A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RELATÓRIO DE TRABALHO NA INHACA De 3 a 13 de Julho de 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RELATÓRIO DE TRABALHO NA INHACA De 3 a 13 de Julho de 2010."— Transcrição da apresentação:

1 RELATÓRIO DE TRABALHO NA INHACA De 3 a 13 de Julho de 2010

2 1. Introdução Foi conduzida pela Chalmers University of Tecnology, representada pelo Doutor Linus Hammar em coordenação com a Universidade Eduardo Mondlane, representada pelo Doutor Francisco Gemo Francisco onde a DNER representada pelo dr. Caixote participou como convidado. A pesquisa consistiu na medição de correntes de marés em tres locais nomeadamente o canal da Inhaca proxima as barreiras vermelhas, estreito da ponta torres e canal da ponta torres estes dois ultimos locais estão ao longo do canal de Machangulo.

3 2. Objectivos Objectivo Geral Objectivos especificos

4 2.1.Objectivo Geral Pesquisa e avaliação do potencial da energia das marés para produção de electricidade

5 2.2. Objectivos especificos Localização dos locais propostos Medir correntes de maré Mapeamento dos locais identificados

6 2.2.1 Localização dos locais propostos Foto: Barco usado na pesquisa Foto: Momemento da localizacao do local de estudo

7 Localização dos locais propostos (continuacao) Canal de Inhaca Estreito da ponta Tores Canal da ponta Tores Figura: Mapa da baia de Maputo

8 a) Instrumentos para localizacao dos locais Foto: GPS usado na pesquisa Foto: Sonar para medir profundidade

9 5. Medição de correntes das Marés Correntes de marés na maré morta Correntes de maré na maré viva Foto: Durante a more morta Foto: Durante a mare viva

10 5. Medição de correntes das Marés (Cont.) Boias de sustentaçao do correntometro Fotos: Durante a amracao do correntometro

11 5. Medição de correntes das Marés (Cont.) Boia de sinalizacao Boias de sustentacao do correntometro Correntometro Ancoras Peso Figura : A figura ilustra o esquema de amaracao do correntometro Sinalizacao do correntometro

12 5. Medição de correntes de Marés (Cont.) Foto: Momento de instalacao do correntometro Foto: Correntometro instalado

13 6.Resultados Local: Canal de InhacaMaré MortaMaré viva Profundidade (metros)1615 Velocidade Maxima (cm/s)5057 Velocidade Media (cm/s)4452 Velocidade Minima (cm/s)11 Local: Estreito da Ponta TorresMaré MortaMaré viva Profundidade (metros)1715 Velocidade Maxima (cm/s)90110 Velocidade Media (cm/s)7588 Velocidade Minima (cm/s)072 Local: Canal da Ponta TorresMaré MortaMaré viva Profundidade (metros)10 Velocidade Maxima (cm/s)125 Velocidade Media (cm/s)88 Velocidade Minima (cm/s)1

14 7.Constrangimentos O intrumento foi removido antes de fazer 24 horas por operador turistico O instrumento ficou preso e teve que ficar durante 40 horas Foto: Momento de recuperacao do instrumento Foto: Momento de resgate do equipamento preso

15 8.Comclusoes A corrente maxima verifica-se na mare viva As maiores correntes encontram-se no canal da Ponta Tores Pela dimensao da costa Mocambicana ha potencial

16 9.Recomendacoes Condicoes financeiras de modo a participarmos em todo processo desta pesquisas desta Criar acordos com parceiros que estejam interesados em desenvolver estudos e tecnologias de estrcao de energias dos oceanos.

17 O B R I G A D O !


Carregar ppt "RELATÓRIO DE TRABALHO NA INHACA De 3 a 13 de Julho de 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google