A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

+ Curso Profissional Técnico de Restauração Variante Restaurante-Bar Nível III Módulo 2 Base de dados TI C.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "+ Curso Profissional Técnico de Restauração Variante Restaurante-Bar Nível III Módulo 2 Base de dados TI C."— Transcrição da apresentação:

1

2 + Curso Profissional Técnico de Restauração Variante Restaurante-Bar Nível III Módulo 2 Base de dados TI C

3 + Introdução Há muito, muito tempo, antes da escrita ser inventada, todo o conhecimento estava com os mais velhos que, na altura em que achavam conveniente, o transmitiam a outros mais novos que, por sua vez, tomavam o lugar dos mais velhos e assim por diante. 2

4 + Depois, veio a invenção da escrita e o registo das informações começou a ser feito em papel. Pouco depois, surgiram os livros e, pouco tempo depois, as bibliotecas. Com elas, os bibliotecários. E os bibliotecários, pessoas muito organizadas, criaram formas de organizar as informações sobre os livros que tinham à sua confiança. E depois dos livros, os leitores e depois as requisições e as devoluções e... 3 Introdução

5 + 4 Assim nasceram aqueles armários com gavetas onde estavam arquivadas fichas de livros e leitores, quase sempre organizados por ordem alfabética de títulos, nomes, etc. Introdução

6 + Quando surgiram os computadores, foi fácil perceber que eles eram óptimos a armazenar, ordenar e pesquisar os dados contidos nas tais fichas. Os ficheiros que continham esses dados estavam organizados em tabelas em que cada linha tinha a designação de registo e cada coluna, a designação de campo. 5 Introdução

7 + Daí que, na década de 60, tenham nascido as bases de dados. E, com elas, várias ideias sobre como organizá-las, já que começava a ficar claro para os especialistas em ciências da computação, que a organização dos dados ao nível dos computadores não tinha que ser a mesma que era usada fora deles. Foi aí que surgiram os modelos de bases de dados - descrições das formas de como os dados podem ser organizados e consultados.. 6 Introdução

8 + O que é uma base de dados? 7 … é uma colecção de dados, organizados, que se relacionam… INFORMAÇÃO … é INFORMAÇÃO … ou em suporte digital… em papel, …

9 + Dados e Informação Dados Os Dados são os elementos isolados, significativos, rigorosos e relevantes. Podem ser vistos como a matéria-prima necessária para um determinado processamento. Informação Podemos entender Informação como um conjunto de dados, organizados e sujeitos a um tratamento, tornando assim possível a sua utilização num determinado contexto. Os dados não têm qualquer valor e só se transformam em informação quando relacionados. 8

10 + Dados e Informação Exemplo: A frase: O João comprou 2 canetas é informação. Os dados que permitiram criar essa informação são: João, comprou, 2 e canetas. 9 Um dado, quando isolado, não tem significado.

11 + Dados e Informação Uma informação actual e correcta só é possível se os seus dados estiverem actualizados e forem precisos. De outra forma, a nossa informação não será útil. 10

12 + Objectivos 11 Lembra-te de algumas razões para informatizar uma base de dados! Lembra-te de algumas razões para informatizar uma base de dados! maior rapidez de consulta maior rapidez de consulta mais variedade na combinação dos dados – mais informação mais variedade na combinação dos dados – mais informação menos repetições de dados – maior fiabilidade menos repetições de dados – maior fiabilidade … e ainda muitas outras razões de que te lembraste! maior economia de papel maior economia de papel

13 + Ferramentas 12 Existem no mercado muitas ferramentas para informatizar uma base de dados: Exemplos: ORACLE Microsoft SQL Server Ingres Informix DB2 MySQL Dbase FoxPro Microsoft Access Informix

14 + Ferramentas 13 No nosso caso iremos trabalhar com o Access, um dos mais divulgados para o ambiente Windows.

15 + Sistema de Gestão de Bases de Dados As ferramentas citadas anteriormente são exemplos de Sistemas de Gestão de Bases de Dados (SGBD). Os SGBD são software que disponibiliza todos os serviços básicos, como a criação, o acesso e a manutenção da informação numa base de dados. As bases de dados são um conjunto de dados estruturados e manipulados através de um SGBD. 14

16 + Característica dos SGBD Capacidade de processar grandes quantidades de informação, tais como: Sistemas de armazenamento de operações bancárias; Base de dados empresariais com vários tipos de informação (ex.: vendas, funcionários, clientes, fornecedores, facturação); Sistemas de reservas de companhias de aviação; Sistemas de companhias de seguros. 15

17 + Construção de uma base de dados 16 Para construíres uma base de dados… … terás que reflectir sobre alguns aspectos: Qual o tema que eleges para a tua BD? (a tua agenda de moradas, as tuas músicas, os desafios e os golos do teu clube, os tempos e classificações do campeonato de F1, as tuas receitas, etc.), Que perguntas queres fazer à tua BD? (quantos…, quais…, que…, desde quando, etc.), Onde coleccionar os dados para introduzir na tua BD? (na internet, nos teus arquivos, em revistas, etc).

18 + Tabelas Começamos por definir as Tabelas, isto é, … 17 … as gavetas dos dados… arrumamos melhor os dados se os distribuirmos, segundo um critério, por várias gavetas…

19 + Tabelas, Registos e Campos Um objecto fundamental quando estamos perante um sistema informático é uma Tabela. Uma Tabela encontra-se estruturada em linhas e colunas. As linhas são designadas por Registos e as colunas por Campos. Cada um dos registos (linhas) contém apenas os dados de um elemento, organizados em campos (colunas). 18

20 + Tabelas, Registos e Campos 19 Uma estrutura deste género facilita eventuais alterações aos dados da lista de contactos, já que, para cada pessoa, todos os dados estão inseridos na mesma linha.

21 + Tabelas, Registos e Campos Todas as operações de manutenção dos dados de uma Tabela são realizadas individualmente para cada um dos Registos. Isto é, se for necessário alterar algum dado num determinado contacto (pessoa), acedemos directamente ao Registo em causa e efectuamos essa alteração no respectivo Campo. 20

22 + Exemplos de Bases de Dados 1. Agenda de contactos: Tens com certeza uma agenda com os contactos dos teus amigos e, eventualmente, outras informações como a sua data de nascimento ou o endereço de correio electrónico. É perfeitamente possível guardar essa informação no computador e assim obter uma base de dados sobre os teus amigos, na medida em que essa agenda é uma colecção de dados sobre eles: Os dados a incluir poderiam ser os seguintes: NomeMorada Telefone FixoTelefone móvel Data de nascimentoFotografia 21

23 + Exemplos de Bases de Dados 2. Colecção de cd´s áudio. Podes guardar informações sobre a tua colecção de cd´s áudio numa base de dados. Alguns dados possíveis seriam: Título Intérprete Tipo de música Data de aquisição Modo de aquisição Faixas: número da faixa, título, duração, etc. 22

24 + Exemplos de Bases de Dados Clientes de um médico Exemplo: NomeConsultas: Data de nascimento Data Sexo Notas Morada Medicação receitada Contacto telefónico Designação do medicamento Profissão Número de embalagens Posologia 23

25 + Operações numa base de dados Imagina agora que tens a agenda telefónica com os contactos dos teus amigos. Se quiseres, podes organizar essa informação no teu computador e usar um programa adequado a operações como: 24


Carregar ppt "+ Curso Profissional Técnico de Restauração Variante Restaurante-Bar Nível III Módulo 2 Base de dados TI C."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google