A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aulas 80 / 81 – TEC 11ºF Sistema Operativo de Rede Prof. António dos Anjos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aulas 80 / 81 – TEC 11ºF Sistema Operativo de Rede Prof. António dos Anjos."— Transcrição da apresentação:

1 Aulas 80 / 81 – TEC 11ºF Sistema Operativo de Rede Prof. António dos Anjos

2 Comando ls (LS) ls Apresenta uma listagem (ls – list) do conteúdo da pwd: ls dead.letter Docs Maildir profile ls –a Apresenta uma listagem de TODO (a – all) o conteúdo da pwd. Inclui: Ficheiros ocultos (começados por. ); Links especiais. e.. ; ls -a..alias.bash_profile.cshrc Docs profile...bash_history.bashrc dead.letter Maildir.viminfo

3 Comando ls (2) ls –l Apresenta uma listagem longa (l – long) dos conteúdos da pwd, incluindo direitos, número de links, proprietário, grupo, tamanho, última alteração e nome: ls -l total 16 -rw antonio users :13 dead.letter drwx antonio users :11 Docs drwxr-xr-x 9 antonio users :11 Maildir drwx antonio users :03 profile ls –lh O parâmetro h (human readable) faz com que os tamanhos dos ficheiros sejam apresentados em Kb, Mb e Gb.

4 Comando ls (3) ls nomeficheiro Apresenta apenas o ficheiro nomeficheiro caso este exista; ls nomeDirectoria Apresenta o conteúdo da directoria com o nome nomeDirectoria; ls –d nomeDirectoria Apresenta apenas a directoria (d) com o nome nomeDirectoria; ls –R nomeDirectoria Apresenta todos os ficheiros contidos na directoria nomeDirectoria e respectivas sub-directorias (R – recursivo).

5 Inodes Um inode number é um índice numérico que identifica cada objecto no sistema de ficheiros; ls –i Apresenta uma listagem do conteúdo da pwd junto com os respectivos inodes: ls -i dead.letter Docs Maildir profile Podem existir dois ficheiros com um mesmo inode number, desde que que se encontrem em sistemas de ficheiros diferentes (e.g. partições diferentes).

6 Comando mkdir mkdir power Cria a directoria power na pwd; mkdir um dó li tá Cria as directorias um, dó, li e tá na pwd; mkdir –p um/dó/li/tá Cria a inteira árvore de directorias especificada (p – parent directories).

7 Comando cp cp fich1 fichCópia Cria uma cópia do ficheiro fich1 com o nome fichCópia; cp –i fich1 fichCópia Cria uma cópia do ficheiro fich1 com o nome fichCópia, mas se fichCópia já existir, pergunta (i – Interactivo) se se quer substituir; cp /usr/src/kernel-source tar. Cria uma cópia do ficheiro kernel-source tar que se encontra em /usr/src/ na pwd (.); cp –R /usr/src. Cria uma cópia da directoria /usr/src e TODO o seu conteúdo em. (pwd).

8 Comando mv mv fich1 fich2 Move (mv) o ficheiro com o nome fich1 para fich2. Equivalente a renomear o ficheiro com o nome fich1 para o nome fich2. mv –i fich1 fich2 Igual ao anterior mas pergunta se se pretende substituir fich2 se este já existir.

9 Comando touch touch fich1 Cria um ficheiro com o nome fich1; Se fich1 já existir, apenas actualiza a sua data e hora (mtime) para a data e hora correntes do sistema.


Carregar ppt "Aulas 80 / 81 – TEC 11ºF Sistema Operativo de Rede Prof. António dos Anjos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google