A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo 5 Bruno Batista Cunha Bruno Gomes Daniel Ferreira Gabriel Silva Batista Paulo Henrique Pedro Affonso - Escalas numéricas e gráficas - Cotagem Uberlândia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo 5 Bruno Batista Cunha Bruno Gomes Daniel Ferreira Gabriel Silva Batista Paulo Henrique Pedro Affonso - Escalas numéricas e gráficas - Cotagem Uberlândia."— Transcrição da apresentação:

1 Grupo 5 Bruno Batista Cunha Bruno Gomes Daniel Ferreira Gabriel Silva Batista Paulo Henrique Pedro Affonso - Escalas numéricas e gráficas - Cotagem Uberlândia

2 ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas NBR Desenho técnico - Emprego de escalas NBR Cotagem em desenho técnico NBR Desenho técnico - Terminologia

3 Escalas numéricas e gráficas Escala: È a relação da dimensão linear de um elemento e ou um objeto apresentado no desenho original para a dimensão real do mesmo ou do próprio objeto. (NBR 8196)

4 Escalas Numéricas: È representada sob a forma de fração. O numerador indica à distância no mapa, e o denominador a distância real correspondente.

5 Escalas Gráficas: É representada sob a forma de um segmento de reta, normalmente subdividido em secções e ao longo do qual são registradas as distâncias reais correspondentes às dimensões do segmento. 1 cm da distância no mapa equivale a cm representa a distância real.

6 ReduçãoNaturalAmpliação 1:21:12:1 1:55:1 1:1010:1 NOTA - As escalas desta tabela podem ser reduzidas ou ampliadas à razão de 10. As escalas usadas em desenho técnico

7 Vantagens e desvantagens da utilização das escalas gráficas e numéricas. -Escala gráfica Vantagens: Mantêm-se a proporcionalidade quando surgem reduções, ampliações Desvantagens: Menor precisão/rigorosa - Escala numérica Vantagens: Maior precisão/rigorosa Desvantagens: Imprópria para reduções, ampliações

8 Mapas de grande escala são mapas que se aproximam muito da realidade, ou seja, não foram muito reduzidos. Têm escalas compreendidas entre 1/ e 1 / Mapas de pequena escala são mapas em que a realidade foi muito reduzida, servindo para representar grandes superfícies ou a totalidade do planeta.

9 Onde: M = denominador da escala d = distância no desenho D = distância no terreno Como Calcular Distancia Reais

10 Cotagem É a representação gráfica no desenho da característica do elemento, através de linhas, símbolos, notas e valor numérico numa unidade de medida. (NBR 10126)

11 Na aplicação desta Norma é necessário consultar: NBR Execução de caracteres para escrita em desenhos técnicos – Procedimento NBR Aplicação de linhas em desenhos – Tipos de linhas - Larguras das linhas – Procedimento NBR Princípios gerais de representação em desenho técnico - Vistas e cortes – Procedimento

12 Cota: Indicação da medida ou característica em letras técnicas, sem indicação de unidade. Linha de cota: Linha fina, sempre paralela à dimensão cotada e todas à mesma distância do elemento cotado. Linha auxiliar: finas, paralelas entre si, perpendicular (ou a 60º, se necessário) ao elemento cotado, não tocam o elemento cotado e estendem-se um pouco além da linha de cota.

13 Exemplo:

14 As linhas podem ser terminadas em setas abertas ou fechadas desenhadas formando ângulos de 15º(mais comum no desenho técnico) ou traços curtos a 45º. As cotas devem ser colocadas acima (mais usado) ou interrompendo a linha de cota. Apenas um estilo deve ser utilizado do início até o fim do projeto.

15 Cotas horizontais, verticais e inclinadas. Sempre escritas encima da linha. A cotagem de ângulos pode ser como mostra a figura, ou com a cota na horizontal.

16 Exemplo de aplicação de cotagem:

17 F = Funcional NF = Não Funcional

18 Regras para Cotagem : - A distância entre o elemento e a linha de cota é constante e no mínimo de 7mm. Como também entre linhas de cotas paralelas. - Os eixos de simetria e as linhas do contorno não devem nunca ser usados como linhas de cota, embora podem ser usados como linhas de extensão. - Evita-se cotar arestas tracejadas. - Evite cotar em áreas hachuradas. Caso aconteça, deve-se parar a hachura no momento da cota.

19 Fim


Carregar ppt "Grupo 5 Bruno Batista Cunha Bruno Gomes Daniel Ferreira Gabriel Silva Batista Paulo Henrique Pedro Affonso - Escalas numéricas e gráficas - Cotagem Uberlândia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google