A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PARÓQUIA Nossa Senhora da Soledade. LITURGIA DA CRISMA Ungiu-me para anunciar a Boa – Nova.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PARÓQUIA Nossa Senhora da Soledade. LITURGIA DA CRISMA Ungiu-me para anunciar a Boa – Nova."— Transcrição da apresentação:

1 PARÓQUIA Nossa Senhora da Soledade

2 LITURGIA DA CRISMA Ungiu-me para anunciar a Boa – Nova

3 MOTIVAÇÃO O sacramento da Crisma completa a obra iniciada no Batismo. A crisma torna visível o dom do Espírito Santo na pessoa e traz o dom divino para seu crescimento espiritual. Deste modo toda a igreja cresce e se santifica, pois a pessoa torna-se sinal da presença e da ação do Espírito de Deus. A pessoa

4 que renasce no batismo enriquecido com o DOM DO ESPIRITO SANTO, e marcado por esse sacramento, fica perfeitamente unida à igreja e assume o compromisso de espalhar e defender a fé por palavras e atos, como testemunha de Cristo no mundo. Celebremos, esse momento, com jubilo e gratidão para com Deus.

5 CANTO DE ENTRADA Senhor, eu quero obedecer a Tua voz, derrama o Teu Espírito sobre todos nós. Senhor, eu quero mergulhar, me comprometer entrar na intimidade do Teu coração derrama em nós Tua unção.

6 Derrama o teu amor aqui! Faz chover sobre nós Água Viva! Derrama o teu amor aqui! Faz chover sobre nós Água Viva!

7 Uma Igreja renovada. Povo santo reunido. Famílias restauradas. Pelo poder do Teu Espírito!

8 Derrama o teu amor aqui! Faz chover sobre nós Água Viva! Derrama o teu amor aqui! Faz chover sobre nós Água Viva!

9

10 SAUDAÇÃO Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. - Amém.

11 Irmãos eleitos segundo a presciência de Deus Pai, pela santificação do Espírito para obedecer a Jesus Cristo e participar da bênção da aspersão do seu sangue, graça e paz vos sejam concedidas abundantemente. - Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de cristo.

12

13 ATO PENITENCIAL No dia em que celebramos a vitória de Cristo sobre o pecado e a morte, também nós somos convidados a morrer para o pecado e ressurgir para uma vida nova. Reconheçamos-nos necessitados da misericórdia do Pai. (pausa)

14 CANTO PENITENCIAL Eu confesso a Deus e a vós irmãos quantas vezes pequei não fui fiel. Pen- samentos e palavras, atitudes e omis- sões. Por minha culpa, tão grande culpa. Senhor piedade, Cristo piedade! Tem piedade, ó Senhor!

15 Peço a Virgem Maria nossa Mãe, a vós irmãos, rogueis por mim. A Deus Pai que nos perdoa E nos sustenta em sua mão, Por seu amor, tão grande amor. Senhor piedade, Cristo piedade! Tem piedade, ó Senhor!

16 Deus Todo-Poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. - Amém.

17

18 HINO DE LOUVOR Glória a Deus nas alturas, e paz na terra aos homens por Ele amados. Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai Todo-Poderoso: Nós vos louvamos, nós vos bendizemos, nós vos adora- mos, nós vos glorificamos, nós vos damos graça, por vossa imensa glória.

19 Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós. Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica. Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós.

20 Só vós sois o Santo, só vós o Senhor, só vós, o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Amém! (4x)

21

22 ORAÇÃO DA COLETA Oremos: Ó Deus de poder e misericór- dia, fazei que o Espírito Santo, vindo habitar em nossos corações, nos torne um templo da sua glória. Por nosso Senhor Jesus cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. - Amém.

23 MANTRA: FALA, QUE TEU SERVO ESCUTA. FALA, SENHOR, QUE TEU SERVO ESCUTA.

24

25 Cada um recebe um chamado particular de Jesus e, da resposta a esse convite, dependem toda a paz e felicidade verdadeiras. A autêntica sabedoria consiste em dizer sim a cada um dos convites que Cristo, Sabedoria Infinita, faz ao longo da nossa vida, porque Ele continua a percorrer as nossas ruas e praças.

