A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Categorias de Documentos XML Documento Orientado a Dados (DOD) –fracamente semi-estruturado representação de dados mais homogênea e estruturada Beira-Mar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Categorias de Documentos XML Documento Orientado a Dados (DOD) –fracamente semi-estruturado representação de dados mais homogênea e estruturada Beira-Mar."— Transcrição da apresentação:

1 Categorias de Documentos XML Documento Orientado a Dados (DOD) –fracamente semi-estruturado representação de dados mais homogênea e estruturada Beira-Mar 104 apto 203 centro Fpolis Lauro Linhares 761 trindade Fpolis

2 Categorias de Docs XML Documento Orientado a Documento (DODoc) –fortemente semi-estruturado representação fortemente textual Vendo, por motivo de viagem, automóvel Gol I 97, cor azul, em ótimo estado de conservação. Preço: R$ 9000,00. Tratar com Pedro fone Atenção! Se você deseja vender o seu veículo, nós realizamos o melhor negócio. Compramos qq tipo de veículo. Ligue-nos: ou envie um e- mail:

3 BD estendido para lidar com dados XML –mais adequado a DODs –funcionalidades para tratamento de dados XML aplicadas a um BD com um modelo lógico e físico diferente BD Relacional, BDOO,... –pode apresentar um modelo lógico para dados XML ou apenas definir um mapeamento de um esquema lógico XML para o esquema lógico do BD BD XML nativo –mais adequado a DODocs –gerenciamento específico de dados XML Tipos de BDs para XML

4 BD XML Nativo Suporta um modelo lógico para dados XML –requisitos mínimos definição de elementos, atributos, #PCDATA e ordem Define um modelo de armazenamento físico proprietário para dados XML Adequado a –docs XML fortemente semi-estruturados mapeamento para BD relacional seria complexo! –aplicações que lidam apenas com dados no formato XML

5 BD XML Nativo - Características Objetivo –discussão de características encontradas ou desejadas em BDs XML Nativos Estudo de Caso –SGBD XML Tamino (www.softwareag.com/tamino) Transaction Architecture for the Management of INternet Objects servidor de dados XML desenvolvido pela Software AG

6 Coleções Noção lógica de um conjunto de docs XML –a decisão sobre quais docs XML pertencem a uma coleção fica em geral a cargo da aplicação + : flexibilidade quanto ao conteúdo da coleção - : baixo nível de integridade dos dados –em alguns casos, um esquema XML fixo pode ser associado a uma coleção Consultas e atualizações podem ser direcionadas a coleções

7 Coleções - Tamino 1 BD – n coleções – n esquemas com n tipos de documentos –tipo de documento: definição de elemento raiz – novo doc XML: inserido em uma coleção e válido para algum tipo doc Docs sem esquema mantidos na coleção ino:etc tipos de documentos

8 Consultas Suporte a pelo menos uma linguagem de consulta para XML –uso mais extensivo de XPath –uso de alguns dialetos da XQuery (tendência!) Características desejadas para uma linguagem de consulta para XML –busca por padrões (análise de conteúdo textual) –consultas declarativas –resultados de consultas doc XML, fragmentos de docs XML ou novas estruturas XML

9 Consultas - Tamino Suporte a Xpath (chamada X-Query) e XQuery estendidos Geração de docs XML como resultado busca por padrão

10 Atualizações Capacidades de atualização são variadas –possibilidade apenas de substituição de um doc XML completo –API DOM para atualização de nodos –linguagens de atualização declarativas exemplo: XUpdate (consórcio XML:DB) XML:DB –consórcio de empresas responsável pelo desenvolvimento de tecnologias para BDs XML tendência (?): XQuery como linguagem de atualização

11 XUpdate Sintaxe XML –I / E de elementos, atributos e texto –A do conteúdo de elementos e atributos Exemplo 1: (inclusão de um novo para Maria) Exemplo 2: (remoção do primeiro livro)

12 Atualizações - Tamino XQuery possui capacidades de atualização –insert, delete, rename e replace Exemplos – update (inserção de autor) for $liv in input()/livro where $liv/titulo = XML do(insert ( João Silva ) following $liv/autor[last()]) –update (alteração de de autor) for $aut in input()/livro/autor where $aut/nome = Maria Souza do (replace $aut/ with ( ))

