A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Nazismo. Grupo Professor: André Erika Samara; Gabriel Ferreira; José Maria; Lilian Santos; Samuel Ribeiro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Nazismo. Grupo Professor: André Erika Samara; Gabriel Ferreira; José Maria; Lilian Santos; Samuel Ribeiro."— Transcrição da apresentação:

1 Nazismo

2 Grupo Professor: André Erika Samara; Gabriel Ferreira; José Maria; Lilian Santos; Samuel Ribeiro.

3 Introdução O período entre guerras foi marcado pelos regimes totalitários e o Nazismo foi um dos mais violentos, que resultou na morte de milhares de pessoas, principalmente de judeus. A crise de 1929 contribuiu para o êxito de Hitler, líder do partido nazista. Este alcançou o poder da Alemanha e concretizou suas ideologias, agindo de forma impiedosa e violenta.

4 Adolf Hitler ( ) Infância / morte do pai; Academia de artes / Abrigos municipais; Exército, 1ª Guerra / Envenenamento; Cruz de ferro; Ingresso no Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães. -Nationalsozialistishe Deutsche Arbeiterpartei - Nazi;

5 O PUTSCH DE MUNIQUE Golpe de 1923; tentativa de um golpe de Estado na cidade de Munique; Influenciado pela marcha sobre Roma (1922); O golpe foi um fracasso e Hitler foi preso; Cumpriu pena de nove meses de cadeia Nesse periodo escreveu o livro Mein Kampf (minha luta) O livro Mein Kampf Síntese da ideologia nazista; Defesa da superioridade dos povos arianos (alemães) e a inferioridade dos outros (judeus, ciganos, eslavos, negros, etc); os judeus seriam, junto com os comunistas, os culpados pelos males do mundo; Defesa do '' espaço vital'' – Território que unisse os alemães em um só império (II Reich); defesa do expansionismo sobre os povos vizinhos.

6 Partido nazista Pouco tempo depois de sua filiação ao partido nazista, tornou-se o líder dessa organização; As tropas de choque do partido saiam pelas ruas cometendo atos de vandalismo, terror contra judeus, homossexuais... Queriam acabar com os grandes capitalistas e fazer uma revolução nacional e socialista.

7 Chegada ao poder Devido à crise de 1929, o governo alemão fica com uma economia muito enfraquecida; O presidente Hindenburg, usa seus poderes, desprezando a democracia, e nomeia como chanceler o marechal Bruning; Durante as eleições o partido nazista começa a ter mais votos e o de Bruning, que estava tomando atitudes antipopulares, perde sua força; Hindenburg demite Bruning e nomeia Van Papen que se liga a banqueiros e ao governo do partido nazista; Tentando conter o avanço dos socialistas, o presidente nomeia o general Schleicher; Pressionado por empresários ligados à Hitler e Van Papen, Hindenburg demite Schleicher e nomeia Hitler como chanceler e Van Papen como ministro, entregando o poder nas mãos de Hitler;

8 Ações Hitler suspende os direitos civis e coloca a Alemanha em estado de sítio; Recebe o apoio dos comerciantes e de católicos; Após uma farsa de incêndio no parlamento, põe fora da lei sindicalistas e comunistas; Inicia um série de medidas contra os judeus,definidos pelo partido nazista como a origem de todos os males da Alemanha; interveio em cada setor social para dele fazer um instrumento: a industria, a agricultura, os sindicatos, o ensino, o direito, a ciencia, a imprensa, o exercito, os costumes e as igrejas;

9 Ações Extingue a ala populista do partido nazista,que ameaçavam a aliança com o exército e empresariado; Busca incessantemente pela extinção do tratado de Versalhes, para isso tenta desfazer as alianças formadas na 1ª Guerra; Com o declínio de seu poder totalitário, Hitler se suicida com um tiro juntamente com sua mulher que havia ingerido veneno.

10

11 Conclusão Após analisarmos todos os acontecimentos, percebemos que na história a figura de um representante é extremamente importante e perigosa, pois este sempre tem suas ideologias e se utilizará de seu poder para executá-las, sendo estas muitas vezes nocivas a uma parcela da sociedade. Há muitas formas de se salvar um país, Hitler optou por uma série de barbaridades, assim como tantos, são esses fatos que não colaboram para o embelezamento da história, mas de certa forma a torna mais heróica.

12 Referências SILVA, Francisco Carlos Teixeira. Impérios na História: Terceiro Reich – O Império do Terror. 1ª Edição. Editora Elsevier, Rio de Janeiro COBRA, Rubem Queiroz. Hitler. Disponível em: Acesso em: 17/06/2010


Carregar ppt "Nazismo. Grupo Professor: André Erika Samara; Gabriel Ferreira; José Maria; Lilian Santos; Samuel Ribeiro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google