26 PRIMEIRA LEITURA (Is a.8b-9) Leitura do Livro do Profeta Isaias O Espírito do Senhor repousa sobre mim, porque o Senhor me ungiu. Ele mandou-me anunciar a Boa-Nova aos pobres, curar os corações feridos, anunciar aos cativos a anistia e a liberdade aos prisioneiros. Anunciar um ano de graça da parte do Senhor, um dia de vingança para o nosso Deus, a

27 fim de consolar os aflitos e dar-lhes uma coroa em vez de cinzas; o óleo da alegria em vez de luto. Vós sereis chamados sacerdotes do Senhor. Eu, o Senhor, lhes darei fielmente a recom- pensa e selarei com eles uma aliança eterna. Célebre está sua raça entre as nações, e entre os povos a sua descendência. Todos aqueles que os

28 virem hão de reconhecer a linhagem bendita do Senhor. - Palavra do Senhor. - Graças a Deus.

29 SALMO RESPONSORIAL (21) (ref.) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o! a) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o. Glorificai-o, filhos de Jacó; Temei-o, vós todos, ó raça de Israel!

30 (ref.) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o! b) Pois ele nunca abandonou nem des- prezou um desgraçado em sua miséria; Nem ele escondeu a sua face, mas o ouviu quando lhe suplicava.

31 (ref.) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o! c) Os pobres comerão e ficarão sacia- dos; Louvarão ao Senhor aqueles que o procuram: A vós para sempre vida e ventura!

32 (ref.) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o! d) A terra inteira há de se lembrar e voltará para o Senhor, cada família das nações se prosternará diante dele.

33 (ref.) Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o! e) Eu para Ele vivo; minha descendên- cia o servirá; Hão de anunciar o Senhor às gerações futuras E proclamar sua justiça ao povo que vai nascer.

34 SEGUNDA LEITURA (Rm 8,14-17) Leitura da Carta de São Paulo Apóstolo aos Romanos: Irmãos: Todos aqueles que são guia- dos pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. Porque não recebestes um espírito de escravos, para voltar ao temor, mas recebestes um espírito de filhos adotivos, no qual clamamos: Abba!, que significa: Pai!

35 O próprio Espírito se junta ao nosso espírito para testemunhar que somos filhos de Deus; filhos, e portanto herdeiros, herdeiros de Deus e co- herdeiros de Cristo, se sofremos com ele, para sermos também glorificados com ele. - Palavra do Senhor. - Graças a Deus.

36

37 ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO a) Ouço uma voz vindo da montanha, ouço cada dia melhor. Ouço uma voz vindo da montanha, e eis uma voz a clamar: (ref.) Preparai o caminho (2x) prepa- rai o caminho do Senhor.

38 b) Vejo um Rei sobre a montanha, vejo cada dia melhor; vejo um Rei sobre a montanha, e eis uma voz a clamar. (ref.) Preparai o caminho (2x) prepa- rai o caminho do Senhor.

39 EVANGELHO - O Senhor esteja convosco! - Ele está no meio de nós. - Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João. - Glória a vós Senhor!

40

41

42 DEUS UNGE OS QUE CHAMA Este é o momento solene do sacra- mento da confirmação. Começa com a renovação das promessas do Batismo.

43 Renovação das promessas do Batismo

44 Os confirmandos ficam todos de pé. O Bispo os interroga, e a resposta é pessoal, de cada um, em vós alta.

45

46 RENOVAÇÃO DAS PROMESSAS DO BATISMO BISPO: Renunciais a Satanás e a todas as suas obras e seduções? CRISMANDO: Renuncio

47 BISPO: Credes em Deus Pai Todo- Poderoso, criador do céu e da terra? CRISMANDO: Creio

48 BISPO: Credes em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que nasceu da Virgem Maria, padeceu e foi se- pultado, ressuscitou dos mortos e su- biu ao céu? CRISMANDO: Creio

49 BISPO: Credes no Espírito Santo, Senhor e fonte de vida, que hoje, pelo Sacramento da Confirmação, vos é dado de modo especial, como aos Apóstolos no dia de Pentecostes? CRISMANDO: Creio

50 BISPO: Credes na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na remissão dos pecados, na res- surreição da carne e na vida eterna? CRISMANDO: Creio

51 BISPO: Esta é a nossa fé, que da Igreja recebemos e sinceramente professamos, razão de nossa alegria em cristo nosso Senhor. TODOS: Amém

52 (De pé, voltado para o povo e com as mãos unidas, o Bispo tendo ao seu lado o Sacerdote celebrante reza sobre os confirmandos):

53 BISPO: Roguemos irmãos e irmãs, a Deus Pai Todo-Poderoso, que derra- me o Espírito Santo sobre estes filhos e filhas adotivos, já renascidos no Batismo para a vida eterna, afim de confirmá-los pela riqueza de seus dons e configurá-los pela sua unção ao Cristo, Filho de Deus.

