A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A origem das expressões populares Sarah Soares de Oliveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A origem das expressões populares Sarah Soares de Oliveira."— Transcrição da apresentação:

1 A origem das expressões populares Sarah Soares de Oliveira

2 Objetivos Analisar expressões e suas origens, separando-as em três grupos: Analisar expressões e suas origens, separando-as em três grupos: 1) As que mantiveram seu significado inicial; 1) As que mantiveram seu significado inicial; 2) As que tiveram seu significado inicial alterado; 2) As que tiveram seu significado inicial alterado; 3) As que surgiram do entendimento errado da pronúncia; 3) As que surgiram do entendimento errado da pronúncia; Observar a mudança de significado dos ditados populares, devido às transformações da sociedade; Observar a mudança de significado dos ditados populares, devido às transformações da sociedade; Mostrar algumas curiosidades da Língua Portuguesa. Mostrar algumas curiosidades da Língua Portuguesa.

3 Ditados que mantiveram seu significado inicial Abre-te, sésamo! Abre-te, sésamo! Ao Deus dará. Ao Deus dará. As paredes têm ouvidos. As paredes têm ouvidos. Barbeiro (trânsito). Barbeiro (trânsito). Casa da mãe Joana. Casa da mãe Joana. Falar pelos cotovelos. Falar pelos cotovelos. Ok. (0 killed) Ok. (0 killed)

4 Ditados que mantiveram seu significado inicial A cobra vai fumar! A cobra vai fumar! Fazer nas coxas. Fazer nas coxas. Lua de Mel. Lua de Mel. Maria vai com as outras. Maria vai com as outras. Onde Judas perdeu as botas. Onde Judas perdeu as botas.

5 Ditados que mantiveram seu significado inicial Saúde! (Quando alguém espirra) Saúde! (Quando alguém espirra) Salvo pelo gongo. Salvo pelo gongo. Sem eira nem beira. Sem eira nem beira. A vaca foi pro brejo. A vaca foi pro brejo. Olha o passarinho! Olha o passarinho! Amigo-da-onça. Amigo-da-onça. O que você faria se estivesse agora na selva e uma onça aparecesse na sua frente? O que você faria se estivesse agora na selva e uma onça aparecesse na sua frente? Ora, dava um tiro nela. Ora, dava um tiro nela. Mas se você não tivesse nenhuma arma de fogo? Mas se você não tivesse nenhuma arma de fogo? Bom, então eu matava ela com meu facão. Bom, então eu matava ela com meu facão. E se você estivesse sem o facão? E se você estivesse sem o facão? Apanhava um pedaço de pau. Apanhava um pedaço de pau. E se não tivesse nenhum pedaço de pau? E se não tivesse nenhum pedaço de pau? Subiria na árvore mais próxima! Subiria na árvore mais próxima! E se não tivesse nenhuma árvore? E se não tivesse nenhuma árvore? Sairia correndo. Sairia correndo. E se você estivesse paralisado pelo medo? E se você estivesse paralisado pelo medo? Então, o outro, já irritado, retruca: Mas, afinal, você é meu amigo ou amigo da onça? Mas, afinal, você é meu amigo ou amigo da onça?

6 Curiosidades – Jogo dos Insultos 1) Cacóstomo é a pessoa que: (a) Bebe cachaça além da conta. (b) Tem mau hálito. (c) Não paga suas dívidas. 2) Jabiraca é um insulto utilizado para mulheres: (a) Feias e maldosas. (b) Que ficam na janela à espera de um marido. (c) Que se lambuzam ao comer. 3) Lheguelhé é uma pessoa: (a) Que fala muitos palavrões. (b) Insignificante. (c) Que tem lombrigas.

7 Curiosidades – Jogo dos Insultos 4) Sacripanta é um indivíduo que: (a) Requebra no andar. (b) Age de maneira cruel. (c) Obtém o prazer sexual pelo sofrimento do parceiro. 5) Mequetrefe é alguém que: (a) Dá palpite em tudo, mesmo sem ser chamado. (b) Não é generoso. (c) É movido a dinheiro. 6) Você pode chamar de trapincola uma pessoa que é: (a) Caloteira. (b) Palhaça. (c) Tagarela.

8 Curiosidades – Nomes estranhos *Um Dois Três de Oliveira Quatro *Um Dois Três de Oliveira Quatro *Antonio Treze de Junho de Mil Novecentos e Dezessete *Antonio Treze de Junho de Mil Novecentos e Dezessete *Justa Senhorinha de Jesus *Justa Senhorinha de Jesus *Último Vaqueiro *Último Vaqueiro *Hypotenusa Pereira *Hypotenusa Pereira *Homem Bom da Silva Souto Maior *Homem Bom da Silva Souto Maior *Última Delícia do Casal Carvalho *Última Delícia do Casal Carvalho *Sherlock Holmes da Silva *Sherlock Holmes da Silva *Godson *Godson *Xérox, Fotocópia e Autenticada (trigêmeas) *Xérox, Fotocópia e Autenticada (trigêmeas) *Cedilha, Vírgula, Cifra e Ponto (irmãos) *Cedilha, Vírgula, Cifra e Ponto (irmãos)

9 Ditados que tiveram seu significado inicial alterado Arroz-de-festa. Arroz-de-festa. Pôr em pratos limpos. Pôr em pratos limpos. Quebrar o gelo. Quebrar o gelo. Tirar o cavalinho da chuva. Tirar o cavalinho da chuva. Comer com os olhos. Comer com os olhos.

10 Ditados que surgiram do entendimento errado da pronúncia Quem tem boca vai a Roma. Quem tem boca vai a Roma. Chovendo canivetes. Chovendo canivetes. Raining dogs and cats. Raining dogs and cats. Escarrado (?) e cuspido. Escarrado (?) e cuspido. Em Carrara esculpido. Em Carrara esculpido. Tempestade em: Tempestade em: *Uma pequena concha/tigela/bacia. *Uma pequena concha/tigela/bacia. *Uma xícara de chá. *Uma xícara de chá. *Um copo dágua. *Um copo dágua.

11 Ditados que surgiram do entendimento errado da pronúncia Cor de burro quando foge. Cor de burro quando foge. Corra do burro quando ele foge. Corra do burro quando ele foge. O menino não pára quieto, parece que tem bicho carpinteiro. O menino não pára quieto, parece que tem bicho no corpo inteiro. O menino não pára quieto, parece que tem bicho carpinteiro. O menino não pára quieto, parece que tem bicho no corpo inteiro. Quem não tem cão, caça com gato. Quem não tem cão, caça com gato. Quem não tem cão, caça como gato. (ou seja, sozinho) Quem não tem cão, caça como gato. (ou seja, sozinho)

12 Bibliografia O Guia dos Curiosos – Língua Portuguesa; Marcelo Duarte – 2003


Carregar ppt "A origem das expressões populares Sarah Soares de Oliveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google