A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O que aconteceria se o consumo de alimentos de origem animal caísse pela metade? Aluna Especial: Petra Kaari Prof. Dr. Demétrios Christofidis Brasília.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O que aconteceria se o consumo de alimentos de origem animal caísse pela metade? Aluna Especial: Petra Kaari Prof. Dr. Demétrios Christofidis Brasília."— Transcrição da apresentação:

1 O que aconteceria se o consumo de alimentos de origem animal caísse pela metade? Aluna Especial: Petra Kaari Prof. Dr. Demétrios Christofidis Brasília - DF, junho de Universidade de Brasília Centro de Desenvolvimento Sustentável Disciplina: Gestão de Recursos Hídricos

2 852 milhões de pessoas no mundo passam fome crônica (Worldwatch Institute, maio, 2005) 1,1 bilhão não dispõem de água suficiente para a produção de alimentos (FAO, 2004) 1,7 bilhão não dispõem de água potável para beber. (Globio-ONU, 2000) Panorama mundial:

3 De toda água captada no mundo, 70% é utilizada na produção de alimentos (agricultura e pecuária) Países mais pobres e com baixa disponibilidade hídrica, como os da África subsaariana, consomem até 90% de toda água captada no país. Prática Insustentável ! A produção de alimentos está diretamente associada à questão da água.

4 FONTE: WORLD BANK ATLAS DISPONIBILIDADE HÍDRICA NO MUNDO Países mais pobres também são os países com menor disponibilidade hídrica e onde há o maior crescimento populacional

5 PORQUE SE CONSOME TANTA ÁGUA NA PRODUÇÃO DE ALIMENTOS? baixa eficiência hídrica na captação, distribuição e manejo dos cultivos; alto consumo de água para o cultivo de grãos e baixa eficiência hídrica na conversão de alimentos de origem vegetal (grãos) em animal (carne, laticínios...) Os grãos respondem por 80% da dieta alimentar humana e animal

6 Consumo de ÁGUA por quilo de: Fonte: Christofidis, D a litros 3000 a 4000 l 2000 a 2500 litros 2000 litros 3300 litros 6600 litros 5000 litros

7 PRODUÇÃO DE CEREAIS E SOJA * * millhões de toneladas Fonte: FAOSTAT, data 2005 ² 1 milhão ton consome 2 bilhões ton água Cereais em gl¹ Mundo Brasil33,232,545,964,3 Soja² Mundo Brasil 1519,932,749,2 40% de toda a produção mundial de GRÃOS é destinada à PECUÁRIA, isso significou, em 2004, cerca de 900 MILHÕES TONELADAS DE GRÃOS, o equivalente a 900 BILHÕES DE TONELADAS DE ÁGUA ! ¹ 1 milhão ton consome 1 bilhão ton água

8 PRODUÇÃO DE CARNE * carne de boi e vitela¹ Mundo45,5100%53,3100%58,7100% Brasil2,86,15%4,17,71%7,713,24% carne de frango² Mundo22,9100%35,4100%67,7100% Brasil1,35,6%2,36,64%8,612,80% carne de porco³ Mundo52,7100%69,8100%100,3100% Brasil11,9%1,11,50%3,13,09% carne em geral Mundo136,7100%179,9100%257,5100% Brasil5,33,8%7,74,28%19,97,73% ¹1 milhão ton: 7 a 14 bilhões ton água ²1 milhão ton: 2 a 2,5 bilhões ton água ³1 milhão ton: 3 a 4 bilhões de ton água FAOSTAT data, 2005 *millhões toneladas Em 2004, foram consumidos no mundo no mínimo 845 bilhões de ton de água na produção de carne bovina, suína e de frango.

9 PRODUÇÃO DE LEITE E OVOS * * millhões de toneladas Fonte: FAOSTAT, data 2005 ² 1 milhão ton consome 3,3 bilhões ton água Leite¹ Mundo465,5542,5578,7613,4 Brasil121520,523,5 Ovos² Mundo 27,437,555,662,7 Brasil 0,81,21,51,6 ¹ 1 milhão ton consome 5 bilhões ton água Em 2004, foram consumidos cerca de 3 trilhões ton água na produção do leite e 200 bilhões ton na produção de ovos

10 Consumo Mundial de Calorias 15% da população mundial, que vivem nos países industrializados, consome 37% de toda carne produzida no mundo e 40% do leite. A média nesses países é de 88kg carne/hab/ano, enquanto em países em desenvolvimento essa média cai para 25. (FAO, Livestock commodities)

11 Se caísse pela metade o consumo mundial de carne bovina, suína e de frango: Pouparia, no ano de 2004, cerca de 450 bilhões de ton de água/ano ou 450 milhões ton grãos Possibilitaria um aumento de cerca de 47 milhões de hectares de área irrigada (considerando a média de consumo de 9436 m³/ha/ano) Possibilitaria um aumento em torno de 3% da área irrigada e 7% na produção mundial agrícola por irrigação, ou seja, cresceria para 21,3% a área total cultivada e produziria 49% da produção agrícola mundial (274,2 milhões de hectares irrigados correspondem a 18,3% da área mundial cultivada e produzem 42% do total de colheitas agrícolas – FAO/1998) Possibilitaria diminuir 136 milhões de área agrícola sob sequeiro (3,3 milhões de ha irrigados poupam 10 milhões ha por sequeiro, Christofidis, D.) Poderiam ser consumidas diretamente na dieta humana 450 milhões de toneladas de grãos - 20% produção mundial de 2004 Possibilitaria alimentar 1,5 bilhão de pessoas (considerando a média de consumo mundial de 300kg grãos/hab/ano)

12 Se caísse pela metade o consumo mundial de leite e ovos: Pouparia 1533,5 bilhões de ton de água/ano com a redução pela metade do consumo mundial de leite, considerando a produção mundial no ano de Pouparia 103,455 bilhões de ton de água/ano com a redução pela metade do consumo mundial de ovos, em 2004.

13 Ganhos Ambientais: Diminuiria a expansão agrícola e pecuária sobre as áreas de floresta ( cerca de oito milhões de hectares da Amazônia Ocidental estão, atualmente, ocupados com pastagens cultivadas itinerantes) Reduziria a degradação do solo Considerando que cerca de 40% da produção mundial de grãos é destinada à pecuária, uma queda pela metade resultaria na diminuição em 20% da produção de grãos. Só no Estado de São Paulo, se a produção de soja caísse 20% em 2004 pouparia da erosão 250 milhões toneladas de solo (com base no GEO Brasil 2002) O Brasil produz cerca de 23,9% de toda a soja mundial, uma queda de 20% significaria quase 20 bilhões de toneladas de água poupada A diminuição do consumo de 160 bi ton água (correspondente a 160 milhões ton grãos), possibilitaria estabilizar os lençóis freáticos do mundo (com base no Worldwatch Institute)

14 Educação ambiental, informação, mudança de padrão alimentar Processo de longo prazo que deve começar no presente, na formação das novas gerações.


Carregar ppt "O que aconteceria se o consumo de alimentos de origem animal caísse pela metade? Aluna Especial: Petra Kaari Prof. Dr. Demétrios Christofidis Brasília."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google