A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grande parte do funcionamento do corpo humano depende da comunicação entre as células por meio de mensageiros químicos : os hormônios Hormônios são substâncias.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grande parte do funcionamento do corpo humano depende da comunicação entre as células por meio de mensageiros químicos : os hormônios Hormônios são substâncias."— Transcrição da apresentação:

1

2 Grande parte do funcionamento do corpo humano depende da comunicação entre as células por meio de mensageiros químicos : os hormônios Hormônios são substâncias produzidas e liberadas por determinadas células, que atuam sobre outras células modificando seu funcionamento. As células produtoras de hormônios estão geralmente agrupadas em órgãos denominados glândulas endócrinas, que lançam o hormônio da corrente sanguínea. O hormônio possuí especificidade atuando somente em suas células-alvo que possuem receptores em sua superfície externa que se combinam de maneira específica com os hormônios

3 Glândulas endócrinas humanas -Hipotálamo: região do encéfalo que desempenha importante papel na integração do sistema nervoso e endócrino, secretando hormônios que atuam sobre a hipófise. - Hipófise: pequena glândula localizada na base do cérebro, podendo ser considerada uma glândula mestra, pois a secreção de seus hormônios regulam o funcionamento de outras glândulas endócrinas. É constituída por dois tipos diferentes de células, sendo sua porção anterior, chamada de adenoipófise e sua porção posterior, neuroipófise, que é um prolongamento do hipotálamo constituído de neurônios modificados.

4

5 Hormônios da neuroipófise A neuroipófise armazena e libera dois hormônios principais - Ocitocina: acelera as contrações uterinas que levam ao parto e também causa a contração da musculatura lisa das glândulas mamárias, o que leva à expulsão de leite durante a amamentação. - ADH (hormônio antidiurético): promove a reabsorção de água nos túbulos renais para promover o equilíbrio dos líquidos corporais

6 Hormônios da Adenohipófise A adenoipófise produz e libera diversos hormônios, entre eles os chamados hormônios tróficos, cujo efeito é estimular o funcionamento de outras glândulas. -TSH (hormônio tireotrófico): regula a atividade da glândula tireóide. - ACTH (hormônio adenocorticotrófico): regula a atividade da glândula supra-renal. - LH e FSH (hormônios gonadotróficos): atuam sobre as gônadas masculinas e femininas (testículos e ovários). -GH (hormônio somatotrófico): responsável pelo crescimento das cartilagens e dos ossos. - Prolactina: atua sobre os ovários, promovendo a secreção de progesterona. Além disso, tem papel importante na estimulação da produção de leite.

7 Glândula Tireóide Localizada na região do pescoço, é responsável pela produção de dois hormônios: triiodotironina e a tiroxina, e possuem iodo em sua constituição. Desempenham papel importante na homeostase do organismo, ajudando a manter normais a pressão sanguínea, o ritmo cardíaco, o tônus muscular e as funções sexuais. Além disso atuam sobre as células do corpo aumentando sua atividade metabólica.

8 Calcitonina: outro importante hormônio tireoidiano que atua diminuindo a quantidade de cálcio no sangue. Atua em conjunto com o hormônio da glândula paratireóide na manutenção da concentração normal de cálcio no sangue. Glândulas Paratireóides: ficam aderidas à glândula tireóide e produzem o paratormônio, responsável pelo aumento do nível de cálcio no sangue.

9 Pâncreas É uma glândula mista pois possuí funções endócrinas e exócrinas. A parte endócrina é constituída por células chamadas de ilhotas pancreáticas. Estas possuem dois tipos de célula, alfa e beta. - Célula alfa: responsável pela produção do hormônio glucagon. - Célula beta: responsável pela produção de insulina. A insulina é responsável pela absorção de glicose pelos tecidos, diminuindo a concentração de glicose sanguínea. O glucagon tem efeito inverso ao da insulina, levando ao aumento do nível de glicose no sangue.

10

11 Supra-renais ou Adrenais Localizam-se sobre os rins, e é constituída por dois tipos de tecidos secretores: a medula e o córtex.

12 Medula da Adrenal: Produz dois hormônios principais: a adrenalina e a noradrenalina A adrenalina é liberada no sangue em situação de estresse, permitindo uma resposta rápida do organismo à situações de emergência. A noradrenalina é liberada em doses mais ou menos constantes e sua principal função é manter a pressão sanguínea em níveis normais

13 Córtex da Adrenal: Os hormônios produzidos pelo córtex adrenal pertencem ao grupo dos esteróides, conhecidos também como corticosteróides. Os mais importantes são o cortisol e a aldosterona O cortisol é utilizado pelo organismo em situações de estresse, pois aumenta a quantidade de glicose disponível para ser usada como combustível. A aldosterona é importante na retenção de íons sódio no corpo, causando retenção de água no corpo, com consequente aumento da pressão sanguínea

14 Hormônios relacionados à reprodução Os hormônios induzem a diferenciação em machos e fêmeas, induzem a formação de gametas e promovem o impulso sexual, além de serem responsáveis pelos fenômenos ocorridos na gravidez e durante a amamentação. FSH e LH As mudanças ocorridas na puberdade são controladas por dois hormônios produzidos pela hipófise: o FSH (hormônio folículo estimulante) e o LH (hormônio luteinizante) e atuam sobre as gônadas promovendo o seu desenvolvimento e seu funcionamento. Ação do FSH e LH nos homens FSH estimula a espermatogênese pelas células dos túbulos seminíferos. LH à estimula a produção de testosterona pelas células intersticiais (Leydig) dos testículos à características sexuais secundárias, elevação do desejo sexual.

15 Ação do FSH e LH nas mulheres FSH: causa a proliferação das células foliculares ovarianas e estimula a secreção de estrógeno, levando as cavidades foliculares a desenvolverem-se e a crescer. LH: aumenta ainda mais a secreção das células foliculares, estimulando a ovulação. Hormônios sexuais -Testosterona Principal hormônio masculino, responsável pelo aparecimento das características sexuais secundárias masculinas, e também induz o amadurecimento dos órgãos genitais e promove o impulso sexual.

16 -Estrógeno e Progesterona O estrógeno é produzido pelas células do folículo e é responsável pelo desenvolvimento das características sexuais secundárias da mulher. Também induz o amadurecimento dos órgãos genitais e promove o impulso sexual. A progesterona tem importância fundamental no processo reprodutivo, pois, juntamente com o estrógeno, atua na preparação da parede uterina para receber o embrião.

17

18

19


Carregar ppt "Grande parte do funcionamento do corpo humano depende da comunicação entre as células por meio de mensageiros químicos : os hormônios Hormônios são substâncias."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google