54 IMPOSIÇÃO DAS MÃOS

55 (O Bispo e o Sacerdote concelebran- te, se houver, impõem as mãos sobre todos os confirmandos. Mas só o Bispo diz:)

56 BISPO: Deus Todo-Poderoso, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, pela água e pelo Espírito Santo, fizeste renascer estes vossos servos e servas, libertando-os do pecado, enviai-lhes o Espírito Santo Paráclito; dai-lhes, Senhor, o Espírito de sabedoria e

57 inteligência, o Espírito de conselho e fortaleza, o Espírito de ciência e piedade e enchei-os do Espírito do vosso temor. Por Cristo, Nosso Senhor. - Amém

58 UNÇÃO COM ÓLEO DO CRISMA

59 UNÇÃO DO CRISMA BISPO: Recebe por este sinal o Espírito Santo, o Dom de Deus! Confirmando: Amém! BISPO: A paz esteja contigo! Confirmando: E contigo também!

60

61 ORAÇÃO DA COMUNIDADE

62 Irmãos e irmãs, cheios de confiança na misricórdia de Deus e unidos na cari- dade de Cristo, peçamos pela Santa Igreja e pela salvação de todos.

63 1. Pelos missionários e por todos que se dedicam à evangelização, para que não desanimem diante das dificulda- des, nós vos pedimos, Senhor! - Senhor, atendei a nossa prece!

64 2. Por todos estes jovens que confirma- ram sua fé no Cristo Senhor e Salva- dor, para que assumam seu compro- misso com o Cristo vivo, buscando cada dia o caminho da santidade, reze- mos ao Senhor. - Senhor, atendei a nossa prece!

65 3. Por todos os pais, padrinhos e ma- drinhas e por toda nossa comunidade aqui reunida, para que continue firme na caminhada com Cristo, transmitindo alegria, amor, fé, esperança e união a todos, rezemos ao Senhor. - Senhor, atendei a nossa prece!

66 4. Pelo Santo Padre o Papa Bento XVI, pelo nosso Bispo Dom Moacir, aqui presente, pelo nosso Pároco padre Rodolfo, pelo Padre Toninho, Padre José Almeida e Diácono Walter, para que sejam presença viva do Cristo ressuscitado em nosso meio, rezemos ao Senhor. - Senhor, atendei a nossa prece!

67 5. Por todos os catequistas e o Seminarista Ronaldo, para que Deus os recompense pela dedicação em acompanhar todas as crianças, jovens e adultos, na formação espiritual, reze- mos ao Senhor. - Senhor, atendei a nossa prece!

68 Bispo: Ó Deus, que destes o Espírito Santo a vossos Apóstolos e quisestes que eles e seus sucessores o transmi- tissem a outros fieis, ouvi com bondade a nossa oração e derramai nos corações de vossos filhos e filhas os dons que distribuístes outrora, no inicio da pregação apostólica. Por Cristo, nosso Senhor. - Amém.

69

70 OFERENDAS a) O trigo depois de crescido logo é colhido e vai tornar-se pão nas mãos da mãe mulher se imola se entrega humilde pra fermentação lição de amor ensina o trigo com seu gesto de doação também quero ser desprendi- do pra tornar-me pão nas mãos do meu Senhor.

71 Sagrado trigo imolado, depois farinhado e finalmente pão Sagrado trigo ofertado, que será tornado corpo do Senhor. (2x)

72 b) A uva sem fazer gemido se entrega ao milagre da transformação sob os pés do lavrador sofrido vai tornar-se vinho de nobre sabor lição de amor ensina a uva com seu gesto de oblação também quero ser desprendido pra tornar-me vinho nas mãos do Senhor.

73 Sagrado fruto da videira que foi flor primeiro e se modificou Sagrado vinho ofertado que será tornado sangue do Senhor. (2x)

74 Sagrado trigo imolado, depois farinhado e finalmente pão Sagrado trigo ofertado, que será tornado corpo do Senhor. Sagrado fruto da videira que foi flor primeiro e se modificou Sagrado vinho ofertado que será tornado sangue do Senhor.

75

76 BISPO: Orai, irmãos e irmãs, para que esta nossa família, reunida em nome de Cristo, possa oferecer um sacrifício que seja aceito por Deus Pai Todo- Poderoso. TODOS: Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, para nosso bem e de toda a Santa Igreja.

