto da casa. Sussurrou-lhe: - Águia, já que você é uma águia, abra as suas asas e voe! Mas quando a águia viu lá embaixo as galinhas, ciscando o chão, pulou e foi para junto delas. O camponês sorriu e voltou à carga: - Eu lhe havia dito, ela virou galinha! O naturalista disse: - Amanhã, veremos...

11 No dia seguinte, logo de manhã, eles subiram até o alto de uma montanha. O naturalista levantou a águia e disse: - Águia, veja este horizonte, veja o sol lá em cima, e os campos verdes lá em baixo, veja, todas estas nuvens podem ser suas. Desperte para sua natureza, e voe como águia que és...A águia começou a ver tudo aquilo, e foi ficando maravilhada com a beleza das coisas que nunca tinha visto, ficou um pouco confusa no inicio, sem entender o porquê tinha ficado tanto tempo alienada.

12 Então ela sentiu seu sangue de águia correr nas veias, perfilou, de vagar, suas asas e partiu num vôo lindo, até que desapareceu no horizonte azul.

13


Carregar ppt "- Comum - Não voa - Alimentação fácil - Medrosa - Destino final: panela."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google