13 Gerência de Transações Controle convencional de concorrência e recuperação contra falhas Granularidade de bloqueios –coleção –doc XML (bloqueio usual – baixo nível de concorrência) –elementos

14 Gerência de Transações - Tamino Conceitos de transação e sessão –várias transações podem ocorrer dentro de uma sessão –interrupção da sessão implica rollback de todas as transações pendentes mecanismo de log e backup de dados –deadlock transação mais recente tem prioridade Granularidade de bloqueio é sempre o doc XML –existe um limite máximo de tempo para manter um doc bloqueado

15 Conectividade Interface ODBC –conexão com o BD, execução de consultas e atualizações e exploração de resultados Protocolos HTTP –acesso via browsers Web (alguns BDs) Consórcio XML:DB –propõe uma API para BDs XML manipulação de BDs e coleções; execução de consultas Xpath e XUpdate; acesso a resultados de consultas; controle de transações

16 Conectividade - Tamino Interface principal de acesso é HTTP –um servidor Tamino deve estar sempre associado a um Web server (domínio Internet) –define uma API que encapsula chamadas HTTP criação e manipulação de BDs, coleções e docs –acesso: /tamino/ /[ ] Outras formas de acesso –API DOM para Java –API XML:DB

17 Tamino – Conectividade HTTP

18 Round-Tripping Capacidade de recuperação integral de um doc XML –seqüência textual exata do doc Precisão do round-tripping é diretamente proporcional ao poder de expressão do modelo lógico –BDs XML garantem pelo menos round-tripping a nível de elementos, atributos e seus conteúdos

19 Round-Tripping - Tamino Duas formas de armazenamento –campo longo CLOB utilizado em geral para docs XML sem esquema índices de texto podem ser definidos –permite buscas por padrões 100% round-tripping –formato nativo esquema de objetos proprietário índices sobre elementos e atributos podem ser definidos garante round-tripping a nível de hierarquia de elementos

20 Integridade Semântica RIs a nível de esquemas XML são limitadas –ordem hierárquica e restrições de cardinalidade –tipo de dado de elementos e atributos –valores permitidos –integridade referencial dentro de um documento XML (recursos do tipo ID/IDREF ou key/keyref) Basicamente estas RIs são controladas em BDs XML Carência de um mecanismo de integridade mais robusto –similar a BD relacional (checks, triggers,...)

21 Integridade Semântica - Tamino Definição de valores possíveis (fixos, defaults, enumerações,...) Integridade referencial controlada por funções de extensão (para cada caso indicado na trigger) controles de integridade

22 Armazenamento Docs XML in-natura tratados como uma caixa preta –deseja-se preservar o texto do documento indexação apenas textual (por palavra-chave) Objetos DOM que representam os dados XML (+ usado) armazenamento clusterizado de objetos – nodos próximos na hierarquia do doc XML são armazenados próximos fisicamente através de uma busca em largura ou profundidade –facilita indexação e busca de uma hierarquia de objetos apenas os elementos de mais alto nível precisam ser indexados os demais elementos são buscados via varredura linear

23 Indexação Indexação por valor –para elementos e atributos Indexação de texto do doc XML Indexação de estrutura –indexação de nodos do doc XMO associada a técnicas para localização de nodos filhos facilita consultas em docs XML sem esquema –não se sabe quais elementos filhos um elemento possui

24 Indexação – SGBD eXist Índices são IDs numéricos para nodos, com uma numeração dada por uma busca em largura –supondo uma árvore sempre completa (nodos virtuais) –certas propriedades da árvore permitem calcular o ID de nodos filhos, pai, irmãos,... ex.: maxFilhos = 4 filhos de X [ID(X)*4+1, ID(X)*4+4] livro título preço nome mail autor 0 nome mail XML & BD

25 Referências Tecnologia XML –http://www.w3c.org/xml XML & BD –http://www.rpbourret.com/xml/XMLAndDatabases.htm SQL/XML –http://otn.oracle.com/tech/xml/xmldb/htdocs/sql_xml.html XML:DB – SGBD XML Tamino –http://www.softwareag.com/tamino


Carregar ppt "Categorias de Documentos XML Documento Orientado a Dados (DOD) –fracamente semi-estruturado representação de dados mais homogênea e estruturada Beira-Mar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google