A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Marcia MM Pizzichini – Santa Catarina Ana Luiza Godoy Fernandes – São Paulo Leandro Fritscher - Rio Grande do Sul Marina de Andrade Lima - Rio de Janeiro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Marcia MM Pizzichini – Santa Catarina Ana Luiza Godoy Fernandes – São Paulo Leandro Fritscher - Rio Grande do Sul Marina de Andrade Lima - Rio de Janeiro."— Transcrição da apresentação:

1 Marcia MM Pizzichini – Santa Catarina Ana Luiza Godoy Fernandes – São Paulo Leandro Fritscher - Rio Grande do Sul Marina de Andrade Lima - Rio de Janeiro Maria do Rosário Costa - Maranhão Rosana A. Franco – Bahia COMISSÃO DE ASMA

2 FATOS Asma é uma condição frequente e bem conhecida pelo pneumologista. Ainda assim é sub ou suoer diagnosticada e sub ou supertratada. < 1/3 dos pneumologistas usam a espirometria para acompanhar a asma, poucos usam testes cutâneos para atopia e muito poucos medem a HRVA.

3 FATOS A definição de gravidade da asma é pouco compreendida. As definições de exacerbações são aleatórias e dificilmente medidas de forma objetiva. Na maioria das vezes o tratamento não é individualizado sendo a parceria entre médico&paciente é apenas retórica.

4 PROJETO DE ATIVIDADES 1. Discutir o custo benefício da SBPT ter sua própria diretriz de asma ou de adotar uma diretriz internacionalmente reconhecida, baseada em evidência de acordo com o GRADE, a partir da qual se faria um sumário que atendesse às peculiaridades nacionais.

5 PROJETO DE ATIVIDADES 2. Encontrar formas de implementar o manejo da asma, em todas as suas dimensões na prática diária do pneumologista e a nível de atenção primária. 3. Criar ações para motivar os pneumologistas a buscar a excelência no manejo da asma, diferenciando sua abordagem daquela oferecida por outras especialidades.

6 PROJETO DE ATIVIDADES 4. Identificar lacunas no conhecimento com implementação de estratégias que permitam priorizar o diagnóstico objetivo da asma, de atopia e de controle da asma pelo pneumologista. 5. Popularizar o uso da espirometria para o diagnóstico e manejo da asma em todos os níveis de atenção à saude.

7 PROJETO DE ATIVIDADES 6. Coordenar articulações, JUNTAMENTE COM o Departamento de Ações Programáticas a nível nacional e regional (através das sociedades locais), com autoridades de saúde no sentido de acompanhamento, avaliação e execução de propostas encaminhadas pela SBPT e pela Comissão de Asma visando a implementação do Programa Nacional de Asma da SBPT.

8 PROJETO DE ATIVIDADES 7. Integrar diferentes centros brasileiros interessados na pesquisa básica, clínica ou epidemiológica da asma facilitando a colaboração entre centros já estabelecidos e centros emergentes de pesquisa. 8.Buscar recursos para criar um fundo de pesquisa em asma e um premio nacional para jovens pesquisadores.

9 PROJETO DE ATIVIDADES 9. Criar juntamente com o Dpto. De Pediatria um programa dirigido às crianças e adolescentes, especialmente as asmáticas, destinado a motivar esta faixa etária a procurar e manter a saúde respiratória através da conscientização da preservação do meio ambiente, prática regular de atividades físicas e abolição do tabagismo.

10 PROJETO DE ATIVIDADES 10. Criar o cadastro nacional de asma grave e determinar se existe a necessidade da criação de centros de referência para manejo da asma grave. 11. Criar o Conselho dos três últimos ex- presidentes da comissão para consulta permanente dos assuntos da comissão.


Carregar ppt "Marcia MM Pizzichini – Santa Catarina Ana Luiza Godoy Fernandes – São Paulo Leandro Fritscher - Rio Grande do Sul Marina de Andrade Lima - Rio de Janeiro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google