A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AMÉRICA LATINA GEOGRAFIA PROF. EDUARDO. REGIONALIZAÇÕES DA AMÉRICA Existem 2 tipos principais: 1ª Regionalização: Leva em consideração a localização geográfica:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AMÉRICA LATINA GEOGRAFIA PROF. EDUARDO. REGIONALIZAÇÕES DA AMÉRICA Existem 2 tipos principais: 1ª Regionalização: Leva em consideração a localização geográfica:"— Transcrição da apresentação:

1 AMÉRICA LATINA GEOGRAFIA PROF. EDUARDO

2 REGIONALIZAÇÕES DA AMÉRICA Existem 2 tipos principais: 1ª Regionalização: Leva em consideração a localização geográfica: América do Norte, América Central e América do Sul. 2ª Regionalização: Leva em consideração as características linguisticas e influência cultural (influência espanhola, portuguesa, francesa e inglesa), essa regionalização divide a América em: América Anglo-saxônica (influência principal dos ingleses) e América Latina (influência principal de espanhóis e portugueses).

3 A ORIGEM A divisão da América em duas regiões, América Anglo-saxônica e América Latina parte de um conceito étnico-lingüístico, isto é, a influência dominante em uma parte da América de colonizadores de origem saxônia (EUA e Canadá) e na outra de povos de origem latina. Mas, na realidade, essa divisão expressa as diferenças profundas do ponto de vista sócio- econômica. Sim, temos duas Américas, uma desenvolvida e outra subdesenvolvida. É este o aspecto relevante dessa divisão.

4 A diferença entre a América Anglo-Saxônica e a América Latina Decorrem do processo histórico de ocupação humana e econômica da América. O tipo de colonização determinou, em grande parte, a situação sócio- econômica atual.

5 Colonização de povoamento Predominante na América Anglo-saxônica. Baseava-se na pequena e média propriedade agrícola de base familiar; sua produção estava destinada à satisfação das necessidades do mercado interno; desenvolvimento da indústria doméstica, para depender cada vez menos dos artigos produzidos na metrópole; presença de imigrantes em grupos familiares, que buscavam livrar-se de perseguições religiosas ou crises econômicas em seus países de origem, fixando-se na nova terra, a fim de começar uma vida nova.

6 Colônias de exploração Aconteceu predominantemente na América Latina. Produção voltada para atender as necessidades do mercado Europeu; Estruturação de grandes propriedades (Plantation); utilização da mão de obra escrava.

7 Os países da América Latina, do ponto de vista socioeconômico Integram o mundo subdesenvolvido; Apresentam altas taxas de crescimento vegetativo; altos índices de mortalidade infantil; Apresentam baixa expectativa de vida ; Apresentam elevado índice de analfabetismo.

8 MAPA POLÍTICO DA AMÉRICA LATINA

9 Características do Subdesenvolvimento Forte dependência cientifica e tecnológica; Forte interferência de capital estrangeiro; Economia dependente de empréstimo externo; Relações comerciais muito desfavoráveis, pois exportam produtos primários (minerais e vegetais) e importam produtos industrializados. Populações vivendo em péssimas condições de vida; Baixa renda per-capita; Elevadas taxas de natalidade, mortalidade infantil; Alto índice de crescimento vegetativo.

10 No plano social Péssima distribuição da renda e a distribuição desigual da terra geram uma estratificação social onde existe uma minoria muito rica e uma maioria da população muito pobre, vivendo miseravelmente. Descaso com a saúde pública – como a falta de água tratada e de esgotos sanitários e a poluição dos rios e do meio ambiente em geral – produzindo doenças endêmicas (cólera, dengue, malária, etc.) que já foram extintas no mundo desenvolvido.

11 No plano político Embora a grande maioria dos países latino americanos tenham alcançado a independência política formal no século XIX, a influência dos países ricos se mantém. A ação imperialista da Inglaterra substituiu os vínculos colônia-metrópole no período até as Grandes Guerras. A partir daí a presença política e econômica dos EUA passou a ser avassaladora, com intervenções diretas ou indiretas nas questões internas desses países.

12 No plano econômico Predomínio de exportação de produtos agrícolas e de matérias-primas e importação de produtos industrializados, gerando assim uma desvantagem nas trocas comerciais, pois vendem seus produtos a um preço baixo e compram a um preço alto. Além do mais, a economia é dominada e dependente das grandes empresas, corporações poderosas e blocos econômicos.

13 No plano cultural Existe uma grande diversidade cultural, porém com a dependência econômica dos países subdesenvolvidos e o baixo nível de instrução levam as nações latino-americanas a transplantar e a imitar os modelos culturais impostos pelos países desenvolvidos. Dessa forma surgiu um vazio cultural dessas comunidades, onde o nacional e o local são desprezados pela criação da indústria cultural dos países desenvolvidos.

14 A América da miscigenação América branca (Argentina, Uruguai, Cuba e Costa Rica) América indígena (Peru, Paraguai, Bolívia e Guatemala) América mestiça (Brasil, Colômbia, México, Chile, Venezuela, Equador, El Salvador, Honduras, Nicarágua e Panamá). América mulata (República Dominicana, Porto Rico, Jamaica, Haiti e Cuba)

15 Fornecedora de matérias-primas A economia da América Latina, em geral, é considerada subdesenvolvida e do tipo dependente. Baseada na exportação de matérias-primas (baseado no setor primário: extrativismo, agropecuária), depende, bastante, do exterior, principalmente dos Estados Unidos, ainda que a situação vem melhorando. Alguns países vem se desenvolvendo em sua indústria (setor secundário) e nos serviços (sertor terciário), dentre esses países podemos destacar: México, Brasil, Chile, Argentina. Indústrias dependentes das transnacionais.

16 UMA GEOGRAFIA MOMUMENTAL Estendendo-se da América do Norte (México) ao Cabo Horn (Argentina), este continente, com mais de 17 milhões de quilômetros quadrados, é relativamente pequeno. No entanto, possui a maior floresta tropical do planeta, a Amazônia, que vai do Atlântico aos Andes.Uma das mais espetaculares biodiversidades do planeta. A Amazônia compreende quase metade da superfície do Brasil, embora abrigue um percentual reduzido da população do país.

17 Terra de contrastes Ao longo da costa ocidental, por onde se estende o sísmico cinturão de fogo do Pacífico, existem zonas de verdadeiros desertos, como o Atacama, no norte do Chile. A América do Sul dispõe de todos os tipos de formações campestres: as vastas pastagens dos pampas que, avançando em direção ao norte, vão se transformando gradativamente nas savanas do Chaco, enquanto no sul terminam como os planaltos secos da Patagônia. Nas planícies intertropicais, que recebem chuva principalmente durante o verão tropical, como os planaltos do Orinoco (Venezuela) e do Brasil Central, desenvolve-se a savana (Puno e cerrado).

18 Chaco

19 Atacama

20 Patagônia

21 AMAZÔNIA

22 PRAIAS DO CARIBE

23 Andes


Carregar ppt "AMÉRICA LATINA GEOGRAFIA PROF. EDUARDO. REGIONALIZAÇÕES DA AMÉRICA Existem 2 tipos principais: 1ª Regionalização: Leva em consideração a localização geográfica:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google