77 ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS BISPO: Concedei, ó Deus, que mais perfeitamente configurados ao vosso Filho, sejamos sempre mais suas testemunhas, participando do memorial da redenção, pela qual ele nos prometeu o vosso Espírito. Por Cristo, nosso Senhor. - Amém.

78 ORAÇÃO EUCARISTICA III - PREFÁCIO DA CRISMA Confirmados no selo do Espírito O Senhor esteja convosco … NA VERDADE, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. No Batismo nos concedeis o dom da fé, fazendo- nos participantes do mistério pascal de

79 vosso Filho. Pela imposição das mãos e a unção real do crisma, nos confir- mais com o selo do Espírito Santo, para celebrar o milagre de Pentecos- tes. Ungidos pelo Espírito e alimenta- dos no banquete eucarístico, nos tor- namos imagens do Cristo Senhor, para anunciar ao mundo a certeza da salvação, e dar, na Igreja, o testemu- nho da fé redentora.

80 Reunidos nesta assembléia festiva, reconhecemos em vós a fonte de todo o bem e o fundamento de nossa paz. Enquanto esperamos a plenitude eterna, proclamamos a vossa glória cantando (dizendo) a uma só voz:

81 SANTO O Senhor é Santo! (3x) O Senhor é nosso Deus! O Senhor é nosso Pai! Que seu reino de amor se estenda sobre a Terra!

82 O Senhor é Santo! (3x) Bendito o que vem em Nome do Senhor! (2x) Hosana! Hosana! Hosana!

83 NA VERDADE, vós sois Santo, ó Deus do universo, e tudo o que criastes pro- clama o vosso louvor, porque, por Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, e pela força do Espírito Santo, dais vida e santidade a todas as coisas e não cessais de reunir o vosso povo, para que vos ofereça em toda parte, do nascer ao pôr-do-sol, um sacrifício perfeito.

84 - Santificai e reuni o vosso povo! POR ISSO, nós vos suplicamos: santificai pelo Espírito Santo as oferen- das que vos apresentamos para serem consagradas, a fim de que se tornem o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, que nos mandou celebrar este mistério. - Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

85 NA NOITE em que ia ser entregue, ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTRE- GUE POR VÓS. Do mesmo modo, no fim da Ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus

86 discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRA-MADO POR VÓS E POR TODOS, PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.

87 Eis o mistério da fé! - Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa res- surreição. Vinde, Senhor Jesus! CELEBRANDO agora, ó Pai, a memó- ria do vosso Filho, da sua paixão que nos salva, da sua gloriosa ressurreição e da sua ascensão ao céu, e enquanto

88 esperamos a sua nova vinda, nós vos oferecemos em ação de graças este sacrifício de vida e santidade. - Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

89 OLHAI com bondade a oferenda da vossa Igreja, reconhecei o sacrifício que nos reconcilia convosco e conce- dei que, alimentando-nos com o Corpo e o Sangue do vosso Filho, sejamos repletos do Espírito Santo e nos torne- mos em Cristo um só corpo e um só espírito. - Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

90 QUE ELE faça de nós uma oferenda perfeita para alcançarmos a vida eterna com os vossos santos: a Virgem Maria, Mãe de Deus, os vossos Apóstolos e Mártires, e todos os santos, que não cessam de interceder por nós na vossa presença. - Fazei de nós uma perfeita oferen- da!

91 E AGORA, nós vos suplicamos, ó Pai, que este sacrifício da nossa reconcilia- ção estenda a paz e a salvação ao mundo inteiro. Confirmai na fé e na caridade a vossa Igreja, enquanto ca- minha neste mundo: o vosso servo o Papa Bento, o nosso Bispo Moacir, com os bispos do mundo inteiro, o clero e todo o povo que conquistastes. - Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

92 ATENDEI às preces da vossa família, que está aqui, na vossa presença. Reuni em vós, Pai de misericórdia, todos os vossos filhos e filhas disper- sos pelo mundo inteiro. - Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

93 ACOLHEI com bondade no vosso reino os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida e todos os que morreram na vossa amizade. Unidos a eles, espera- mos também nós saciar-nos eterna- mente da vossa glória, por Cristo, Senhor nosso. - A todos saciai com vossa glória!

94 POR CRISTO, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai Todo-Poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre. - Amém!

