A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Departamento dos distúrbios do sono São Paulo- fevereiro 2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Departamento dos distúrbios do sono São Paulo- fevereiro 2012."— Transcrição da apresentação:

1 Departamento dos distúrbios do sono São Paulo- fevereiro 2012

2 Conselho científico Simone Chaves Fagondes (RS)- coordenadora Marília Montenegro Cabral (PE)- substituta Flávio Magalhães (RJ) Flávio Magalhães (RJ) Geraldo Lorenzi-Filho (SP) Gleison Guimarães (RJ)

3 Plano de gestão: o que já fizemos 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Acompanhar o processo de regulamentação da Área de Atuação do Sono junto aos órgãos competentes (CFM, AMB, SBPT) - Publicada no Diário Oficial da União em 01/08/2011 a resolução 1973/2011 do CFM

4 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Acompanhar o processo de regulamentação da Área de Atuação em Sono junto aos órgãos competentes (CFM, AMB, SBPT) - A resolução 1973/2011 do CFM sobre a Área de atuação em sono foi publicada no Diário Oficial da União em 01/08/2011 Plano de gestão: o que já fizemos

5 1- Formação e atuação em Medicina do Sono 02 de setembro Criação da Comissão Especial de Certificação em Sono (CECS) Elaborando critérios para a primeira certificação na Área de Atuação em Medicina do Sono (dois integrantes do Depto do Sono e um do Depto de Ensino)

6 Plano de gestão: o que já fizemos 1- Formação e atuação em Medicina do Sono Elaborado e encaminhado para a aprovação na CNRM o Programa de R3 em Pneumologia com ênfase em Medicina do Sono

7 Plano de gestão: o que já fizemos 1- Formação e atuação em Medicina do Sono Aproximar o Departamento do Sono da SBPT da Associação Brasileira do Sono e suas regionais e das outras especialidades com atuação em Medicina do Sono, visando maior inserção do pneumologista na Medicina do Sono

8 Plano de gestão: o que queremos fazer 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Realizar a primeira prova para a obtenção do Certificado da Área de Atuação em Medicina do Sono em 2012 (Se possível, durante o Congresso Brasileiro de Pneumologia BH)

9 Plano de gestão: o que queremos fazer 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Definir um programa para a formação e o treinamento do Pneumologista em Medicina do Sono a ser desenvolvido em centros de referência credenciados pela SBPT (estabelecer parcerias com as especialidades afins)

10 Plano de gestão: o que queremos fazer 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Fazer um levantamento do número de laboratórios do sono no Brasil que são coordenados ou que tenham a participação direta de médicos pneumologistas - Criar uma comissão para regulamentar a criação e o credenciamento de laboratórios do sono filiados à SBP

11 Plano de gestão: o que queremos fazer 1- Formação e atuação em Medicina do Sono - Criar uma comissão para regulamentar a criação e o credenciamento de laboratórios do sono filiados à SBP - Propor uma tabela com sugestão de honorários para métodos diagnósticos em laboratório do sono

12 Plano de gestão: o que já fizemos 2- Atividades científicas e acadêmicas Ampliar o espaço dedicado aos transtornos do sono nas atividades científicas da SBPT PEC online- 3 aulas Boletim eletrônico- 2 casos clínicos PEC- Fortaleza e Belém Curso Nacional de Atualização em Pneumologia

13 Plano de gestão: o que já fizemos 2- Atividades científicas e acadêmicas Ampliar o espaço dedicado aos transtornos do sono nas atividades científicas da SBPT Pré- congresso em Porto de Galinhas Programa de Saúde Respiratória II Curso Nacional de Sono XXXVI Congresso Brasileiro de Pneumologia

14 Plano de gestão: o que já fizemos 2- Atividades científicas e acadêmicas Participação nas Diretrizes da AMB sobre a Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono Participação dos integrantes do Departamento em cursos e encontros regionais, nacionais e internacionais

15 Plano de gestão: o que queremos fazer 2- Atividades científicas e acadêmicas - Elaborar um manual prático sobre SAOS - Estimular publicações em periódicos de interesse dos pneumologistas, principalmente no JBP

16 Plano de gestão: o que queremos fazer 2- Atividades científicas e acadêmicas - Desenvolver um estudo epidemiológico multicêntrico sobre a Síndrome da Apneia do Sono em brasileiros (incluindo a população pediátrica) - Propor a inclusão no currículo das Faculdades de Medicina de pelo menos uma aula sobre transtornos respiratórios durante o sono

17 Plano de gestão: o que queremos fazer 2- Atividades científicas e acadêmicas - Propor a inclusão no currículo das Faculdades de Medicina de pelo menos uma aula sobre transtornos respiratórios durante o sono

18 Plano de gestão: o que queremos fazer 3- Outras atividades - Criar uma comissão para atuar junto ao Conselho Nacional do Trânsito (CONTRAM) com vistas a viabilizar o cumprimento da resolução 267, publicada em fevereiro de 2010 (estabelece que os motoristas profissionais devem, por ocasião da renovação da CNH, fazer uma avaliação de sonolência e da possibilidade da presença de apneia do sono)

19 Plano de gestão: o que queremos fazer 3- Outras atividades - Trabalhar junto aos órgãos públicos para o credenciamento de de um maior número de laboratórios do sono para atendimento pelo SUS Estabelecer uma parceria com os gestores de saúde para o acesso do paciente do SUS ao uso da pressão positiva (CPAP, Bi-level)

20 Plano de gestão: o que queremos fazer 3- Outras atividades - Trabalhar junto aos órgãos públicos para o credenciamento de de um maior número de laboratórios do sono para atendimento pelo SUS - Estabelecer uma parceria com os gestores de saúde para o acesso dos pacientes do SUS ao uso da pressão positiva (CPAP, Bilevel) – Portaria 370 / 2008 MS

21


Carregar ppt "Departamento dos distúrbios do sono São Paulo- fevereiro 2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google