A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MILHO SAFRA 2011/12 DE 09 DE JANEIRO A 13 DE JANEIRO 3.040 km percorridos 64 municípios 5 pessoas envolvidas na organização Área Plantio do Rio Grande.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MILHO SAFRA 2011/12 DE 09 DE JANEIRO A 13 DE JANEIRO 3.040 km percorridos 64 municípios 5 pessoas envolvidas na organização Área Plantio do Rio Grande."— Transcrição da apresentação:

1

2 MILHO SAFRA 2011/12 DE 09 DE JANEIRO A 13 DE JANEIRO km percorridos 64 municípios 5 pessoas envolvidas na organização Área Plantio do Rio Grande do Sul Hectares Projeto abrange Hectares de Milho Camera atua em Hectares de Milho

3 ÁREA DE ATUAÇÃO CAMERA

4 ROTEIRO Vacaria (A) Lagoa vermelha (B) Erechim (C) Passo Fundo (D) Panambi (E) Palmeira das Missões (F) Santo Augusto (G) Três Passos (H) Três de Maio (I) Santa Rosa (J) Santo Ângelo (K) Eugênio de Castro (L) São Miguel das Missões (M) São Luiz Gonzaga (N) São Borja (O) Santiago (P) Santa Maria (Q) São Sepé (R) Caçapava do Sul (S) Pantano Grande (T) Rio Pardo (U) Cruz Alta (V) Ibirubá (W) Ijuí (X) Obs: Os municípios representam apenas as referências da coleta das amostras

5 ROTEIRO

6 09/01/12 (Segunda-feira) Vacaria, Muitos Capões, Lagoa Vermelha, Ciríaco, Mato Castelhano, Coxilha, Getúlio Vargas, Erebango, Erechim, Passo Fundo, Panambi 10/01/12 (Terça-feira) Condor, Palmeira das Missões, Santo Augusto, Coronel Bicaco, Três Passos, Boa vista do Buricá, São Martinho, Três de Maio, Santa Rosa 11/01/12 (Quarta-feira) Giruá, Santo Ângelo, Entre-Ijuís, Eugênio de Castro, São Miguel das Missões, São Luiz Gonzaga, Santo Antonio das Missões, São Borja 12/01/12 (Quinta-feira) Santiago, Santa Maria, São Sepé, Caçapava do Sul, Pantano Grande, Rio Pardo 13/01/12 (Sexta-feira) Salto do Jacuí, Tupanciretã, Cruz Alta, Ibirubá, Ijuí, Coronel Barros, Catuípe

7 METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO Paradas aleatórias Espaçamento entre linhas Números de Plantas e Espigas em 10 metros Coleta de 5 espigas Número de fileiras de grãos das espigas Números de grãos por fileira Indicador de Densidade Ponto GPS

8 AMOSTRAS Pontos das coletas Número de Amostras Realizadas: 85

9 ANÁLISES & RESULTADOS

10 REGIÃO SERRA / CAMPOS DE CIMA DA SERRA / NORDESTE Municípios: Vacaria, Lagoa Vermelha, Muitos Capões, André da Rocha, Área de Plantio: Ha Potencial de Produtividade Média: 125,51 sacas/ha Limite Máximo: 138,06 sacas/ha Limite Mínimo: 112,95 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R1 à R3, umidade de solo média/baixa, lavouras uniformes com bom potencial produtivo. Colheita com ínicio a partir da segunda quinzena de Março.

11 REGIÃO PRODUÇÃO Municípios: Passo Fundo, Ciríaco, Casca, Marau, Coxilha, Carazinho, Mato Castelhano, Vila Maria Área de Plantio: Ha Potencial de Produtividade Média: 78,99 sacas/ha Limite Máximo: 87,98 sacas/ha Limite Mínimo: 71,01 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R3 à R5, umidade do solo muito baixa, apresentando perdas por má polinização devido a estiagem.

12 REGIÃO NORTE Municípios: Erechim, Getúlio Vargas, Erebango, Sertão, Gaurama Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 75,71 sacas/ha Limite Máximo: 83,28 sacas/ha Limite Mínimo: 68,13 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R3 à R5, com problemas de polinização devido à estiagem.

13 REGIÃO RIO DA VÁRZEA Municípios: Sarandi, Palmeiras das Missões, Ronda Alta, Boa Vista das Missões Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 74,64 Limite Máximo: 82,10 sacas/ha Limite Mínimo: 67,17 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R5 à R6, lavoura uniforme sem presença de doenças, afetado fortemente pela estiagem.

14 REGIÃO NOROESTE COLONIAL Municípios: Ijuí, Panambi, Catuípe, Coronel Barros, Condor, Augusto Pestana, Jóia, Ajuricaba Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 89,88 sacas/ha Limite Máximo: 98,86 sacas/ha Limite Mínimo: 80,89 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R3 à R6, baixa umidade no solo e lavouras afetadas pela estiagem.

15 REGIÃO CELEIRO Municípios: Chiapetta, Três Passos, São Martinho, Campo Novo, Santo Augusto, Bom Progresso, Tenente Portela, Inhacorá Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 66,68 sacas/ha Limite Máximo: 73,34 sacas/ha Limite Mínimo: 60,01 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R3 à R6, umidade de solo muito baixa, apresentando lavouras com perda total. Na região de Santo Augusto apresenta áreas de Pivot, destacando- se pela produção de sementes de milho.

16 REGIÃO NOROESTE Municípios: Santa Rosa, Santo Cristo, Dr. Maurício Cardoso, Três de Maio, Tucunduva, Horizontina Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 83,48 sacas/ha Limite Máximo: 91,85 sacas/ha Limite Mínimo: 75,15 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R6, lavouras com bom potencial produtivo, região está com colheita mais adiantada no estado.