95

96 RITO DA COMUNHÃO BISPO: O Senhor nos comunicou o seu Espírito, Com a confiança e a liberdade de filhos e filhas, digamos juntos: TODOS: PAI NOSSO...

97 - Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa paz. Ajudados pe- la vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto, vivendo a espe- rança, aguardamos a vinda do Cristo Salvador. - Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

98 - Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos Apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima vossa Igreja: dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Vós que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. - Amém.

99 A paz do Senhor esteja sempre con- vosco. -O amor de Cristo nos uniu. - No Espírito de Cristo ressuscitado, saudai-vos com um sinal de paz!

100

101 Quem come minha Carne e bebe meu Sangue permanece em mim e eu nele. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. Senhor, eu não sou digno(a) …

102

103 COMUNHÃO I Eu sei, seu Espírito está agindo, passo a passo sei que encontrarei Sua vontade em minha vida. Rompe dentro em mim um amor inovador, sinto gosto em tua palavra, amor a hóstia consagrada.

104 Eu quero te louvar com todo o meu ser, de todo a minha alma mesmo sem entender. Preciso te seguir Seu amor vou perseguir. Eu abro todo o meu ser Sua vontade tem que acontecer.

105 Eu sei, não pertenço a este mundo tenho fome e sede do Senhor. Alimento que vem do lugar que eu sou. Treme o meu ser e teme o meu viver, eu sei tu és o meu Senhor. Da minha vida és o Salvador.

106 Eu quero te louvar com todo o meu ser, de todo a minha alma mesmo sem entender. Preciso te seguir Seu amor vou perseguir. Eu abro todo o meu ser Sua vontade tem que acontecer.

107

108 COMUNHÃO II (ref.) Venho Senhor te receber agora, Teu Santo corpo, Senhor me enche do teu amor. Venho Senhor te receber agora, Teu Santo sangue Senhor Transborda meu coração, Senhor.

109 1 - E ao receber teu corpo e sangue Senhor. Possa em mim brotar a paz, o amor, a salvação. E no teu altar seremos um em comunhão. És grande, ó meu Salvador!

110 (ref.) Venho Senhor te receber agora, Teu Santo corpo, Senhor me enche do teu amor. Venho Senhor te receber agora, Teu Santo sangue Senhor Transborda meu coração, Senhor.

111 2 - E ao receber teu corpo e sangue Senhor. Não se faça em mim motivo de condenação. Mas se faça sim, Senhor, presença tua em mim, és grande ó meu Salvador!

112 (ref.) Venho Senhor te receber agora, Teu Santo corpo, Senhor me enche do teu amor. Venho Senhor te receber agora, Teu Santo sangue Senhor Transborda meu coração, Senhor.

113

114 ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO OREMOS: Acompanhai, ó Deus, com a vossa benção, aqueles que receberam a unção do Espírito Santo e foram nutridos com o sacramento do vosso Filho, para que, superando todas as adversidades, alegrem a vossa Igreja por uma vida santa e a façam crescer no mundo por seu amor e suas obras. Por Cristo, nosso Senhor.

115

116 BENÇÃO SOLENE - O Senhor esteja convosco! - Ele está no meio de nós. - Bendito seja o Nome do Senhor, - Agora e para sempre! - A nossa proteção está no Nome do Senhor, - Que fez o céu e a terra!

117 - Abençoe-vos Deus Pai Todo-Pode- roso, que vos fez renascer da água e do Espírito Santo e vos tornou seus filhos adotivos, e vos conserve dignos do seu amor de Pai. - Amém.

118 - Abençoe-vos seu Filho unigênito que prometeu que o Espírito da verdade permaneceria na Igreja, e vos confirme com sua força na profissão da verdadeira fé. - Amém.

119 - Abençoe-vos o Espírito Santo, que acendeu o fogo do amor nos corações dos discípulos, e vos conduza, unidos num só corpo e sem tropeço, à alegria do reino de Deus. - Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai Espírito Santo. - Amém.

120

121 FINAL A Alegria do Senhor é nossa força! (3x) Nossa força! Nossa força é o Senhor Jesus! Ele é a nossa razão de lutarmos até o final sim, Ele é a luz que chegou e as trevas não puderam resistir: Ele é o sol! Nossa canção reluzirá, resplandecerá. A Nossa força é o Senhor Jesus! (3x)


Carregar ppt "PARÓQUIA Nossa Senhora da Soledade. LITURGIA DA CRISMA Ungiu-me para anunciar a Boa – Nova."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google