17 REGIÃO MISSÕES Municípios: Giruá, Santo Ângelo, Entre-Ijuís, Vitória das Missões, São Luiz Gonzaga Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 55,87 sacas/ha Limite Máximo: 61,45 sacas/ha Limite Mínimo: 50,28 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R6, região onde varia muito o potencial das lavouras, São Luiz Gonzaga apresenta áreas de Pivot e algumas regiões severamente afetadas pela estiagem como a de Coimbra.

18 REGIÃO VALE DO JAGUARI Municípios: Cacequi, Capão do Cipó, Santiago, Jaguari Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 45,37 sacas/ha Limite Máximo: 49,90 sacas/ha Limite Mínimo: 40,83 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R4 à R6, lavouras com baixo uso de tecnologia e baixo potencial produtivo, afetado pela estiagem.

19 REGIÃO CENTRAL Municípios: Santa Maria, Tupanciretã, Julio de Castilhos, Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 47,07 sacas/ha Limite Máximo: 51,77 sacas/ha Limite Mínimo: 42,36 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R3 à R6, com baixo uso de tecnologia na região de Santa Maria e baixo potencial produtivo afetado pela estiagem nas demais regiões.

20 REGIÃO FRONTEIRA OESTE Municípios: São Borja, São Gabriel, Manoel Viana, Rosário do Sul Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 43,46 sacas/ha Limite Máximo: 47,80 sacas/ha Limite Mínimo: 39,11 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R4 à R6, a região de São Borja apresenta alta tecnologia e lavouras de Pivot e as demais áreas apresentam baixa tecnologia. Região afetada pela estiagem.

21 REGIÃO CAMPANHA Municípios: Caçapava do Sul, Bagé, Dom Pedrito Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 25,45 sacas/ha Limite Máximo: 27,99 sacas/ha Limite Mínimo: 22,90 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R6, lavouras afetadas pela estiagem com baixo uso de tecnologia.

22 REGIÃO VALE RIO PARDO Municípios: Pantano Grande, Candelária, Rio Pardo, Santa Cruz do Sul, Arroio do Tigre Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 48,10 sacas/ha Limite Máximo: 52,91 sacas/ha Limite Mínimo: 43,29 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R6, lavouras com baixo uso de tecnologia.

23 REGIÃO ALTO DO JACUÍ Municípios: Boa Vista do Cadeado, Ibirubá, Não-Me-Toque, Cruz Alta, Tapera, Selbach Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 27,29 sacas/ha Limite Máximo: 30,01 sacas/ha Limite Mínimo: 24,56 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Observações: Ciclo R4 à R6, região mais afetada pela estiagem segundo a pesquisa, com uma estimativa de perda de 78,68% do potencial produtivo. A região de Cruz Alta apresenta áreas de Pivot e produção de sementes de milho.

24 RESULTADO FINAL

25 RIO GRANDE DO SUL Área de Plantio: ha Potencial de Produtividade Média: 56,98 sacas/ha Limite Máximo: 62,67 sacas/ha Limite Mínimo: 51,28 sacas/ha Produção Esperada: toneladas Intervalos: Mínimo tons / Máximo tons Observação Geral: As lavouras se encontram entre o Ciclo R3, afetado por Estiagem. O percentual total de perdas calculado foi de 25,20% em relação à uma produtividade potencial esperada no inicio da Safra de 76,19 sacas/ha, onde se estimava uma produção de toneladas.

26 DESTAQUES

27 POSITIVOS Região de Vacaria, Muitos Capões e Lagoa Vermelha se destacam pelo potencial produtivo e condições climaticas favoráveis. Região Noroeste representado por Dr. Maurício Cardoso e Tucunduva apresentaram excelente potencial produtivo e colheita antecipada em relação ao restante do estado. As Regiões de São Luiz Gonzaga, Cruz Alta, Ibirubá, São Borja, Santo Augusto e Coimbra utilizam Pivot para as áreas de milho.

28 NEGATIVOS As regiões que apresentaram os maiores índices de perdas de produtividade segundo a pesquisa foram: Produção (- 36,70%), Norte (- 32,24%), Celeiro (- 24,52%), Missões (- 25,55%) e Alto do Jacuí (-78,68%). Regiões de Vale do Jaguari, Campanha e Rio Pardo possuem baixos índices de tecnologia.

29 ANÁLISE MACRO

30 Quadro Oferta X Demanda por continente

31 ANÁLISE MACRO Fluxo da Comercialização Mundial

32 ANÁLISE MACRO Produtividade média nos principais países produtores

33 ANÁLISE MACRO Quadro Oferta x Demanda - Brasil USDA

34 ANÁLISE MACRO Fluxo da Comercialização Mercado Interno

35 ANÁLISE MACRO Mapa de Produção Rio Grande do Sul

36 ANÁLISE MACRO Quadro Oferta X Demanda - Rio Grande do Sul CONAB

37 ANÁLISE MACRO Média Pluviométrica / Índice Perda de Produtividade Rio Grande do Sul

38 EQUIPE Gustavo Preischardt Ivan Lunardi Julio Antonio Grando Thiago Eisele Milani Unidade de Negócios Produtos Agrícolas – Santa Rosa/RS

39 ¨ Tanto no Sol quanto na Chuva, A trena corre na linha Buscando a melhor medida, Dos Rumos da Safra Gaúcha ¨


Carregar ppt "MILHO SAFRA 2011/12 DE 09 DE JANEIRO A 13 DE JANEIRO 3.040 km percorridos 64 municípios 5 pessoas envolvidas na organização Área Plantio do Rio Grande."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google